19-11-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

Sol, praia e música eletrónica são a combinação perfeita para uma boa festa de verão. Foi esse o cenário da Where’s The Party by Carlsberg do passado sábado, 1 de agosto, no NoSoloÁgua em Portimão, onde reuniu a presença de vários DJs portugueses e internacionais. A praia de Portimão recebeu milhares de pessoas que dançaram das 16 às 04 horas da madrugada no extenso areal, que à noite foi também iluminado pela soberba Lua cheia no horizonte.

 
O mês de agosto do barlavento algarvio foi inaugurado com pleno sucesso, graças à presença dos portugueses Deelight, Tiago Vicente, Hugo Rizzo, Christian F, Diego Miranda, MC Katorz e Eddie Ferrer e ainda Danny Avila, Zoofunktion, Deorro, Dirty Audio e WAO que fizeram a festa ao longo de 12 horas sem parar.
 

NAÇÃO ELETRÓNICA EM DESTAQUE

 
 
Às 16 horas em ponto, o algarvio Deelight inaugurou a Where’s The Party by Carlsberg, com um set composto com vários temas bem ao estilo que lhe confere. Uma hora depois foi a vez de Tiago Vicente, seguido de Hugo Rizzo, que mais uma vez provou ser um dos próximos grandes artistas de música eletrónica em Portugal.
 
 
Christian F, já com o areal da praia de Portimão bem animado, demonstrou todo o seu talento de djing e de interação com o público, como estamos habituados nas suas atuações versáteis. Já na sessão da noite, foi Eddie Ferrer que realizou o warm-up de Danny Avila, com um set recheado de êxitos da música eletrónica do momento, bem como alguns temas de hip hop.
 

«NUESTRO HERMANO» CONQUISTOU PÚBLICO PORTUGUÊS

 
 
Danny Avila foi, sem dúvida, a atuação da noite. O jovem espanhol conseguiu cativar o público do início ao fim do seu espetáculo, com novos temas e êxitos como “I Want You To Know” de Zedd e Selena Gomez. O jovem talento oriundo do país de ‘nuestros hermanos’ demonstrou uma grande técnica na arte do djing, com uma excelente escolha de músicas durante cerca de 2 horas. Os efeitos visuais ajudaram e muito o artista espanhol, que contagiou tudo e todos com uma energia inesgotável. Depois de agradecer ao público, ergueu a bandeira portuguesa em cima da cabine, terminando desta feita a sua atuação.
 
Em breve poderás ter acesso à entrevista realizada pelo Portal 100% DJ a Danny Avila, minutos antes da sua entrada em palco.
 

DIEGO MIRANDA: O ESPETÁCULO GARANTIDO

 
 
Após as habituais fotografias e uma troca de palavras com Danny Avila, Diego Miranda assume os comandos da Where’s The Party do Algarve com um set enérgico e repleto de êxitos da música de dança internacional dos últimos anos. Um dos grandes momentos da noite foi a famosa “Ping Pong” de Armin van Buuren, que ganhou a habitual interação num dinâmico ‘jogo de braços’. O conhecido MC Katorz - membro da dupla Krash! - esteve presente em várias ocasiões no palco com Diego Miranda, animando o público com a sua inconfundível voz.
 
Bem ao estilo dos irmãos Dimitri Vegas & Like Mike, Katorz pediu ao público para abrir um corredor no meio do areal que depressa foi desfeito com um ‘moche’, demonstrando a loucura e o espírito de festa sentido pelos presentes.
 
Antes do final do seu set, Diego Miranda apelou ainda ao voto para o Top 100 da prestigiada revista DJ Mag, cuja sua posição atual é a 70ª. Durante a atuação foram distribuídos pelo público vários autocolantes do DJ português também com o objetivo de apelar ao voto.
 

O ZOOLÓGICO CHEGOU À PRAIA

 
 
Foi com a épica e inesquecível “Circle Of Life”, do filme “Rei Leão”, que Zoofunktion iniciou o seu set no NoSoloÁgua em Portimão. Nos ecrãs, várias imagens do filme despertaram a atenção dos presentes, que quiseram registar aquele momento.
 
Zoofunktion mostrou a sua grande energia em palco, sempre a interagir com o público. No final, o artista esteve à conversa em exclusivo com a equipa do Portal 100% DJ e admitiu, visivelmente satisfeito, que “não estava à espera daquele cenário”. Após entregar a cabine ao cabeça de cartaz, Deorro, dedicou ainda algum tempo para tirar fotografias com os fãs.
 

