23-03-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A agência Pepper foi a escolhida para levar a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa à edição deste ano do Rock in Rio. Esta é a primeira vez que a instituição participa num festival deste tipo, sob o lema "Por tua causa", em que vai ficar encarregue de acompanhar os festivaleiros da entrada até à saída do evento.

Em representação de todas as instituições da Santa Casa da Misericórdia, a ativação vai ter como pontos principais o stand central, a aposta nos valores nacionais presentes no palco Sunset e na nova montanha russa Jet Star.

A pensar na folia do público, a Santa Casa vai também marcar presença com um rastreio de alcoolemia. Outra iniciativa é a raspadinha Rock in Rio, uma aposta habitual, mas agora com a presença da Santa Casa.

A Pepper vai ter ainda a seu cargo diversas animações durante todo o festival, nos intervalos dos concertos e na zona VIP.
 
Publicado em Rock in Rio
De 9 a 11 de agosto do próximo ano, o Festival Neopop regressa a Viana do Castelo para três dias com o melhor que a música electrónica tem para oferecer, no local de sempre, junto ao Forte de Santiago da Barra.

Além das datas anunciadas hoje na conferência de imprensa, foram ainda divulgados alguns dados resultantes de um estudo encomendado pela organização à empresa Ernst & Young Global Limited à edição deste ano.
 
O Festival gerou um retorno financeiro em Viana do Castelo de 3,5 milhões de euros em três dias com cerca de 30 mil pessoas a visitar a cidade e o distrito. Deste montante, 1,3 milhões foram gastos no setor da restauração, 944 euros em alojamento sendo que em média cada festivaleiro passou três a quatro noites na região dos quais 54% ficaram em alojamento local, 998 euros no comércio local e 285 em deslocações e viagens no distrito. A edição de 2017 recebeu visitantes oriundos de 52 nacionalidades diferentes, sendo que 62% do público foi português. Entre 5 a 7 espectadores já tinham vindo mais do que uma vez ao festival. A idade de 43% dos festivaleiros oscila entre os 26 e 35 anos de idade.

Relativamente à hospitalidade da população de Viana do Castelo, o estudo agora revelado vem dizer que 92% dos visitantes classificou a relação com a comunidade local como "Boa" ou "Muito Boa". Cerca de 26% dos festivaleiros ouvidos neste levantamento referiram que se não fosse o Neopop não se deslocavam à região.

Relativamente à edição do próximo ano a organização salienta que pretende "um cartaz mais coeso e que os vianenses participem mais no festival. Queremos que a experiência Neopop não seja só musical, mas também cultural, gastronómica, turística, que as pessoas desfrutem da cidade. Queremos passar a linha dos 30 mil visitantes".

Os primeiros bilhetes para a 13.ª edição do festival foram hoje colocados à venda, num formato "early bird", pelo valor de 65 euros, tornando-se impossível dizer "havemos de ir a Viana".
 
Publicado em Festivais
O Ultra Music Festival (UMF) regressa à baixa de Miami pela 18ª vez consecutiva nos próximos dias 18, 19 e 20 de março. É um dos festivais de música eletrónica mais famosos, reconhecidos e desejados a nível internacional, com um cartaz de luxo e repleto de novidades a cada ano que passa.
 
Este ano o cartaz é composto por nomes como Blasterjaxx, Don Diablo, Alok, Dyro, Julian Jordan, Afrojack, Carl Cox, Dash Berlin, deadmau5, Kygo e o português Diego Miranda que se estreia no UMF no Stage7.
 
Para quem não tem oportunidade de se deslocar, existem as habituais transmissões em direto através da internet, que deixam os fãs do evento literalmente colados ao ecrã durante várias horas. O livestream da edição deste ano já foi anunciado, através de um video que tem como protagonista Hardwell e o seu cão Jager van de Corput. A transmissão em direto vai ter início a 18 de março e prolonga-se durante os dois dias seguintes.
 
 
A exemplo do ano passado, o Portal 100% DJ esteve à conversa com vários amantes da música eletrónica que já embarcaram no avião com destino a Miami, para viver e experienciar toda a magia do UMF e da Miami Music Week.
 
