21-03-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 62

É já hoje que vão ser desvendados os vencedores do Casting Rock in Rio SIC RFM. Para esse efeito foi desenhado um programa de televisão próprio que vai ser transmitido em directo na SIC Radical, às 21h45, apresentado por Diana Bouça Nova. Neste programa os 8 finalistas – Catarina Palma, Diana Gonçalves, Diana Senhorinho, Diogo Abreu, Hugo Mendes, Inês Folque, Nuno Casanovas e Tiago Simões – vão apresentar o seu projecto preferido entre os finalistas do Pepsi Refresh Project e apelar ao voto.

O júri composto por Roberta Medina (Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio), Raquel Pinhão (Directora de Marketing Adjunta do Rock in Rio), Pedro Boucherie Mendes (Director dos Canais Temáticos da SIC), Daniel Oliveira (Coordenador e Apresentador da SIC), António Mendes (Director de Programação da RFM) e Joana Cruz (Animadora da RFM) também estará presente para dar a última palavra.

Os vídeos dos oito finalistas continuam disponíveis no site do Rock in Rio-Lisboa e o público ainda pode votar nos seus preferidos até às 22h15 de dia 27 de Julho, através do número de telefone atribuído a cada um deles, habilitando-se dessa forma a ganhar bilhetes para o Rock in Rio-Lisboa 2012.

Os vencedores vão participar no programa Café da Manhã da RFM, apresentado por Carla Rocha e Zé Coimbra, no dia 28 de Julho.

A rapariga e o rapaz que vencerem o Casting Rock in Rio SIC RFM serão os protagonistas da campanha de televisão e de rádio da 5ª edição portuguesa do maior evento de música e entretenimento do mundo e vão ter a oportunidade de receber formação técnica sobre televisão e rádio, ir ao Rock in Rio 2011 no Rio de Janeiro gravar os anúncios de promoção da próxima edição portuguesa, fazer parte da equipa de reportagem da SIC e da RFM na edição brasileira de 2011 e na edição portuguesa de 2012 e receber um cachet no valor de 1.000 euros cada um.

O Casting Rock in Rio SIC RFM, projecto desenvolvido em parceria pelo Rock in Rio, pela SIC e pela RFM, é uma iniciativa patrocinada pelo Pepsi Refresh Project, e conta com o apoio do portal SAPO, responsável pela gestão técnica dos vídeos de inscrição e votos do público.
Publicado em Rock in Rio
sexta, 26 março 2010 17:14

Rock In Rio Lisboa fecha cartaz

A organização do Rock In Rio, acaba de confirmar a presença dos últimos nomes para o Palco Mundo – Amy Macdonald actua a 29 de Maio e os Soulfly no dia 30 de Maio.

Com estas confirmações fica fechado o line-up do Palco Mundo da quarta edição do Rock in Rio-Lisboa. À semelhança das outras edições, a organização preparou dias temáticos para agradar a diferentes gostos musicais. O dia 21 de Maio será dedicado aos fãs da música pop; a 22 de Maio irá celebrar-se o 25º aniversário que o Rock in Rio comemora este ano, com música que tem marcado várias gerações; o dia 27 de Maio é dedicado aos fãs do rock, o dia 29 destina-se à família e o dia 30 está reservado para os fãs de rock mais pesado.

Para Roberta Medina, Vice-Presidente do Rock in Rio “Estamos muito felizes por termos, mais uma vez, conseguido um cartaz bastante eclético que irá agradar a um grande número de pessoas e com vários artistas que vão actuar em Portugal pela primeira vez. O Rock in Rio é um evento para todas as idades e gostos por isso tentamos sempre fazer um cartaz variado, que agrade a todos.”