DEORRO & COMPANHIA

 
 
Após Zoofunktion dar o pontapé de saída da PandaFunk Tour na praia de Portimão, Deorro sobe ao palco onde era esperado por milhares de fãs. A sua técnica impressionante, aliada aos vários géneros musicais que reproduziu, desde o trap ao progressive house, captou as atenções do público. Durante a primeira hora esteve acompanhado da sua garrafa de Opta, um vinho branco português que o artista, detentor da editora PandaFunk, fez questão de degustar na noite quente algarvia.
 
Uma hora de set depois, juntam-se em palco Zoofunktion e Dirty Audio, dois artistas também pertencentes à PandaFunk, que realizaram um B2B com Deorro, enquanto que Zoo, como é tratado pelos amigos, tomou conta do microfone. Deorro teve ainda tempo de se juntar aos fãs na primeira fila, para captar algumas selfies.
 

WAO, O BRASILEIRO QUE TEM PERCORRIDO PORTUGAL

 
 
Quem já não é desconhecido por terras portuguesas, é mesmo o DJ e produtor Wao. Tem acompanhado Diego Miranda em várias atuações um pouco por todo o país e ficou a cargo de encerrar a noite da Where’s The Party by Carlsberg em Portimão. A uma hora do término do evento, WAO subiu ao palco e contagiou o público em grande escala com um set bastante eclético e transversal.
 

DE REGRESSO AGENDADO

 
O sucesso da Where’s The Party by Carlsberg está mais que assegurado e a organização pretende elevar a fasquia com uma data na MEO Arena, em Lisboa, no próximo dia 18 de dezembro. Até ao momento não foram revelados os artistas convidados, mas sabe-se que o cartaz irá impressionar muitos amantes da música eletrónica da atualidade.
 
Em breve poderás assistir a um 'aftermovie' gravado e editado pelo Portal 100% DJ, com imagens de bastidores e dos melhores momentos da noite.
 
Publicado em Reportagens
Diego Miranda, Club Banditz e DJ Ride são as mais recentes confirmações, que se vão juntar a Axwell /\ Ingrosso para um espetáculo épico no MEO Arena na Where’s The Party? by Carlsberg da capital portuguesa.
 
O atual número 58 do Top 100 da DJ Mag já pode ser considerado ‘residente’ das festas da Carlsberg, uma vez que atuou em Cascais, Portimão e regressa a Lisboa. DJ Ride e Club Banditz são as mais recentes aquisições da organização do evento, que pretende assim destacar os talentos nacionais.
 
A terceira edição deste ano do conceito Where’s The Party? by Carlsberg vai acontecer em Lisboa pela primeira vez no MEO Arena, com a estreia nacional do projeto Axwell /\ Ingrosso, no próximo dia 18 de dezembro.
 
A Carlsberg destaca o seu posicionamente de cerveja premium em território nacional com estas festas, ao juntar a sua bebida aos melhores talentos portugueses e estrangeiros da música eletrónica num só lugar.
 
As portas do recinto abrem às 20 horas, com início do espetáculo marcado para as 21h30 e o seu fim às 3 horas da madrugada. Os bilhetes já estão à venda na rede Blueticket e nos locais habituais desde 25,50 a 50,50 euros.
 
{youtube}EcfaoeTrYAs{/youtube}
Publicado em Eventos
O DJ e produtor sueco Alesso junta-se a Diego Miranda e Pedro Cazanova, substituindo Erik Morillo, na 'Where's the party?' by Carlsberg, evento que reúne a melhor tecnologia de som e imagem, e que se realiza no próximo dia 29, no Heliporto da Marina de Cascais.
 
De acordo com informações oficiais, Erik Morillo, por indicação médica, cancelou as próximas atuações que incluía a presença no evento da Carlsberg, em Portugal. Caso haja intenção de reaver o valor da entrada, a marca informa que poderá ser feito a partir de hoje e até ao dia 29 de junho (inclusive), desde que o bilhete seja apresentado  totalmente intacto, no local onde foi adquirido.
 
A restante programação prevista para o grande sunset 'Where's the party?' by Carlsberg mantém-se e conta, agora, com mais um nome de luxo da música eletrónica mundial.
 
'Where’s the party?' by Carlsberg decorre a 29 de junho, entre as 16h00 às 23h00, no Heliporto da Marina de Cascais. Os bilhetes estão à venda na rede Ticketline e nos locais habituais, com o preço de 15 euros e oferta de uma cerveja Carlsberg.
 
Este é um conceito internacional de festas premium da Carlsberg que chega este ano a Portugal. Para além da grande festa de dia 29, a marca organiza o tour 'Where's the  party?' com festas em todo o país, tendo como cabeça de cartaz o DJ Pedro Cazanova.
 
Publicado em Eventos
O DJ e produtor Slamtype, após lançar uma produção original pela Revealed Recordings, apresentou recentemente mais duas novas faixas. 
 