João Santos é natural de Sintra, tem 22 anos e vai pela primeira vez ao festival. Com expectativas “muito elevadas”, pretende ver bem de perto artistas como The Prodigy, Yellow Claw, Andrew Rayel, e deadmau5. “Para mim existem dois festivais de música eletrónica no mundo: Tomorrowland (Bélgica) e UMF (Miami). O resto é cópia. Uma vez que já fui ao Tomorrowland, falta-me o UMF para cumprir o meu sonho. Não podia estar mais feliz!”, confessa o jovem ao Portal 100% DJ. As suas preferências recaem sobre Pete Tha Zouk e Massivedrum, quando questionado sobre os artistas nacionais que gostaria de ver no "UMF". Na mala de viagem leva a bandeira de Portugal, t-shirt da "Tomorrowland Crew Portugal", protetor solar e calçado confortável. Na opinião do português, no nosso país falta um festival “grandioso”, uma vez que estão reunidas todas as condições tais como “espaço, sol e cerveja”. “Bastava um espaço cuidado e um cartaz competitivo! As pessoas vinham de todo o lado. Vejam o exemplo do Tomorrowland”, diz. Uma vez que ir ao "UMF" não é um investimento barato, o jovem admite que “não foi nada fácil arranjar todo o dinheiro necessário” e teve de “fazer uma espécie de contrato” consigo mesmo: todos os meses, levantava uma quantia certa de dinheiro. O bilhete e os voos foram planeados com alguma antecedência “para garantir os melhores preços”.
 
 
Uma das representantes do sexo feminino português é Susana Coelho, de 35 anos, que partiu diretamente de Boliqueime para Miami pela primeira vez. Apesar de já ter estado presente em alguns festivais, “as expectativas são as mais altas possíveis” e nem as consegue exprimir por palavras. Em Portugal, Susana afirma que existem “excelentes profissionais e pessoas super talentosas” que poderiam subir a um dos palcos do "UMF", como vai acontecer com Diego Miranda. Sapatos e roupa confortável “para dançar e pular todos os segundos do festival”, máquina fotográfica “para poder reviver em Portugal os grandes momentos” e a bandeira nacional são alguns dos objetos que leva na bagagem. Para viajar até Miami, a algarvia realizou algumas poupanças mas afirma que “com algum esforço todos os meses, 'grão a grão' consegue-se. Quando colocamos metas e objetivos, tudo se consegue!”. Um dos conselhos que deixa a quem pretende ir ao "UMF" no futuro é comprar as viagens e bilhetes bastante tempo antes, uma vez que o preço é mais acessível e “não custa tanto, porque os pagamentos são faseados ao longo do ano”.
Hardwell, Armin van Buuren e Steve Angello são os artistas que deseja ver com mais atenção em Miami. “Já que temos tanto turismo, praia e clima fantásticos, porque não sermos conhecidos também por festivais brutais e controlados”, que ao mesmo tempo atraem “mais pessoas a virem conhecer o nosso país?”, questiona Susana deixando a sugestão para a realização de um grande festival em Portugal.
 
 
Tiago Rodrigues tem 27 anos e vive em Issy-les-Moulineaux, em França, de onde partiu em direção ao Ultra Music Festival pela primeira vez. O português não vive de ilusões e vai para Miami com o objetivo de “ver para crer”, toda a grandiosidade do festival de música eletrónica. Apesar de não estar presente atualmente em Portugal, Tiago não foge às suas origens e destaca Pete Tha Zouk como o artista nacional que gostaria de ver num palco do Ultra Music Festival. Na sua mala de viagem, além de todos os objetos essenciais, o português garante que não se vai esquecer da sua garrafa de whisky. Relativamente a Portugal, Tiago afirma que “a nível de festivais, não estamos mal servidos” e que não tem “razão de queixa” quando questionado a respeito do investimento feito para viajar até ao Ultra. Nos seus planos, a atuação de Martin Garrix será imperdível.
 
 
Residente em Leiria, Zé Manel leva as suas expectativas para Miami “muito altas, visto que o line-up está muito bom”. Em Portugal, considera que existem ótimos DJs como o Kura, afirmando que seria “muito bom” vê-lo atuar neste Festival. A câmara GoPro, carteira, bilhete do festival, bandeira de Portugal e da marca Armin van Buuren Intense são alguns dos objetos que irão consigo para Miami. “Infelizmente Portugal precisa de um festival a sério”, afirma Zé Manel ao Portal 100% DJ, poucos dias antes de embarcar no avião com destino aos Estados Unidos da América. Para esta viagem, o português admite que é fácil: “Basta querer. Lutei para ir, pois é complicado devido aos salários baixos que se recebe em Portugal”. Entre os artistas que pretende assistir estão deadmau5, Armin van Buuren e Tiesto.
 