Amy Macdonald vem a Portugal apresentar “A Curious Thing”, o novo disco lançado este mês e recordar o seu primeiro trabalho que foi um grande sucesso de vendas. Com o lançamento do novo disco previsto para Maio, também os Soulfly trazem novidades para apresentar aos fãs.
Publicado em Rock in Rio
O Melhor Bolo de Chocolate do Mundo está a marcar a sua presença no Rock in Rio-Lisboa. Para atingir uma maior notoriedade, a marca aposta na 11ª edição do evento de música, prevendo comercializar, no total dos cinco dias, milhares de fatias de bolo.

Para os interessados em provar, o famoso bolo vai estar numa loja no espaço Rock Street – a novidade deste ano. Da receita do bolo consta merengue, mousse e cobertura de chocolate.

Como elemento decorativo, e a assinalar esta estreia do MBCM, em frente à loja estará uma estátua de chocolate, parte integrante do alinhamento de animações do Rock in Rio-Lisboa.
 
Publicado em Rock in Rio
A 8ª edição portuguesa do festival está quase a chegar e a organização divulgou hoje os horários de todas as atuações nos respetivos palcos. O Rock in Rio Lisboa regressa à ao Parque da Bela Vista nos dias 23, 24, 29 e 30 de junho.
 
Este ano o festival conta com 14 horas de entretenimento diárias, com o recinto a abrir portas pelas 12h00 e com encerramento marcado para as 02h00. O dia 24 de junho, que conta com Bruno Mars, Demi Lovato, Anitta, Agir, DJ Kamala, Mishlawi, Dillaz, Dupa Squad, HMB, entre outros, já se encontra esgotado.
 
Nos outros dias do Rock in Rio, podes ainda contar com as atuações de The Chemical Brothers, DJ Vibe, Moullinex, Revenge of the 90s, Vintage Culture, Diego Miranda, Karetus, entre muitos outros.
 
Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais com preços entre os 69 e os 117 euros.
 
Confere abaixo os horários:
 
 
 
Publicado em Rock in Rio
domingo, 17 junho 2012 00:39

Balanço do Rock in Rio - Lisboa 2012

 
 
A Cidade do Rock recebeu 353.000 fãs nos 5 dias de evento. O dia 25 de maio, com os Metallica como cabeças de cartaz, contou com 42.000 pessoas. O segundo dia, 26 de maio, com rock alternativo dos Linkin Park e Smashing Pumpkins, foi o mais concorrido, com 83.000 pessoas. O terceiro dia, 1 de junho, 74 mil pessoas não quiseram perder a estreia dos Maroon 5 em Portugal. Já a 2 de junho, 73 mil pessoas cantaram em coro com os veteranos Bryan Adams e Stevie Wonder. No encerramento, a 3 de junho, 81 mil pessoas assistiram aquele que já é considerado por muitos o Concerto do Ano: Bruce Springsteen & The E Street Band.

Segundo os resultados do inquérito realizado pela E-value na Cidade do Rock, a maioria do público era português, essencialmente proveniente da Área Metropolitana de Lisboa (54%), Norte (17,6%) e Centro (17,6%).

Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio deixa uma mensagem de agradecimento “Queremos agradecer a participação do público português e os dias especiais que se viveram na Cidade do Rock. É muito reconfortante sentir que contribuímos de alguma forma para a felicidade de tantas pessoas num altura conturbada como esta em que vivemos. O aumento do número de público da edição de 2010 (329.000 pessoas) para esta edição vem mostrar que a nossa aposta em acelerar contra a crise resultou e que investir em tempos de crise vale a pena”.
 
 
Fabiano Queiroz, do Departamento Artístico, destaca a qualidade dos concertos de Metallica (25 maio), Linkin Park (26 maio), a energia e ligação com o público de Ivete Sangalo e Maroon 5 (1 junho), Bryan Adams e Stevie Wonder (2 Junho), o peso e a história dos 30 anos dos Xutos & Pontapés e a vitalidade e o amor pela música de Bruce Springsteen & The E Street Band, e sublinha “Os artistas mostraram-se felizes por participarem num evento do porte do Rock in Rio-Lisboa, destacando a qualidade técnica do Palco Mundo e do som e o público maravilhoso que os recebeu. Os Maroon 5 enviaram um email agradecendo a simpatia e enorme profissionalismo da equipa de Produção”.
 
