25-05-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

Cerca de 160 operacionais apoiados por 42 viaturas e quatro meios aéreos, combateram esta tarde um incêndio que deflagrou nas imediações do festival Andanças, em Castelo de Vide (Portalegre), que obrigou à retirada de quatro mil pessoas do recinto do festival e danificou centenas de viaturas. 
 
O alerta foi dado às 15 horas e fonte da GNR indicou à agência Lusa que o fogo teve origem numa viatura estacionada num parque, que fica localizado a "algumas centenas de metros" do recinto do festival. O incêndio destruiu centenas de viaturas e não causou danos pessoais.
 
"O recinto do festival não esteve em perigo, nem foi evacuado", explicou a fonte, indicando, contudo, que as autoridades aconselharam os festivaleiros a abandonar o local, por precaução.
 
Em declarações aos jornalistas, Graça Gonçalves, da organização do Andanças, afirmou que “há condições para manter o festival em funcionamento” e que, da parte dos promotores, “está tudo a postos para continuar”, aguardando-se apenas a autorização das diferentes forças de segurança e socorro. Haverá, no entanto, algumas alterações na programação.
 
O Andanças - Festival Internacional de Danças Populares decorre desde segunda-feira nas margens da albufeira de Póvoa e Meadas, no concelho de Castelo de Vide.
 
Promovida pela PédeXumbo, Associação para a Promoção da Música e Dança, a 21.ª edição do festival esperava receber, até domingo, 40 mil visitantes, numa área de 28 hectares.
 
 
 
Publicado em Festivais
segunda, 03 setembro 2012 22:39

Redes sociais: Optimus Alive foi o mais falado

As redes sociais Facebook e Twitter geraram um total de 12.086 publicações durante os períodos de sete dos principais festivais de música em Portugal, segundo um estudo do E.life Group, uma empresa de monitorização.
 
A análise decorreu entre 5 de Junho e 19 de Agosto e registou, através de vários termos de pesquisa utilizados em dois sistemas de medição da empresa no Facebook e no Twitter, um total de 12.086 publicações, tendo o Optimus Alive, em Oeiras, sido o evento mais citado com 3.092 publicações e um impacto de 1.640.509 pessoas.
 
Porém, as citações não equivalem necessariamente a impacto, tendo o Primavera Sound, no Porto, sido o menos citado (1.039 publicações), ainda que tenha ficado em terceiro lugar em termos de impacto total, ou seja, a extensão de pessoas a que chegou, que foi de 1.130.596.
 
Já Paredes de Coura, em segundo lugar no que toca ao impacto com 1.278.123 pessoas, verificou um particular destaque para o regresso dos Ornatos Violeta no que toca ao conteúdo das mensagens, indicou o documento da E.life, com a chuva a também ser um elemento das partilhas dos utilizadores das duas redes sociais.
 
Para vários dos sete eventos, as publicações no Facebook e no Twitter diziam respeito a informações gerais como horários e actuações de bandas em concreto.
Publicado em Festivais
A organização do Rock in Rio-Lisboa acaba de anunciar o plano de mobilidade para a 8.ª edição do festival que, este ano, conta com número recorde de operadores, prolongamento de horários nos principais serviços urbanos e maior abrangência nacional. Abreu, Budget, BusUp, Carris, Cityrama, CP (Urbanos e Longo-Curso), Fertagus, Metro de Lisboa, mytaxi, Transtejo e Soflusa e Rede Expressos juntam-se, assim, numa mega operação que visa, em simultâneo, incentivar os visitantes da Cidade do Rock a deixarem os carros em casa.

Com o objetivo de facilitar o acesso e saída do recinto, num evento que contou com mais de 300 mil pessoas na sua última edição em Lisboa, os operadores envolvidos neste plano oferecem packs e condições especiais para a deslocação dos fãs, bem como o reforço dos serviços urbanos habituais. O Metropolitano de Lisboa alargará os seus serviços nos dias do festival até às 3 horas da madrugada, as viagens nos comboios urbanos CP Lisboa da linha de Cascais e de Sintra serão gratuitas mediante a apresentação do bilhete para o festival, enquanto a Fertagus oferece o estacionamento nos seus parques automóveis ao longo das estações da margem sul. Além destas vantagens, a mytaxi vai, pela primeira vez, assegurar táxis coletivos na cidade de Lisboa a preços fixos e a organização do Rock in Rio-Lisboa colocará em circulação um shuttle com partidas de pontos estratégicos na envolvente de Lisboa que levará os fãs até à porta da Cidade do Rock pelo valor de 12 euros (ida e volta).