 
Daniel Reis tem 28 anos e vive na Cordinhã (Coimbra). Esta vai ser a sua estreia no Ultra, juntamente com o seu irmão. As suas expectativas são “muito grandes” e consigo leva a bandeira de Portugal, uma “peça fundamental”, tal como o bilhete pois “sem ele não há festa”. Pete Tha Zouk seria a sua escolha nacional para estar presente no cartaz do UMF, se o português fizesse parte da equipa de organização do festival. A atuação dos The Prodigy é uma das mais esperadas por Daniel, que certamente irá assistir bem de perto, uma vez que para realizar esta “viagem de sonho para um festival único” teve “dois anos a juntar dinheiro”. Em relação ao facto de Portugal vir a receber no futuro um evento como o Ultra Music Festival, o jovem confessa que o território lusitano “não tem condições nem logística para um festival deste género”.
 
 
{youtube}F0xoBUDUYyo{/youtube}
 
Publicado em Reportagens
sexta, 06 fevereiro 2009 11:59

Oeiras Alive! Já tem confirmações

Os Metallica abrem dia 09 de Julho a terceira edição do Optimus Alive, que decorrerá no Passeio Marítimo de Algés (Oeiras), e a Dave Matthews Band actua no dia 11, quando encerra o Festival, foi hoje anunciado.

As duas edições anteriores decorreram no Passeio Marítimo de Algés, e tanto o promotor Álvaro Covões como o presidente da câmara de Oeiras, Isaltino Morais, garantiram nova presença naquele recinto em 2009.

No final do festival em 2008, Isaltino Morais sublinhou aos jornalistas que iria reforçar "substancialmente" o apoio ao evento, dada a afluência de público - cem mil espectadores - e o retorno em termos de turismo para o município.
Pelas duas edições anteriores do Optimus Alive passaram nomes como Bob Dylan, Rage Against The Machine, Neil Young, Pearl Jam, Beastie Boys, Smashing Pumpkins e White Stripes.
Publicado em Festivais
quinta, 24 maio 2012 01:00

O Briefing Geral

 
O espaço único do Parque da Bela Vista, em Lisboa, com 200 mil metros quadrados volta a ser o local escolhido para receber o mais espetacular parque de diversões da música nos dias 25 e 26 de maio e 1, 2 e 3 de junho. Acessos, alimentação, segurança, saúde, luz, som e serviços de apoio, tudo foi pensado ao pormenor para proporcionar ao público momentos inesquecíveis.

Para além da música, a organização do Rock in Rio-Lisboa 2012 preocupa-se em oferecer um espaço confortável e de qualidade durante os cinco dias do evento. Com abertura às 16h00 e encerramento às 04h00 da manhã, a Cidade do Rock garante 12 horas de festa.
 
 
 
 
VISÃO GERAL
PALCO MUNDO              PALCO SUNSET             ELETRÓNICA HEINEKEN
 
ÁREA RADICAL/DIVERSÕES             ÁREA VIP             IMPRENSA
 
 
BARES E ALIMENTAÇÃO             SEGURANÇA             SAÚDE             HIGIENE
 
 
 
 
 
 
 
 

 
ACESSOS E TRANSPORTES
A melhor forma de chegar à Cidade do Rock é utilizando os vários transportes públicos que ligam o Parque da Bela Vista com a Grande Lisboa. A parceria com a Câmara Municipal de Lisboa, Proteção Civil, PSP – Divisão de Trânsito e as principais empresas transportadoras – Carris, CP, Metropolitano de Lisboa, Transtejo e Táxis, vai permitir que todos cheguem comodamente à Cidade do Rock, mesmo fora dos horários normais de funcionamento.

» Metropolitano: O Metropolitano de Lisboa vai ter disponíveis serviços especiais até às 03h30 da madrugada. Os comboios que partem da estação da Bela Vista têm ligação a:

Linha Vermelha: Oriente, Alameda e São Sebastião

Linha Verde: Alameda – Campo Grande e Alameda – Cais do Sodré

» Transtejo: Cais do Sodré - Cacilhas com ligações até às 01h40 e Terreiro do Paço - Barreiro até às 02h00 da madrugada.

» Carris: A Carris disponibilizará vários serviços especiais com partida junto do Pórtico da Cidade do Rock até uma hora depois do fecho de portas (05h00).

Carreira Shuttle Oriente: Entre a Bela Vista e as Portas de Benfica (via Campo Grande, 2ª Circular, Estrada de Benfica)

Carreira 208: Entre a Bela Vista e a Estação do Oriente ou Cais do Sodré (via Cais do Sodré, Almirante Reis, Bela Vista, Estação do Oriente)

» Fertagus: A Fertagus disponibilizará um comboio especial na estação Roma/Areeiro às 03h15 que transportará os passageiros até ao parque de estacionamento na margem sul. Este comboio pára em todas as estações na margem sul e tem como destino final a cidade de Setúbal.