 
Zé Ricardo, Diretor Artístico deste palco mostrou-se satisfeito com os resultados: “O Sunset de 2012 foi sem dúvida o melhor de todos em Lisboa. O público aderiu massivamente assistindo a todos os concertos, desde a abertura ao encerramento do palco, a integração dos artistas em cada encontro foi perfeita e o espírito destes encontros que vão além da música, são encontros de alma, ficou absolutamente claro para o público português”. Destaque para a banda alemã Kreator, que recebeu Andreas Kisser, o guitarrista dos Sepultura num encontro com duelos de guitarra marcantes (25 maio). Os Xutos & Pontapés e o Titãs repetiram o encontro memorável que realizaram no Rock in Rio Brasil e o público delirou (26 maio). Boss AC uniu os seus beats e batidas ao groove do Samba e do Soul do cantor Zé Ricardo e da cantora Paula lima (1 junho). Jorge Palma juntou-se a Luís Represas e João Gil para um verdadeiro encontro de velhos de amigos (2 junho). E para encerrar com chave de ouro, no dia 3 junho, o Palco Sunset recebeu o maior encontro de rock em língua portuguesa dos últimos anos: Rui Veloso e Erasmo Carlos num encontro inesquecível.
 
 
Cerca de 30.000 pessoas passaram por este espaço cuja conceção e cenografia, bem como a extrema qualidade ao nível técnico do palco, som e luz, foram alvo de elogios por parte dos artistas e do público. Miguel Marangas, Diretor Artístico, conclui “as atuações ao vivo das bandas Azari & III, dOP e Discotexas Band levaram à Cidade do Rock público interessado especificamente em assistir a este tipo de apresentações. Os internacionais Chase and Status com o Mc Rage, Dr Lektroluv, The Magician, Dyed Soundorom, Maceo Plex, Jamie Jones, Martinez Brothers e Masters at Work destacaram-se, juntamente com os nacionais Dj Vibe e Stereo Addiction. No último dia o lendário Dj Harvey abriu o palco com um Sunset Set que não deixou indiferente quem assistiu”.
 
A Rock Street foi sempre um dos espaços com maior movimento na Cidade do Rock, repetindo o sucesso já registado em 2011 na edição brasileira. Bruce Leitman, Diretor Artístico da Rock Street considera que “Fazendo juz ao espírito e à cultura de Nova Orleães que homenageia, este espaço fez o público mergulhar nas águas do Mississippi para participar em momentos inesquecíveis de jazz e de improviso. O público português mostrou-se extremamente entusiasta e participou com uma alegria e espontaneidade que deixou os artistas impressionados. O comentário geral no backstage era de agradecimento e alegria por participar em algo tão inovador e surpreendente”. Destaque no primeiro fim de semana para Melech Mechaya, Gypsy Ska Orkestra, Nobodys Bizness e TJ Johnson que empolgou todos tocando e cantando seu Rhythm & Blues acompanhado pelo Bruce Henri Trio. No segundo fim de semana Christian Reyes, Lillian Boutté, a artista que mais impacto teve, não só pela grande simpatia e energia, mas também pela capacidade de comunicar, fazendo o público cantar, chorar, e expressar-se, Cais Sodré Funk Connection, Mingus Project e Rat Swingers. O espaço foi animado todos os dias por vários artistas de rua como a estátua de chocolate, a Taróloga, o Mágico, os Motoqueiros cantores, o Caricaturista, o Casal de Andas, o Malabarista, e as bandas Dixie Gang, Projeto Bug e Lindy Hoppers.
 