Para Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio, "esta será a edição do festival com mais soluções de mobilidade para os nossos fãs. Acreditamos que o trabalho desenvolvido com estes operadores e empresas parceiras vai resultar numa maior adesão ao uso dos transportes coletivos, em detrimento do transporte individual, em linha com o nosso compromisso na construção de um mundo mais sustentável."

Metropolitano de Lisboa
Nos dias 23, 24, 29 e 30 de junho estará operacional até às 03h00, com 4 linhas abertas e cerca de 30 estações, com metros a sair a cada 6 minutos.

CP-Urbanos
Ao apresentar bilhete para o Rock in Rio-Lisboa - nas portas de acesso e a bordo dos comboios -, a CP oferece a utilização dos serviços nos Comboios Urbanos de Lisboa e nos comboios especiais do Cais do Sodré para Cascais e de Oriente/Roma-Areeiro para Sintra. Haverá ainda horários especiais com as últimas partidas às 02h40 (Lisboa Oriente), 02h47 (Roma-Areeiro em direção a Sintra - paragem em todas as estações) e 03h00 (Cais do Sodré em direção a Cascais - paragem em todas as estações).

CP Longo-Curso
O já famoso pack ROCKCard CP inclui bilhete para o evento, viagem de comboio intercidades ida e volta para Lisboa Oriente e transfer de autocarro Gare do Oriente – Cidade do Rock – Gare do Oriente. Estes pacotes têm um preço de 84 euros (partidas da Zona Centro) e 89 euros (partidas da Zona Norte). Na Linha do Norte a CP assegura, ainda, comboios especiais na madrugada seguinte a cada dia de evento, com partida de Lisboa Oriente e destino a Porto Campanhã.
CP Intercidades, InterRegionais e Regionais
Em todos os serviços CP Intercidades, InterRegionais e Regionais, é também possível usufruir de um desconto de 30% na viagem, mediante apresentação do bilhete Rock in Rio-Lisboa.

mytaxi
A aplicação para serviços de táxi, pretende oferecer uma forma de mobilidade simples e cómoda para os fãs se deslocarem de e para a Cidade do Rock. Basta descarregar a aplicação e sugere-se a reserva antecipada do serviço, selecionando os pontos de referência mytaxi disponíveis à volta do recinto. Haverá ainda táxis colectivos na cidade de Lisboa a preços fixos para deslocações até ao recinto e com partida deste.

BusUp
Através desta será possível escolher entre uma das rotas pré-definidas ou propor novas rotas que sejam mais convenientes. Uma nova forma de transporte coletivo, cómodo e sustentável.

Shuttle BusUp
A BusUp será, também, responsável pela operação do shuttle Rock in Rio-Lisboa com partidas em pontos estratégicos na envolvente da capital, nomeadamente Cascais Villa, Beloura Shopping, Oeiras Parque, Strada Outlet e Forum Montijo. Este transporte leva os fãs até à porta da Cidade do Rock por 12 euros (ida e volta), com partidas às 11h00, 14h00, 17h00 e 20h00, e regresso às 00h30, 01h00 e 02h30. 

Fertagus
Nos dias de Rock in Rio-Lisboa, a Fertagus vai disponibilizar um comboio com horários especiais da estação Roma-Areeiro e destino a Setúbal, efetuando paragens em todas as estações a partir do Pragal. As partidas estão marcadas para a 01h45 nos dias 23, 24 e 30 de junho, e para a 01h28 no dia 29 de junho. 
Além disso, ao apresentar bilhete para o festival na bilheteira da Fertagus, na compra de uma viagem ida e volta a Fertagus oferece o estacionamento.

Transtejo e Soflusa
As duas entidades irão operar os trajetos Cais do Sodré-Cacilhas (com o último barco a sair à 01h40) e Terreiro do Paço-Barreiro (com o último barco às 02h00).

Rede Expressos
Para quem reside fora de Lisboa, a Rede Expressos oferece mais de 250 pontos de partida nacionais em direção a Lisboa. Mediante a apresentação de bilhete Rock in Rio-Lisboa, os passageiros terão direito a 25% de desconto nas viagens nacionais. 

Abreu
A Agência irá transportar os fãs de Braga, Guimarães, Porto, Aveiro, Coimbra e Algarve. Por 79 euros é possível adquirir o pack Rock in Rio Express que inclui o bilhete para entrar na Cidade do Rock e transporte ida e volta para uma das cidades referidas.