» CP: A CP vai disponibilizar, após o final do evento, dois comboios especiais nas linhas de Sintra e de Cascais. Os comboios podem ser apanhados na estação Roma/Areeiro e na estação do Cais do Sodré, respetivamente, param em todas as estações e partem de Lisboa às 02h45.

ROCKCard CP: O ROCKCard CP está de volta após o sucesso das edições anteriores. Este bilhete que inclui o bilhete para o Rock in Rio-Lisboa 2012 + transporte de comboio de Braga/Porto-Lisboa-Porto/Braga + suplemento de autocarro Estação do Oriente – Cidade do Rock, destina-se a todos os que procuram uma solução económica, confortável e amiga do ambiente para virem ao maior evento de música e entretenimento do mundo. O ROCKCard CP está disponível por 92 euros e o comboio tem partida de Lisboa às 03h20.

» Abreu Rock in Rio Express: A Agência Abreu volta a juntar-se ao Rock in Rio-Lisboa com o bilhete Abreu Rock in Rio Express que inclui o ingresso na Cidade do Rock e a viagem de autocarro de ida e volta a partir de várias cidades do país. Este pacote criado pela Agência Abreu tem um custo de 77 euros e está à venda nas agências Abreu e em www.abreu.pt.

A organização e as empresas de transportes públicos sugerem que os visitantes do Rock in Rio-Lisboa 2012 adquiram os seus bilhetes de transporte ida e volta com antecedência para evitar as grandes filas na saída, principalmente no Metropolitano, nos dias do evento.
 
Voltar ao topo
 
PALCO MUNDO
Palco Mundo: Funciona entre as 19h00 e as 02h00 e vai apresentar 21 artistas nacionais e internacionais. Este palco tem 2.100 m2, 75 metros de comprimento, 26,5 metros de altura, 250.000 watts de som, mais de 300 projetores, cerca de 400 toneladas de peso.

25 de maio: Metallica, Evanescence, Mastodon, Sepultura e Tambours du Bronx
26 de maio: Smashing Pumpkins, Linkin Park, The Offspring e Limp Bizkit
1 de junho: Lenny Kravitz, Maroon 5, Ivete Sangalo e Expensive Soul
2 de junho: Stevie Wonder, Bryan Adams, Joss Stone e The Gift
3 de junho: Bruce Springsteen & The E Street Band, Xutos&Pontapés, James e Kaiser Chiefs
 

Voltar ao topo


 

 
PALCO SUNSET
Palco Sunset Rock in Rio: o palco dedicado a encontros únicos ao pôr-do-sol vai funcionar, à semelhança das edições anteriores, entre as 16h00 e as 21h00. Tem 30 metros de largura, 14 de altura, 14 metros de profundidade e 17 metros de boca de cena. Este ano vai contar com a atuação de 37 artistas e bandas que estão a preparar encontros repletos de improviso e surpresas para o público.

25 de maio: Kreator+Andreas Kisser, Mão Morta+Pedro Laginha e Ramp+Teratron
26 de maio: Xutos+Titãs, Mafalda Veiga+Marcelo Jeneci e Rita Redshoes+Moreno Veloso
1 de junho: Boss AC&Zé Ricardo+Paula Lima+Shout, Orelha Negra+Hyldon+Kassin, The Black Mamba+Tiago Bettencourt, Orquestra Todos
2 de junho: Luís Represas+João Gil+Jorge Palma, Amor Electro+Moska, Ana Free+The Monomes, Los Pericos.
3 de junho: Rui Veloso+Erasmo Carlos, David Fonseca+Mallu Magalhães, Carminho+Pedro Luís, Tan Bionica.
 

Voltar ao topo


 
ELETRÓNICA HEINEKEN
Eletrónica Heineken: o espaço dedicado à música eletrónica conta este ano com o patrocínio da Heineken. Por ele vão passar alguns dos melhores nomes da música eletrónica a nível mundial e funcionará das 21h00 às 04h00, ou seja, até ao fim de cada dia do evento. Tem 40 metros de diâmetro, 16 metros de altura e 1.256m2 de área.

25 de maio: Chase and Status Dj Set & Rage, Dr Lektroluv, Life is a Loop, Leo Janeiro, Tha Lovely Bastards (Mad Mac e Nuno Lopes), Bis Boys Please, MC Johnny Def
26 de maio: Azari & III, The Magician, Punks Jump Up, The Discotexas Band, Miguel Quintão, Mirror People (Rui Maia/X Wife), MC Johnny Def
1 de junho: Jamie Jones, Maceo Plex, Dyed Soundorom, Kings of Swingers: Renato Rathier+Mau Mau, Magazino, José Belo+Zé Salvador, MC Johnny Def
2 de junho: Masters at Work (Louie Vega & Kenny “Dope” Gonzales), The Martinez Brothers, Johnwaynes, Miguel Rendeiro, Dj Poppy, MC Johnny Def
3 de junho: Dj Harvey, Dj Vibe, DOP Live, Dj Dixon, Stereo Addiction, MC Johnny Def
 
Voltar ao topo
 
ÁREA RADICAL/DIVERSÕES
A Área Radical é um dos espaços mais procurados pelo público da Cidade do Rock e o Slide da Pepsi será seguramente uma das atrações mais concorridas. Este permite que duas pessoas sobrevoem ao mesmo tempo o público do Palco Mundo num vôo alucinante.

