11-12-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A discoteca Estação da Luz, em Aveiro, vai receber no próximo dia 31 de agosto uma atuação única que promete ficar na memória dos amantes de música eletrónica presentes: um triplo back to back de Carlos Manaça, Miss Sheila e XL Garcia.
 
Os três grandes artistas portugueses vão estar numa competição saudável, uma vez que cada DJ escolhe um tema e desafia o próximo a continuar. A noite conta ainda com a atuação de Dub Tiger e Tiago Filipe, numa noite assinada pela Rebels.
 
“Quando criámos este conceito sabíamos que os rebeldes e inconformados existem um pouco por todo o mundo, por isso levar a Rebels a diferentes locais do país e do mundo significa reunir pessoas que se identificam com o espírito original do conceito: o de inquietude, rebeldia e procura incessante por música underground de alta qualidade”, revelaram Filipe Martins e Fernando Rodrigues, da equipa criativa da Rebels.
 
Recorde-se que Carlos Manaça, Miss Sheila e XL Garcia foram alguns dos artistas que fizeram parte do TOP 30 de 2018 do Portal 100% DJ.
 
Publicado em Eventos
segunda, 15 junho 2015 23:19

Barra Sounds Fest anuncia cancelamento

Aquele que pretendia ser um grande evento eletrónico em Aveiro, afinal não passou do papel e acabou por ser cancelado. Este novo festival anunciou nomes como Dimitri Vangelis & Wyman, Paris & Simo, Matisse & Sadko e Dzeko & Torres e devido à falta de licenças não se vai realizar no próximo dia 18 de julho, em Aveiro.
 
“Todos os possíveis foram feitos para a obtenção das licenças necessárias a tempo”, pode ler-se no comunicado do evento, que estava a ser produzido pela Raving Up, e divulgado na página do evento no Facebook.
 
O reembolso dos bilhetes será realizado na sua totalidade, “juntamente com a Blueticket, a partir de quarta-feira”, nas bilheteiras e nos postos de venda. No dia 17 de junho, a organização do Barra Sounds Fest irá revelar mais informações acerca do reembolso dos ingressos já adquiridos.
 
Em relação aos artistas contratados para o festival e para a tour de apresentação do mesmo, a organização garante que vai “cumprir com o acordo com estes combinado e produzir seis eventos nos próximos meses”.
 
Publicado em Eventos

A dupla espanhola Chus & Ceballos vai estar presente em Portugal durante o próximo fim de semana para duas atuações únicas. Na sexta-feira, dia 15 de abril, os DJs e produtores detentores da Stereo Productions assumem a cabine do NB Club em Viseu e no dia seguinte na Estação da Luz, em Aveiro.

 
Chus & Ceballos são considerados os ‘pais’ do aclamado Iberican Sound e têm percorrido todo o planeta, com performances em festivais como o Burning Man, The BPM Festival e discotecas como o Pacha e Space. O mais recente álbum de originais do duo, intitulado de “Nomadas”, foi lançado no final do ano passado.
 
Na próxima sexta-feira, os fãs da dupla espanhola podem assistir à atuação no NB Club em Viseu com preços entre os 5 e os 15 euros. O DJ residente do espaço é Victor Pirez. No sábado, antes da performance de Chus & Ceballos, a cabine fica a cargo de João Sanhudo e o residente André Almeida, na Estação da Luz.
 
O Portal 100% DJ teve a oportunidade de conversar com Chus & Ceballos, numa entrevista exclusiva que podes conferir aqui.

 

{youtube}R28B1iYs2Ys{/youtube}

Publicado em Artistas
sábado, 23 agosto 2008 20:20

Estação da Luz hoje em tons d'azul

Sob o signo “15 datas, 15 clubes, 15 novas experiências”, a edição de 2008 do Red Bull Blue Elements teve o seu arranque em Lisboa, na discoteca BBC e, até agora tem percorrido Portugal de lés a lés reinando assim os tons azuis e a animação que esta marca tão bem sabe proporcionar.

O último espaço a receber a Red Bull Blue Elements foi o emblemático Capitulo V em Albufeira, numa festa “azul até o sol raiar”.