Budget
A pensar nas famílias – público prioritário neste serviço -, os shutles Budget vão realizar o trajeto da Estação Roma-Areeiro até à Cidade do Rock.

Carris
A Carris irá assegurar vários trajetos que permitem a deslocação até ao recinto. Haverá autocarros a partir de quatro carreiras do lado de Chelas e três carreiras do lado da Av. Almirante Gago. A partir das 23h30, entra em funcionamento a Rede da Madrugada com o 208 a operar entre o Cais do Sodré e a Estação do Oriente.

Cityrama
A Cityrama oferece 25% de desconto para todos os portadores de bilhete Rock in Rio-Lisboa, no serviço de shuttle com partidas de Marquês de Pombal, Sete Rios e Cidade do Rock, nos seguintes horários: 12h00 – 20h00; 23h00 – 02h00. O preço é de 12,50 euros no local ou 10 euros se adquirido atempadamente. 

Eu Vou de Bicicleta
Em parceria com a Cofidis, o Rock In Rio disponibiliza um Bike Park para que todos os ciclistas possam deixar as suas bicicletas enquanto desfrutam do evento. 

Cooltra/eCooltra
Esta parceria contempla soluções com scooters elétricas, um pack de aluguer de mota exclusivo para os festivaleiros (um dia por 24,90 eurps ou por 2 dias por 49,90 euros, ambas as opções com capacete e top case incluídos), minutos grátis para aluguer através da eCooltra, estacionamento reservado para scooters do grupo Cooltra e apoio a toda a organização antes e durante o evento.
Publicado em Rock in Rio
O festival MEO Sudoeste, que decorreu no mês passado na Zambujeira do Mar, foi o grande evento de música mais mediático em agosto, segundo um estudo feito pela Cision.
 
O estudo “Maratona dos Festivais de Verão – Ranking Cision” analisou o desempenho mediático de vários festivais, com base no número de artigos noticiosos e o espaço e tempo ocupados pelos mesmos na comunicação social. A análise foi feira a mais de 2000 meios de televisão, rádio, imprensa e online.
 
Segundo a revista Blitz, o MEO Sudoeste foi referido em 795 notícias, seguido pelo Vodafone Paredes de Coura com 1048 e o Sol da Caparica com 462. Entre janeiro e agosto, o NOS Alive foi o mais mediático.
 
Confere abaixo a lista dos festivais mais mediáticos no mês de agosto:
 
  • 1 – MEO Sudoeste
  • 2 – Vodafone Paredes de Coura
  • 3 – Sol da Caparica
  • 4 – EDP Cool Jazz
  • 5 – NOS Alive
  • 6 – Super Bock Super Rock
  • 7 – NOS Primavera Sound
  • 8 – MEO Marés Vivas
  • 9 – Sumol Summer Fest
 
{youtube}aoHL1RR4a38{/youtube}
Publicado em Festivais
quinta, 09 agosto 2018 21:10

Hardwell falha MEO Sudoeste

O DJ e Produtor holandês Hardwell acaba de cancelar a sua atuação agendada para hoje, 9 de agosto, no festival MEO Sudoeste. Além de ser um dos cabeças de cartaz desta quinta-feira, o DJ foi um dos primeiros confirmados no cartaz do evento.

"Devido a doença súbita, o DJ Hardwell está impossibilitado de atuar no festival MEO Sudoeste esta noite", confirmou a organização em comunicado. Wet Bed Gang e Kura vão substituir o DJ que já tinha atuado no mesmo recinto em 2014 e 2015.

O MEO Sudoeste realiza-se até sábado, 11 de agosto, na Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar. Depois de, em 2017, o festival ter recebido cerca de 200 mil pessoas, a organização estima que esse número seja superado até ao último dia.
 
Publicado em Festivais
Nicky Romero – Ultra Music Festival Live 2013
Mainstage 15-03-2013
 