» Slide da Pepsi em números: 2 torres, uma com 14 metros de altura e outra com 6,5 metros, têm cerca de 150 metros de distância, 18,5 metros de desnível e possuem dois cabos paralelos.

» Roda Gigante do Millennium bcp: com 27 metros de diâmetro e 30 cabines, esta Roda Gigante terá capacidade para transportar 120 pessoas em cada viagem.

» Montanha Russa da Santa Casa: 300 metros de comprimento e com o seu ponto mais alto a 16 metros do solo, esta diversão terá capacidade para 24 pessoas em cada volta.
 
» Rock Street: a Rock Street é uma rua cenográfica inspirada em Nova Orleães (EUA), com um ambiente alegre e divertido, onde o público pode encontrar todos os dias, desde a abertura de portas, concertos com artistas do mundo do jazz e do blues, músicos, malabaristas, acrobatas, mágicos, homens estátua, cartomantes, caricaturistas e muitas outras surpresas. Terá também espaços comerciais como lojas, bares e restaurantes. A Rock Street tem 160 metros de comprimento, 20 lojas, 5.000m2 de área (lojas+animação).

25 de maio: Bruce Henri & Convidados, Melech Mechaya, Antwerp Gypsy-Ska Orkestra
26 de maio: The Mingus Project, Nobody’s Bizness, TJ Johnson
1 de junho: Bruce Henri & Convidados, Cristian Reyes, Lillian Boutté
2 de junho: Jazz in Motown, Cais Sodré Funk Connection, Lillian Boutté
3 de junho: Onda Jazz Jam Session, Rat Swinger, Lillian Boutté

Lojas presentes na Rock Street: Telepizza, Mister Pig, Portugália, Psicológico, Fruta Almeidas, Leitão no Pão, R Power, Melhor Bolo de Chocolate do Mundo, Vodafone, Boticário, Lúcia Piloto, MultiOpticas, FNAC, Loewe, Multidados, MOP, Turismo de Espanha e DN.
 
» Street Dance: a Street Dance é um novo espaço cenográfico inspirado em Nova Iorque que pretende levar os diversos estilos de dança urbana à Cidade do Rock: Breakdancing, Hip-Hop, Funk Dance, entre outros. Das 16H30 às 23H30 a dança urbana invade a Street Dance com diversas animações para o público, protagonizadas por um DJ, um MC e uma dance crew residente, os Jukebox. Os 5 semi finalistas do Concurso Street Dance Portugal vão também animar este palco e as crews Da Scum, 12 Macacos c/ Liva Kingz, Legacy Crew, Escola NEXT e Next Level e Holmes Place vão competir ao vivo durante o evento até ser escolhido um vencedor no último dia (3 de junho) que vai competir na final no Rock in Rio-Buenos Aires, em 2013.

O palco da Street Dance tem 12 metros de largura e 7 metros de altura. A área total do espaço, incluindo público, ascende aos 1.000m2.
 
Voltar ao topo
 
ÁREA VIP
Área VIP: é um espaço exclusivo destinado a todos os portadores de bilhete para esta área. Este ano, e pela primeira vez, é possível comprar bilhetes para a Área VIP do Rock in Rio-Lisboa. O valor do bilhete dá acesso a estacionamento gratuito, serviço de transfer para a Cidade do Rock, alimentação e bebidas e uma vista privilegiada para a Cidade do Rock. A área mais exclusiva do Rock in Rio-Lisboa 2012 funciona das 17h00 até ao final do último concerto do Palco Mundo e tem capacidade para 2.000 pessoas por dia.

A Área VIP tem 2.100m2, 15 metros de altura, 2 bares, serviço de catering, varanda de 200m2 e casas de banho premium.
 
Voltar ao topo
 
IMPRENSA
A Rock in Rio TV, sistema interno de comunicação com o público operado pela ETIC, vai fazer a cobertura de tudo o que se passa na Cidade do Rock e transmitir para os ecrãs gigantes colocados em pontos estratégicos do recinto.