Hoje, 23 de Agosto a bebida energética ruma a norte para marcar a cidade de Aveiro, mais especificamente a discoteca Estação da Luz, onde a Red Bull Blue Elements pretende instaurar a diferença com o norte-americano Terry Hunter aos comandos da cabine auxiliado pelo português Jepê, pela percurssão de Bul Bul e pelos visuals de Dub Video Connection.
Publicado em Nightlife

No aquecimento para duas atuações em Portugal - em Aveiro a 25 de abril, e em Faro a 10 de maio - falámos em exclusivo com Martin Solveig numa altura em que a EDM vive dias de verdadeira procura de identidade: se por um lado toda a gente toca as mesmas coisas e produz o mesmo tipo de música, por outro os produtores buscam o som do futuro, de um futuro que é já amanhã. Como não podia deixar de ser, graças à sua experiência na cena eletrónica, Martin mostra que está atento e lança pistas para o santo graal da EDM.

 
Olá Martin! Tens duas visitas em breve a Portugal - a 25 de abril na Queima em Aveiro e a 10 de maio na Semana Académica do Algarve - estás feliz por voltar ao nosso país?
Fico sempre feliz e excitado por voltar a Portugal porque considero que os portugueses são um dos melhores públicos do mundo. Na última década construí uma relação especial com os meus fãs portugueses: eles são dos poucos que seguem a minha carreira inteira desde o "Everybody" (de 2005) passando pelo "The Night Out" e "Hey Now", e claro, pelo "Hello" que foi um enorme sucesso também em Portugal. Sempre me senti muito bem recebido pelos portugueses. 
 

Sempre me senti muito bem recebido pelos portugueses.

 
Partilhaste recentemente com o mundo que 2014 seria um ano criativo para ti, que não tocarias muito e que cada atuação seria especial. Podes dizer-nos o que tens preparado para Portugal?
Tenho estado a trabalhar em muitas versões especiais e edits das minhas músicas. Estas versões não estão disponíveis em lado nenhum, não estão na internet, são apenas para usar nos meus DJ sets, por isso têm que vir ver-me e ouvir a música exclusiva que levo comigo e, espero que isso seja o que vai fazer a diferença nas minhas atuações em Portugal.
 
Tens estado ocupado em estúdio a fazer música nova. Quando é que podemos esperar novidades?
Estou neste momento no estúdio, tenho passado muito tempo aqui. Não sei quando a música será editada porque entrei num processo profundo de tentar reinventar o meu estilo, ou pelo menos trabalhar numa evolução sónica digna desse nome. Sinto que chegou a hora de o meu som evoluir. Obviamente um processo destes demora algum tempo e eu sempre preferi esperar até ter algo de verdadeiramente relevante para oferecer aos meus fãs do que apressar e editar algo que não estou seguro a 100%. 
 
Estás a produzir para outros artistas? Vamos ter mais colaborações com a Madonna ou outros artistas pop? 
Não estou a produzir para outros artistas. É algo que farei mais tarde.
 
"Blow", a tua colaboração com o Laidback Luke, foi o teu mais recente single. A música que estás a fazer segue aquela linha?
Não, o "Blow" não é de todo a direção em que estou a trabalhar. O tema foi produzido na alegria do momento, para fundir dois estilos num único tema e pelo divertimento de trabalhar com o Laidback Luke. Mas não define uma nova direcção para mim.
 

Sinto que Miami agora é mais uma celebração do sucesso mundial e do apreço pela EDM e da música de dança em geral.  

Como é que foi a Winter Music Conference? Ouviste alguma música nova e excitante que queiras partilhar connosco?
A WMC é sempre muito caótica, muito louca mas muito boa. Não estive em Miami muito tempo por isso não tive oportunidade de ouvir muita música mas ouvi alguns sets e destaco o do Diplo e do Dillon Francis que tocaram alguns temas exclusivos que são musicalmente entusiasmantes. Comparando os dias de hoje com os dias em que a internet não era tão globalmente disponível, eu diria que os DJ sets hoje têm que chegar a uma audiência mais genérica: para ter um bom feedback do público, tens que tocar uma série de temas que já são conhecidos pelas pessoas. Sinto que Miami agora é mais uma celebração do sucesso mundial e do apreço pela EDM e da música de dança em geral.
Sinto que há grandes mudanças no horizonte para a música eletrónica. Neste momento há duas tendências muito diferentes e muito fortes nos Estados Unidos e na Europa; e ambas vão em direções diferentes. Não estou com isto a querer dizer que uma tendência é melhor que a outra ou que uma vai sobrepor-se à outra, mas as coisas estão a evoluir muito. É uma oportunidade para quem quer inovar. Pode ser um pouco confuso no início mas no fim de contas precisamos que as músicas não soem todas iguais e é isso que irá acontecer, provavelmente, nos próximos anos. E é uma coisa boa.
 