TrackList:
  • 01. Avicii & Nicky Romero – I Could Be The One (Nicktim) (Vocal Mix)
  • 02. Nicky Romero – Legacy
  • w/ Syndicate Of L.A.W. – Right On Time (2000 Countdown The Holly Digit)
  • w/ Zedd feat. Matthew Koma – Spectrum (Acappella)
  • 03. Tony Romera – Pandor
  • w/ Tony Romera – Pandor (Hardwell Rambo Edit)
  • 04. David Guetta feat. Ne-Yo & Akon – Play Hard (Albert Neve Remix)
  • w/ Bassjackers – ID
  • w/ Fatboy Slim – Ya Mama (Push The Tempo) (Acappella)
  • 05. Calvin Harris feat. Ellie Goulding – I Need Your Love (Nicky Romero Remix)
  • 06. Nicky Romero – Toulouse (Tommy Trash Remix)
  • w/ Nicky Romero – Toulouse
  • 07. Nicky Romero – Ultra ID 1
  • 08. Fedde Le Grand & Nicky Romero feat. Matthew Koma – Sparks (Turn Off Your Mind)
  • w/ W&W & Ummet Ozcan – The Code
  • 09. ID – ID
  • 10. Nicky Romero – Symphonica (Bare Remix)
  • w/ Nicky Romero – Symphonica
  • w/ Will.I.Am feat. Eva Simons – This Is Love (Acappella)
  • 11. Nicky Romero – Ultra ID 2
  • 12. Nicky Romero & NERVO – Like Home
  • 13. David Guetta & Nicky Romero – Metropolis
  • w/ Delerium feat. Sarah McLachlan – Silence (Acappella)

 

 

 

Publicado em Ultra Music Festival
O Ultra Music Festival (UMF) regressa à baixa de Miami pela 18ª vez consecutiva nos próximos dias 18, 19 e 20 de março. É um dos festivais de música eletrónica mais famosos, reconhecidos e desejados a nível internacional, com um cartaz de luxo e repleto de novidades a cada ano que passa.
 
Este ano o cartaz é composto por nomes como Blasterjaxx, Don Diablo, Alok, Dyro, Julian Jordan, Afrojack, Carl Cox, Dash Berlin, deadmau5, Kygo e o português Diego Miranda que se estreia no UMF no Stage7.
 
Para quem não tem oportunidade de se deslocar, existem as habituais transmissões em direto através da internet, que deixam os fãs do evento literalmente colados ao ecrã durante várias horas. O livestream da edição deste ano já foi anunciado, através de um video que tem como protagonista Hardwell e o seu cão Jager van de Corput. A transmissão em direto vai ter início a 18 de março e prolonga-se durante os dois dias seguintes.
 
 
A exemplo do ano passado, o Portal 100% DJ esteve à conversa com vários amantes da música eletrónica que já embarcaram no avião com destino a Miami, para viver e experienciar toda a magia do UMF e da Miami Music Week.
 
João Santos é natural de Sintra, tem 22 anos e vai pela primeira vez ao festival. Com expectativas “muito elevadas”, pretende ver bem de perto artistas como The Prodigy, Yellow Claw, Andrew Rayel, e deadmau5. “Para mim existem dois festivais de música eletrónica no mundo: Tomorrowland (Bélgica) e UMF (Miami). O resto é cópia. Uma vez que já fui ao Tomorrowland, falta-me o UMF para cumprir o meu sonho. Não podia estar mais feliz!”, confessa o jovem ao Portal 100% DJ. As suas preferências recaem sobre Pete Tha Zouk e Massivedrum, quando questionado sobre os artistas nacionais que gostaria de ver no "UMF". Na mala de viagem leva a bandeira de Portugal, t-shirt da "Tomorrowland Crew Portugal", protetor solar e calçado confortável. Na opinião do português, no nosso país falta um festival “grandioso”, uma vez que estão reunidas todas as condições tais como “espaço, sol e cerveja”. “Bastava um espaço cuidado e um cartaz competitivo! As pessoas vinham de todo o lado. Vejam o exemplo do Tomorrowland”, diz. Uma vez que ir ao "UMF" não é um investimento barato, o jovem admite que “não foi nada fácil arranjar todo o dinheiro necessário” e teve de “fazer uma espécie de contrato” consigo mesmo: todos os meses, levantava uma quantia certa de dinheiro. O bilhete e os voos foram planeados com alguma antecedência “para garantir os melhores preços”.
 