Este ano, à semelhança da edição do Rock in Rio 2011 no Rio de Janeiro, a Google irá colaborar com o evento e divulgar, em direto, os concertos do Palco Mundo. Esta emissão estará disponível apenas para o estrangeiro e irá possibilitar que todos os fãs internacionais possam também assistir “ao vivo” aos concertos da Cidade do Rock.

Na sequência do sucesso do Rock in Rio 2011 no Rio de Janeiro, o canal brasileiro Multishow irá também transmitir os concertos em direto da Cidade do Rock para milhões de espetadores no Brasil. A rede Globo pretende assim repetir os níveis de audiência obtidos durante a edição de 2011, na qual conseguiu resultados históricos.
 
Voltar ao topo
 
BARES E ALIMENTAÇÃO
Dentro da Cidade do Rock poderá encontrar diversão e várias opções de alimentação além dos stands presentes na Rock Street. Os bares oficiais estão dispersos pelo recinto e vão ter a mais variada seleção de sandes frias ou quentes e diferentes tipos de snacks. O Burger Ranch, o KFC, a Olá e a Telepizza também vão estar disponíveis fora da Rock Street. As bebidas presentes no recinto serão a Pepsi, Heineken, a Água Serra da Estrela, a bebida energética R Power e o café Nicola.

Na Área VIP, o catering está a cargo da Casa do Marquês. Uma das novidades deste ano reside na mecânica do serviço que estará em funcionamento ininterrupto das 17h00 até ao final do último concerto do Palco Mundo. Existirão pratos quentes que estarão constantemente disponíveis ao público e outras especialidades servidas ao longo do dia em forma de deliciosas miniaturas que dispensam o uso de talheres. No total estima-se que ao longo dos 5 dias de evento se sirvam cerca de 500 mil refeições.
 
Voltar ao topo
 
SEGURANÇA
Considerando o conceito que está na base do Rock in Rio – o grande parque temático do entretenimento e da música – o Plano de Segurança é fundamental para a organização do mesmo. Integrando várias forças de intervenção: Polícia de Segurança Pública, Prosegur – empresa privada de segurança - Proteção Civil, Emerg, Amovida, Bombeiros, entre outras – este plano prevê a mobilização de mais de 1.000 profissionais envolvidos na operação no exterior e interior da Cidade do Rock. Logo nos acessos, todas as pessoas, sem exceção, vão ser submetidas a um controlo de entrada através de vistorias personalizadas.

Para comodidade do público, e após o sucesso que estes tiveram na edição passada, a organização volta a disponibilizar o serviço de bengaleiro que se encontra junto à rotunda da Bela Vista. Existem dois tipos de cacifos que variam consoante o tamanho dos valores. Os preços oscilam entre os 3 e os 5 euros por dia.
 
Voltar ao topo
 
SAÚDE
Devido às dimensões do Rock in Rio-Lisboa 2012, quer em termos geográficos, quer humanos, o Plano de Saúde do evento surge da colaboração inter-institucional entre importantes instituições na área da saúde em Portugal, em particular na região de Lisboa. Desta forma, foi desenvolvido um plano de saúde que conta com a participação das seguintes entidades:

- Administração Regional de Saúde – Sub-Região de Saúde de Lisboa
- Câmara Municipal de Lisboa
- Gabinete Municipal da Proteção Civil
- Instituto Nacional de Emergência Médica
- Emerg
- Amovida


Os objetivos deste plano passam pela promoção da saúde e prevenção da doença em toda a Cidade do Rock e por uma eficaz atuação em todo o tipo de ocorrências na área dos serviços médicos, sejam ou não emergências. Daí a sua abordagem nas vertentes de Saúde Pública e de Emergência Médica.

Em termos práticos, a Cidade do Rock vai contar com um sistema integrado de emergência médica da responsabilidade da Emerg que conta com 1 Centro Médico, 1 Posto de Saúde, 6 equipas móveis, 3 ambulâncias em permanência, que envolve cerca de meia centena de recursos humanos especializados – médicos, enfermeiros, técnicos de emergência com experiência em emergência pré-hospitalar, diversos elementos de logística, comunicações, entre outros.
 
Voltar ao topo
 
HIGIENE
Saúde e Higiene são duas áreas intimamente ligadas. Para garantir a higiene no recinto haverá uma equipa de limpeza com cerca de 180 elementos, responsáveis pela limpeza permanente do terreno. No que diz respeito à higiene pessoal, desde 2008 que a organização do Rock in Rio-Lisboa disponibiliza contentores com várias cabines individuais ligadas à rede pública num total de mais de 300 casas de banho, 10 delas equipadas para receber pessoas com mobilidade reduzida. De referir que em qualquer ponto da Cidade do Rock nunca se está a mais de 150 metros de uma casa de banho! O Rock in Rio foi o primeiro evento em Portugal a ter uma certificação 100R, garantindo que foram adotadas práticas ambientais sustentáveis, nomeadamente na reciclagem e valorização de todos os resíduos do evento.
 