Marina Frangioia, Diretora Artística deste espaço inspirado num bairro de Nova Iorque que teve a sua estreia internacional dentro do Rock in Rio-Lisboa, faz o balanço dos 5 dias “O palco conseguiu agarrar o público, com a sua dinâmica, energia e alegria e apresentou coreografias contagiantes. Vários elementos do público subiram ao palco e integraram a performance com alegria”. A Street Dance apresentou três performances diárias da crew residente, os Jukebox, excelentes profissionais e com uma forte capacidade de comunicação com o público, e atuações de crews e dos semi-finalistas do Concurso Street Dance. No dia 3 de junho, os Momentum Crew, 4 elementos masculinos do Porto, venceram a final do Concurso Street Dance. “A actuação da crew vencedora foi magnífica. Foi uma performance de B-boying puro, que incorporou o hino do palco, com uma limpeza na técnica que é reconhecida tanto em Portugal como no estrangeiro, composição coreográfica  bem estruturada, balizada por conceitos perceptíveis até nos figurinos, um pouco à imagem da Escola Olímpica Russa. São excelentes Street dancers e deram espectáculo!”, comentou Marina Frangioia. Os Momentum Crew vão representar Portugal na Final do Concurso Street Dance que se realiza no próximo ano, na edição de Buenos Aires, disputando o prémio com os vencedores que forem apurados no Rock in Rio-Madrid 2012, Rock in Rio 2013 (Rio de Janeiro) e Rock in Rio-Buenos Aires 2013.
 
Publicado em Rock in Rio
A contagem decrescente já começou. A 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa tem data marcada para os dias 23, 24, 29 e 30 de junho 2018 e promete transformar, uma vez mais, o Parque da Bela Vista num gigante palco de experiências, com uma programação surpreendente que combina o melhor do entretenimento. 
 
Além de novas datas, a organização revela que o evento terá, na sua próxima edição, mais horas de entretenimento diário (com a Cidade do Rock a abrir as suas portas pelas 12h00 e a fechar às 02h00) e novos espaços, com novos conteúdos. 
“Não só estamos de regresso a Lisboa para mais uma grande edição do Rock in Rio, como estamos a reforçar a nossa aposta em Portugal, investindo em novos formatos de entretenimento que vão ao encontro daquilo que são as áreas de interesse do nosso público”, afirma Roberta Medina, rosto do evento.
 
Com o objetivo de expandir a sua oferta de entretenimento dentro do recinto, elevando a experiência vivida no festival a um novo patamar, o Rock in Rio prepara-se para introduzir, na Cidade do Rock, novas áreas e novos palcos, dedicados a algumas das principais tendências da atualidade. Um espaço que celebra a cultura pop e os seus principais ícones, um palco dedicado aos fenómenos digitais que traz um pouco do mundo online para o offline, uma nova área de gastronomia e uma nova Rock Street que viaja até às origens da música são algumas das novidades que marcarão a 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa. 
Publicado em Rock in Rio
quarta, 04 julho 2018 19:28

O Rock in Rio Lisboa em números

O festival Rock in Rio regressou à Cidade do Rock, no Parque da Bela Vista em Lisboa, para mais uma edição de sucesso nos dias 23, 24, 29 e 30 de junho. Ao todo, passaram pelo recinto 278 mil pessoas, 85 mil delas no dia 24 de junho, que teve lotação esgotada.
 
No total, foram 57 horas de música com 264 atuações de artistas como The Chemical Brothers, Diego Miranda ou Vintage Culture. Em Portugal, 5,8 milhões de pessoas assistiram às transmissões ao vivo dos concertos através da televisão e da web.
 