 
Uma das representantes do sexo feminino português é Susana Coelho, de 35 anos, que partiu diretamente de Boliqueime para Miami pela primeira vez. Apesar de já ter estado presente em alguns festivais, “as expectativas são as mais altas possíveis” e nem as consegue exprimir por palavras. Em Portugal, Susana afirma que existem “excelentes profissionais e pessoas super talentosas” que poderiam subir a um dos palcos do "UMF", como vai acontecer com Diego Miranda. Sapatos e roupa confortável “para dançar e pular todos os segundos do festival”, máquina fotográfica “para poder reviver em Portugal os grandes momentos” e a bandeira nacional são alguns dos objetos que leva na bagagem. Para viajar até Miami, a algarvia realizou algumas poupanças mas afirma que “com algum esforço todos os meses, 'grão a grão' consegue-se. Quando colocamos metas e objetivos, tudo se consegue!”. Um dos conselhos que deixa a quem pretende ir ao "UMF" no futuro é comprar as viagens e bilhetes bastante tempo antes, uma vez que o preço é mais acessível e “não custa tanto, porque os pagamentos são faseados ao longo do ano”.
Hardwell, Armin van Buuren e Steve Angello são os artistas que deseja ver com mais atenção em Miami. “Já que temos tanto turismo, praia e clima fantásticos, porque não sermos conhecidos também por festivais brutais e controlados”, que ao mesmo tempo atraem “mais pessoas a virem conhecer o nosso país?”, questiona Susana deixando a sugestão para a realização de um grande festival em Portugal.
 
 
Tiago Rodrigues tem 27 anos e vive em Issy-les-Moulineaux, em França, de onde partiu em direção ao Ultra Music Festival pela primeira vez. O português não vive de ilusões e vai para Miami com o objetivo de “ver para crer”, toda a grandiosidade do festival de música eletrónica. Apesar de não estar presente atualmente em Portugal, Tiago não foge às suas origens e destaca Pete Tha Zouk como o artista nacional que gostaria de ver num palco do Ultra Music Festival. Na sua mala de viagem, além de todos os objetos essenciais, o português garante que não se vai esquecer da sua garrafa de whisky. Relativamente a Portugal, Tiago afirma que “a nível de festivais, não estamos mal servidos” e que não tem “razão de queixa” quando questionado a respeito do investimento feito para viajar até ao Ultra. Nos seus planos, a atuação de Martin Garrix será imperdível.
 
 
Residente em Leiria, Zé Manel leva as suas expectativas para Miami “muito altas, visto que o line-up está muito bom”. Em Portugal, considera que existem ótimos DJs como o Kura, afirmando que seria “muito bom” vê-lo atuar neste Festival. A câmara GoPro, carteira, bilhete do festival, bandeira de Portugal e da marca Armin van Buuren Intense são alguns dos objetos que irão consigo para Miami. “Infelizmente Portugal precisa de um festival a sério”, afirma Zé Manel ao Portal 100% DJ, poucos dias antes de embarcar no avião com destino aos Estados Unidos da América. Para esta viagem, o português admite que é fácil: “Basta querer. Lutei para ir, pois é complicado devido aos salários baixos que se recebe em Portugal”. Entre os artistas que pretende assistir estão deadmau5, Armin van Buuren e Tiesto.
 
 
Daniel Reis tem 28 anos e vive na Cordinhã (Coimbra). Esta vai ser a sua estreia no Ultra, juntamente com o seu irmão. As suas expectativas são “muito grandes” e consigo leva a bandeira de Portugal, uma “peça fundamental”, tal como o bilhete pois “sem ele não há festa”. Pete Tha Zouk seria a sua escolha nacional para estar presente no cartaz do UMF, se o português fizesse parte da equipa de organização do festival. A atuação dos The Prodigy é uma das mais esperadas por Daniel, que certamente irá assistir bem de perto, uma vez que para realizar esta “viagem de sonho para um festival único” teve “dois anos a juntar dinheiro”. Em relação ao facto de Portugal vir a receber no futuro um evento como o Ultra Music Festival, o jovem confessa que o território lusitano “não tem condições nem logística para um festival deste género”.
 
 
{youtube}F0xoBUDUYyo{/youtube}
 
Publicado em Reportagens
segunda, 19 março 2012 19:28

Rock in Rio 'acorda' Portugal

A organização do maior evento de música e entretenimento do mundo apresenta “Wake Up Portugal”, uma campanha multimeios gravada no Brasil que já se encontra a circular em vários suportes.
 
O filme “Wake Up Portugal” é protagonizado pelos brasileiros Sepultura e pelos franceses Tambours du Bronx, dupla que atuará no Palco Mundo no dia 25 de maio, e foi gravado numa das melhores vistas do Rio de Janeiro, o Mirante Dona Martha. Neste local, a banda brasileira é rodeada pelos franceses e seus tambores, num ambiente portentoso onde o claim “Wake Up Portugal” é entoado em alto e bom som, relembrando a todos que o Rock in Rio-Lisboa está de regresso com toda a sua força.