Voltar ao topo
 
EQUIPA
No recinto estarão cerca de 8 mil pessoas credenciadas para permitirem que o evento se realize, entre produção, fornecedores, comunicação social, artistas e respetivas equipas, patrocinadores e 400 voluntários.
 
Voltar ao topo
 
MOBILIDADE CONDICIONADA
A Cidade do Rock está pensada de forma a receber com a maior comodidade possível todas as pessoas com mobilidade condicionada. Para além dos sanitários, sala de imprensa e outras infra-estruturas equipadas com rampas de acesso, existem duas plataformas com vista privilegiada para o Palco Mundo e para o Palco Sunset – com 100 m2 e 25 m2, respetivamente – onde as pessoas que se deslocam em cadeira de rodas podem assistir aos espetáculos com um acompanhante.
 
Voltar ao topo
 
PRODUTOS OFICIAIS
Os fãs do Rock in Rio vão ainda poder comprar os produtos oficiais do evento nas quatro lojas existentes na Cidade do Rock, três no interior do recinto e uma no exterior, onde vão estar disponíveis uma linha de vestuário feminino, masculino e de bebé e uma linha de acessórios composta por bonés, porta-chaves, lenços, malas e mochilas, crachás, isqueiros de diversas cores, porta-cd’s, relógios, cintos e posters, com design exclusivo do Rock in Rio-Lisboa 2012.
 
Publicado em Rock in Rio
A 12ª edição do Tomorrowland está quase a chegar e a Lipton Ice Tea tem uma grande surpresa para os amantes de música eletrónica. Cinco portugueses vão ter a oportunidade única de ganhar três passes triplos para o festival belga, incluindo ainda viagens de avião, transfers, acesso ao camping e entrada no stand da Lipton.
 
Para participar neste passatempo, tens até ao próximo dia 15 de junho para comprar uma das latas especiais da edição Tomorrowland da Lipton Ice Tea, entrares no site www.liptonicetea.pt e deixar uma mensagem inspiradora para o futuro. A hashtag oficial desta iniciativa é #mensagemparaoamanhã.
 
Os vencedores serão selecionados por um júri composto por elementos da organização do Tomorrowland e da equipa da Lipton Ice Tea.
 
Este passatempo é uma parceria entre a Lipton Ice Tea e ao Tomorrowland, que têm como objetivo principal tornar o mundo num lugar melhor, através de palavras positivas que devem ser partilhadas.
 
{youtube}YlFeop_toXk{/youtube}
Publicado em Tomorrowland
Ainda agora a edição de 2018 está a terminar e já se pensa na do próximo ano. Em entrevista à Rádio oficial - RFM -, Luís Montez, responsável pela organização, divulgou que o festival estará de regresso no próximo verão para novamente abanar a Zambujeira do Mar. 

Sem avançar possíveis nomes para o cartaz, Luís Montez anunciou que a próxima edição do festival MEO Sudoeste irá decorrer nos dias 7, 8, 9 e 10 de agosto, na Herdade da Casa Branca, em plena Costa Alentejana.
 
Publicado em Festivais
Considerado como um dos maiores festivais de música eletrónica de Portugal, o NEOPOP está de volta no próximo ano e divulgou as datas do evento numa conferência de imprensa, com a presença da organização e da direção da Câmara Municipal de Viana do Castelo.
 
O Forte de Santiago da Barra volta a receber o festival nos dias 3, 4 e 5 de agosto, depois da edição deste ano ter contado com mais de 26 mil pessoas vindas de 46 países diferentes.
 
A organização promete aumentar ainda mais a qualidade do evento, com forte ligação à cidade de Viana do Castelo, com várias novidades a serem divulgadas em breve. Os passes para o NEOPOP já estão disponíveis no site oficial do festival a um preço promocional de 65 euros.
 
Magazino, Carl Cox, Maceo Plex, Richie Hawtin e Rui Vargas foram alguns dos DJs e produtores que marcaram presença na edição deste ano do NEOPOP Electronic Music Festival.
 
{youtube}DNu-gHHDM2k{/youtube}
Publicado em Festivais
Está fechado o cartaz do Palco Mundo para o dia 25 de maio do Rock in Rio-Lisboa 2012! Aos já anunciados Metallica juntam-se os Sepultura, que vão atuar com o grupo de percussão francês Tambours du Bronx, os Mastodon e os Evanescence. Os bilhetes exclusivos para este dia já estão à venda.