Confere abaixo outros números revelados pela organização do Rock in Rio Lisboa:
 
- 18,999 pessoas andaram na roda-gigante
- 3,611 pessoas andaram no slide
- 90 mil copos de Somersby consumidos
- 360 mil copos de Super Bock consumidos
- 62,500 copos de Pepsi consumidos
- 55 mil sofás da Vodafone distribuídos
- mais de 56 horas de livestream
- 21 vezes nos Trending Topics no Twitter em Portugal
- 2,256 publicações no Facebook, Instagram e Twitter
- 70% dos visitantes inquiridos tem a intenção de voltar na próxima edição
- 95% dos visitantes inquiridos atribuiu a nota máxima à edição de 2018 
- mais de 150 horas de emissão ao vivo pelas rádios do grupo Renascença Multimédia
 
Publicado em Rock in Rio
Depois das Provas Presenciais do “Casting Rock in Rio SIC RFM” que decorreram nos dias 6 e 7 de Julho no Hotel Dom Pedro Palace, em Lisboa, os oito finalistas – 4 raparigas e 4 rapazes – têm um novo desafio pela frente: ajudar a requalificar o Bairro da Flamenga, vizinho do Parque da Bela Vista, que recebe o Rock in Rio-Lisboa de dois em dois anos.

Financiado ao abrigo do Contrato Local de Desenvolvimento Social e promovido pelo CESIS – Centro de Estudos para a Intervenção Social, o Projecto Espiral, pretende contribuir para o desenvolvimento integrado dos Bairros dos Lóios e Flamenga, este último situado em frente ao Parque da Bela Vista. Este Projecto, em conjunto com vários parceiros locais, nomeadamente o Programa Viver Marvila e a APDESl, lançou à comunidade o desafio de enviar propostas para decorar uma zona de muros baixos no centro do Bairro com o objectivo de envolver a população no processo colectivo de melhoria dos espaços públicos. Já na fase final, o Rock in Rio juntou-se a esta iniciativa.

Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio explica o motivo: “Para além de termos uma relação afectiva com este Bairro que recebe o evento de dois em dois anos, o Projecto Social é uma parte importante do Rock in Rio e temos lutado para passar a mensagem que todos devemos dar o nosso contributo Por Um Mundo Melhor. É exactamente este o espírito que os vencedores do Casting Rock in Rio SIC RFM devem ter. Além disso faz a ligação perfeita com o Pepsi Refresh Project, patrocinador desta edição do Casting, que anda a desafiar os jovens a refrescarem o seu Bairro”.

Relembramos que os vídeos dos oito finalistas estão disponíveis no site do Rock in Rio-Lisboa até dia 27 de Julho e o público pode votar nos seus preferidos através do número de telefone atribuído a cada um deles, habilitando-se dessa forma a ganhar bilhetes para o Rock in Rio-Lisboa 2012.

Aos vencedores vai ser dada a oportunidade de receber formação técnica sobre televisão e rádio, ir ao Rock in Rio 2011 no Rio de Janeiro gravar os anúncios de promoção da próxima edição portuguesa, fazer parte da equipa de reportagem da SIC e da RFM na edição brasileira de 2011 e na edição portuguesa de 2012 e receber um cachet no valor de 1.000 euros cada um.

Todas as informações sobre o Casting Rock in Rio SIC RFM estão disponíveis em www.rockinriolisboa.sapo.pt.
O Rock in Rio-Lisboa regressa ao Parque da Bela Vista nos dias 25 e 26 de Maio e 31 Maio, 1 e 2 de Junho de 2012.
Publicado em Rock in Rio
Nos dois primeiros dias de Rock in Rio Lisboa, 23 e 24 de junho, o Parque da Bela Vista recebeu mais de 150 mil festivaleiros. O segundo dia, que tinha como cabeça de cartaz Bruno Mars e atuações como a de DJ Kamala num dos palcos secundários, estava esgotado há vários meses e contou com 85 mil pessoas que dançaram ao ritmo dos seus artistas favoritos.
 
Mais uma vez, alguns dos palcos presentes na Cidade do Rock receberam grandes nomes da música eletrónica, como foi o caso de DJ Vibe, Moullinex, Funkamente, Francisco Praia, DJ Dadda, Kamala, DJ Roshida e Rizzo.
 
SOMERSBY POOL PARTIES: OS MELHORES SUNSETS DA CIDADE DO ROCK
 
 
Os finais de tarde ficaram marcados pelas festas na piscina instalada junto ao palco Music Valley. As Somersby Pool Parties contaram com boa música num cenário descontraído em pleno parque da Bela Vista.
 