Esta campanha marca, sem dúvida, a abertura da temporada Rock in Rio-Lisboa 2012. O filme, cuja produção exigiu um investimento à volta dos 400.000 euros é o “toque de despertar” para todos os que desejam garantir um lugar na Cidade do Rock em maio e junho próximos”, afirmou Agatha Arêas, Diretora de Marketing do Rock in Rio-Lisboa 2012.

Os bilhetes para os dias 25 e 26 de Maio, 1 e 3 de Junho já se encontram à venda e custam 61 euros. Os interessados em adquirir bilhetes para estes dias podem fazê-lo na FNAC, em 68 sucursais do Millennium bcp, nos postos de abastecimento da BP aderentes (33 euros + 1.500 pontos BP premierplus) e no site oficial do evento em www.rockinriolisboa.sapo.pt. Já é também possível comprar bilhetes para o evento através do site do Continente, em http://www.rockinrio.continente.pt/, com 20% de desconto em cartão. Relembramos que quem adquiriu o Kit de Natal do Rock in Rio-Lisboa 2012 deve trocar o voucher até dia 7 de abril por um bilhete para qualquer dia de evento.

O Rock in Rio-Lisboa volta ao Parque da Bela Vista nos dias 25, 26 de maio e 1, 2 e 3 de junho de 2012 e até ao momento estão confirmadas as presenças de Metallica, Evanescence, Mastodon e Sepultura com os Tambours du Bronx no dia 25 de maio; Smashing Pumpkins, Linkin Park, The Offspring e Limp Bizkit no dia 26 de maio; Lenny Kravitz, Maroon 5, Ivete Sangalo e Expensive Soul no dia 1 de junho; e Bruce Springsteen, Xutos & Pontapés e James no dia 3 de junho.
 
 
Publicado em Rock in Rio
quarta, 23 maio 2012 23:00

A Cidade do Rock (Mapa)

 
Publicado em Rock in Rio

 

Os DJs e produtores portugueses Cruz, Kaesar, Magazino, Serginho e Tiago Marques ficaram agora a cargo da matiné da Bloop Recordings, que vai acontecer no festival NEO POP, em Viana do Castelo, de 12 a 15 de agosto.
 
Entre as novidades para este ano, irá decorrer a festa de abertura do festival de música eletrónica, em Santa Luzia, no dia 12 de agosto, com entrada livre. No line up, constam nomes como Acid Symphony Orchestra (live), Biolive (by Oscar Mulero & Fium), Max Cooper (live), Reykjavik 606 (live), Echomental live (by Alex Fx), Space Exploration (by Lewis Fautzi live) e The Gold Of The Labyrinth Soundtack (by Mr. Herbert Quain).
 
Os bilhetes já se encontram à venda nos locais habituais, a preços entre os 75 (passe geral normal) e os 150 euros (passe geral com acesso à área VIP, WC privativa, 8 senhas de bebida, livro, t-shirt, chapéu e fita).
 
Confere abaixo todos os artistas confirmados até ao momento e os respetivos dias:
 
12 de agosto:
NEO Stage:
Alex.Do, Marco Carola, Son Kite (live), Freshkitos
Santa Luzia Opening Concert:
Acid Symphony Orchestra (live), Biolive by Oscar Mulero & Fium, Max Cooper (live), Reykjavik 606 (live), Echomental (live) by Alex FX, Marco Coelho, Space Exploration by Lewis Fautzi, The Gold Of The Labyrinth Soundtrack by Mr. Herbert Quain
 
13 de agosto:
NEO Stage:
DVS1, Joseph Capriati, Oscar Mulero, Robert Hood, Rodhad, Sven Vath, Bloop Recordings Matinee by Cruz, Kaesar, Magazino, Serginho, Tiago Marques
Anti Stage:
Don Williams, Eduardo de La Calle, Move D, Steevio & Suzybee (live), Dexter, Pixel82, Rompante (live)
 
14 de agosto:
NEO Stage:
Chris Liebing, Deep Dish, K!z, Recondite (live), Paco Osuna, Paul Ritch (live), Tiago Fragateiro
Anti Stage:
Abdulla Rashim, James Ruskin, Jonas Kopp, Tripeo (live), Vril (live), A Thousand Details (live), Terzi
 
15 de agosto:
NEO Stage:
Dixon, Loco Dice, Luciano, Mano Le Tough, Schwarzmann (live), The Martinez Brothers, Cardia, Frank Maurel
Anti Stage:
Dasha Rush (live), Karenn (live), Secluded (live), Shifted (live), Zadig, Lewis Fautzi (live), Nuno Di Rosso, Ruuar
 
Publicado em Eventos
Pág. 1 de 11
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.