 
Publicado em Entrevistas

Um incêndio destruiu o edifício onde funcionava a conhecida discoteca “Figa Club” em Argoncilhe, Santa Maria da Feira, durante a madrugada desta terça-feira. 

 
O proprietário da casa vive a poucos metros de distância e começou a ouvir vários barulhos e explosões por volta das cinco da manhã. Quando este saiu à rua para ver o que se passava deparou-se com um enorme incêndio e já só teve tempo de chamar os bombeiros, sem conseguir recuperar nada do interior do edifício totalmente consumido pelas chamas. 
 
A casa ficou completamente destruída registando avultados prejuízos ao seu proprietário e ao gerente da Discoteca. Ao local acorreram os bombeiros de Lourosa e a GNR sendo que ainda não são conhecidas as causas do incêndio. Não há registo de vítimas, pois o edifício estava vazio quando o fogo começou.
 
A noite portuguesa fica agora mais pobre, com esta tragédia que se abateu neste reconhecido espaço que sempre primava pela excelência de servir os seus clientes. 
 
A gerência fez entretanto um comunicado na página oficial do espaço, o qual transcrevemos na íntegra.
"Figa sofreu hoje um violento incêndio. Sabemos que o Figa era a grande casa da noite nos últimos tempos na zona onde se situa. Sabemos que o Figa estava forte, a mostrar o melhor lado da noite, com os melhores artistas, o melhor staff, as melhores instalações, o melhor som, a melhor discoteca. Figa incomodou, Figa mostrou ser grande e Figa ardeu. Ardeu mas não morreu. Nem a falta de seguro vai fazer com que o Figa deixe de renascer. Figa não é cobardia. Todas as pessoas do Figa, todo o staff, toda a gente que levantou o Figa está disposta a levanta-lo de novo. Lamentamos, ficamos tristes, mas não perdemos o rumo de devolver a melhor noite da zona do porto a quem a merece, aos nossos clientes. Estejam preparados, o Figa voltará ainda mais forte."
 
 
Fonte: Correio da Manhã.
 
Publicado em Nightlife
A TOP FM Beach Party está de regresso este sábado, 8 de agosto, para aquela que será a sua sexta edição. Foram muitas as pessoas que estiveram presentes na TOP FM Beach Party ao longo da sua existência, o que a tornou no evento do género com maior afluência de público na região, e que este ano tem o Portal 100% DJ como parceiro media.
 
Para esta edição, a Praia da Barra será palco da atuação dos convidados internacionais, Vicetone, Jay Hardway, Arno Cost e os Wolpack. Os portugueses Jonh Mayze & Miguel Faria, BacktoBeat e DJM. Louiz completam o cartaz de luxo.
 
A contagem decrescente já começou e a organização promete algumas surpresas, bem como a implementação de várias melhorias na sua estrutura, indo assim ao encontro das expetativas criadas em torno da realização deste mega evento. As portas desta edição abrem pelas 21:30 e encerram às 6 horas da madrugada.
 
A nível de acessibilidades existe um bilhete especial de ida e volta a dois euros válido para viagens nos comboios Urbanos do Porto com destino a Aveiro. Também é possível obter um desconto de 30%, nos serviços InterCidades, Regional e InterRegional com partida em qualquer origem e com destino à cidade que irá acolher o evento.
 
No dia da realização, 8 de agosto, vai estar disponível um transfer na Estação de Comboios de Aveiro até ao recinto do evento entre as 21 e as 08 horas do dia seguinte. As partidas são regulares de 30 em 30 minutos com o custo de um euro cada viagem.
 
Em baixo poderás conferir o line-up com os respetivos horários, divulgado pela organização.
 
  • 22h - DJM Louiz 
  • 22:45h - BacktoBeat
  • 23:30h - Arno Cost
  • 01h - Wolfpack
  • 02:30h - Vicetone
  • 04h - Jay Hardway
  • 05:30h - John Mayze & Miguel Faria
 
Publicado em Eventos
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.