FRANCISCO PRAIA: O DJ RESIDENTE
 
 
Tal como é habitual em discotecas, as Somersby Pool Parties têm um DJ residente: Francisco Praia. O membro dos FunkYou2 inaugurou a edição deste ano do Rock in Rio Lisboa, com sonoridades dançantes e para todos os gostos. O DJ português volta ao festival no próximo fim-de-semana ao lado de nomes como Van Breda, DJ Big, DJ Isabel Figueira, Karetus, Rich & Mendes, Diego Miranda e Vintage Culture.
 
MOULLINEX, O NOME QUE CONSEGUE SURPREENDER
 
 
Este é um dos nomes que todos deveriam conhecer, ver e ouvir. Moullinex, desta vez em formato live, com banda, no palco Music Valley. Energia contagiante do início ao fim do concerto, com uma animação única capaz de contagiar tudo e todos. Moullinex mostrou que é um artista repleto de criatividade e deu, certamente, um espetáculo digno de um palco ainda maior.
 
O ANIVERSÁRIO DO REI MERECE SER COMEMORADO VÁRIAS VEZES
 
 
50 primaveras e 35 anos de carreira internacional invejável. DJ Vibe regressa ao Rock in Rio Lisboa com um set especial de comemoração destes dois aniversários, inserido na sua atual digressão. Durante a sua atuação, do vinil à mais recente tecnologia, celebrámos a vida do “Tó do Kremlin” a dançar os maiores êxitos de todos esses anos num ambiente que ficará na memória de todos os que puderam testemunhar.
 
DJ RASHIDA, CONVIDADA SURPRESA DE BRUNO MARS
 
 
Foi a convidada surpresa da tarde de domingo, pois não estava anunciada oficialmente no line-up do Rock in Rio Lisboa. A artista norte-americana, é, neste momento, a responsável pelo warm up de todos os concertos da digressão de Bruno Mars e animou todos os presentes, enquanto alguns convidados mostraram os seus verdadeiros passos de dança.
 
A CURADORIA QUE TROUXE O HIP HOP À CIDADE DO ROCK
 
 
O DJ Kamala foi o responsável pela curadoria do Music Valley durante o dia 24 de junho e, principalmente, pela exaltação do hip hop e da música portuguesa, ao convidar artistas como Mishlawi, Dillaz, Supa Squad, Bispo e HMB. O seu DJ set fechou o primeiro fim-de-semana de Rock in Rio com um público de perder de vista no “vale da música”.
 
 
Publicado em Reportagens
As edições de 2016 e 2018 do Rock in Rio-Lisboa foram aprovadas no passado dia 24 pela edilidade da capital, com um voto contra (do PCP) e a abstenção dos vereadores do movimento Cidadãos por Lisboa, que integram a maioria socialista. 
 
Os vereadores do PCP não concordam com a isenção a 100 por centro de taxas à promotora do evento, que no total somam aproximadamente três milhões de euros. "A isso acrescem serviços vários que a câmara vai prestar e que são também na ordem dos três milhões de euros. Feitas as contas, são seis milhões no total", frisou João Ferreira. 
 
Sobre o Rock in Rio, António Prôa, vereador do PSD, disse que os valores das contrapartidas da câmara à empresa promotora do evento não constam da proposta, tal como as contrapartidas da empresa à autarquia não foram "descritas de forma rigorosa". 
 
A proposta foi aprovada, mas o PSD propôs que "até à discussão em assembleia municipal sejam inseridos estes valores para que haja transparência no processo". 
 
O Rock in Rio-Lisboa tem lugar na capital portuguesa, de dois em dois anos, desde 2004. A edição de 2014 do evento decorre nos dias 25, 29, 30, 31 de maio e 1 de junho, e conta com nomes como Rolling Stones, Arcade Fire ou Justin Timberlake.
Publicado em Rock in Rio
Pág. 1 de 7
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.