À semelhança do que aconteceu nas edições anteriores, o Rock in Rio-Lisboa reserva novamente um dia inteiro da sua programação ao Metal, proporcionando concertos inesquecíveis no Parque da Bela Vista.

Considerada a banda brasileira de Metal com maior repercussão internacional, combinando influências de trash metal, hardcore e ritmos tribais, os Sepultura apresentam-se no Rock in Rio-Lisboa 2012 com os percussionistas franceses Tambours du Bronx, grupo criado em 1987, formado por 17 membros que misturam o som das latas gigantes com hardcore e percussão eletrónica.

Espera-se que neste concerto os Sepultura apresentem alguns temas do novo disco que foi lançado no dia 24 de Junho de 2011. “KAIROS” é composto por 15 temas e é o 12º álbum da banda brasileira. A par desta novidade, existe uma grande expectativa em torno da parceria com os irreverentes Tambours du Bronx, já que a atuação conjunta destes dois nomes no palco Sunset do Rock in Rio 2011 tornou-se um dos concertos mais aplaudidos da edição brasileira.

Os interessados em adquirir bilhete para este dia podem fazê-lo na FNAC, em 69 sucursais do Millennium bcp, nos postos de abastecimento da BP aderentes (30 euros + 1.500 pontos BP Premium) e no site oficial do evento em www.rockinriolisboa.sapo.pt. Relembramos que quem adquiriu o Kit de Natal do Rock in Rio-Lisboa 2012 pode trocar o voucher entre 7 de março e 7 de abril por um bilhete para o Dia de Metal.

O Rock in Rio-Lisboa volta ao Parque da Bela Vista nos dias 25, 26 de maio e 1, 2 e 3 de junho de 2012 e até ao momento estão confirmadas as presenças de Metallica, Evanescence, Mastodon e Sepultura com os Tambours du Bronx no dia 25 de maio; Lenny Kravitz, Maroon 5, Ivete Sangalo e Expensive Soul no dia 1 de junho; e Bruce Springsteen e Xutos & Pontapés no dia 3 de junho.

 

Publicado em Rock in Rio
É já hoje que vão ser desvendados os vencedores do Casting Rock in Rio SIC RFM. Para esse efeito foi desenhado um programa de televisão próprio que vai ser transmitido em directo na SIC Radical, às 21h45, apresentado por Diana Bouça Nova. Neste programa os 8 finalistas – Catarina Palma, Diana Gonçalves, Diana Senhorinho, Diogo Abreu, Hugo Mendes, Inês Folque, Nuno Casanovas e Tiago Simões – vão apresentar o seu projecto preferido entre os finalistas do Pepsi Refresh Project e apelar ao voto.

O júri composto por Roberta Medina (Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio), Raquel Pinhão (Directora de Marketing Adjunta do Rock in Rio), Pedro Boucherie Mendes (Director dos Canais Temáticos da SIC), Daniel Oliveira (Coordenador e Apresentador da SIC), António Mendes (Director de Programação da RFM) e Joana Cruz (Animadora da RFM) também estará presente para dar a última palavra.

Os vídeos dos oito finalistas continuam disponíveis no site do Rock in Rio-Lisboa e o público ainda pode votar nos seus preferidos até às 22h15 de dia 27 de Julho, através do número de telefone atribuído a cada um deles, habilitando-se dessa forma a ganhar bilhetes para o Rock in Rio-Lisboa 2012.

Os vencedores vão participar no programa Café da Manhã da RFM, apresentado por Carla Rocha e Zé Coimbra, no dia 28 de Julho.

A rapariga e o rapaz que vencerem o Casting Rock in Rio SIC RFM serão os protagonistas da campanha de televisão e de rádio da 5ª edição portuguesa do maior evento de música e entretenimento do mundo e vão ter a oportunidade de receber formação técnica sobre televisão e rádio, ir ao Rock in Rio 2011 no Rio de Janeiro gravar os anúncios de promoção da próxima edição portuguesa, fazer parte da equipa de reportagem da SIC e da RFM na edição brasileira de 2011 e na edição portuguesa de 2012 e receber um cachet no valor de 1.000 euros cada um.

O Casting Rock in Rio SIC RFM, projecto desenvolvido em parceria pelo Rock in Rio, pela SIC e pela RFM, é uma iniciativa patrocinada pelo Pepsi Refresh Project, e conta com o apoio do portal SAPO, responsável pela gestão técnica dos vídeos de inscrição e votos do público.
Publicado em Rock in Rio
Pág. 1 de 11
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.