“Don’t Stop” tem o selo da Size Records, editora de Steve Angello, é uma música explosiva e enérgica que irá certamente fazer sucesso nas pistas de dança e festivais. A outra produção lançada é uma colaboração do artista com Diego Miranda e Zanova, intitulada “Loud”, através da editora Big Fish Recordings.
 
Ambas as produções já se encontram disponíveis nas plataformas digitais habituais.
 
Publicado em Música
Diego Miranda festeja hoje o seu trigésimo aniversário na Discoteca QB em Almeirim.

Diego, já se encontra de malas feitas para rumar em Fevereiro até ao Mundo do Carnaval - Brasil. No que diz respeito a produção, o tema “Tânia” que já está a mexer em Londres o mesmo é uma das grandes apostas deste dj produtor para 2009.

A festa conta ainda com o anfitrião Mário Boavida que também festejará a sua quadragésima primeira vela. Proibido Faltar!

O 100% DJ ofereceu a 3 noctívagos a sua entrada nesta grande Festa.

Neste Portal podes também enviar uma mensagem de Parabéns a Diego Miranda! Quem é Amigo, quem é?
Publicado em Artistas
Diego Miranda é cada vez mais um nome conhecido e aclamado na música eletrónica nacional e internacional. Tendo já estado presente na famosa lista Top 100 da revista DJMag, foi este ano novamente nomeado para um MTV Europe Music Award, na categoria de Best Portuguese Act. Depois de um verão cheio de atuações em Portugal e no estrangeiro, o DJ concedeu uma entrevista exclusiva ao portal 100% DJ, onde fala sobre a sua carreira, as nomeações da MTV e o seu futuro.

 

Qual foi a tua reação ao saber que estavas novamente nomeado para um Best Portuguese Act dos MTV Europe Music Awards?
Foi com enorme orgulho que soube. É verdade que também tenho trabalhado muito para isso e o facto de ter sido o único português a entrar para o Top100 do mundo, no último ano pela DJ Mag, também deve ter contribuído para isso. Mas esta nomeação tem um sabor diferente porque é uma competição, não só a nível de DJ’s, mas a nível de todos os músicos e bandas. E... como já tinha sido o único DJ em Portugal a ser nomeado pela MTV em 2011, desta vez não estava tanto à espera, por isso é uma grande alegria e uma grande honra poder representar a música eletrónica que se faz em Portugal para todo o mundo. 
 
Quais são as expectativas em relação aos resultados das votações? Acreditas que a competição vai ser renhida?
Provavelmente vai ser difícil, porque há fãs de bandas nomeadas que também são meus fãs, pois tratam-se de estilos completamente diferentes. Mas só posso dizer que vou trabalhar cada vez mais e estou a contar com o apoio de todos os meus fãs que são incansáveis e apoiam-me incondicionalmente. A eles, só lhes posso dizer "obrigado" e que tenho os melhores fãs do mundo. 
 
Pensas que é importante a MTV (e outros meios de comunicação social) dar importância aos DJ’s, uma vez que a música eletrónica tem cada vez mais público? 
Claramente que sim. Temos de saber acompanhar a evolução e hoje em dia os concertos deram lugar a festivais com DJ’s. Se um DJ tem capacidade de mover massas, encher estádios, inclusive como bandas e é um fenómeno, tem de se lhe dar o devido valor como qualquer outro músico ou artista. 
 
Em relação aos últimos meses, qual foi a experiência/trabalho que mais te marcou e mais gostaste de realizar? Porquê? 
É difícil enumerar porque foram várias, mas posso citar algumas, nomeadamente, adorei ter feito a Tour da Ballantines que realizou uma produção magnífica em todas as festas. Há dois clubs que me marcam sempre que lá passo: Green Valley no Brasil (eleito o melhor club do mundo) e Ushuaia em Ibiza. A Tour do Happy Holi, que começou em Portugal e já vai no Brasil, com festas que são sempre mágicas e únicas. Também finalizei um tema há pouco tempo, "Believer" com a cantora americana Miss Palmer, e estou com outros projetos e colaborações novas que ainda não posso revelar e que me têm dado muito gozo fazer. 
 

Temos de saber acompanhar a evolução e hoje em dia os concertos deram lugar a festivais com DJ’s.

 
Quando poderemos ouvir novo material original? Há alguma colaboração que está a ser planeada? 
Como disse, acabei de lançar o tema "Believer" e tenho vários projetos/colaborações que estão a sair mensalmente pela minha nova editora "Less is More", mas mais mainstream. Também tenho o cantor Mitch Crown, com quem já estou a trocar ideias para trabalharmos juntos num novo tema e paralelamente quero começar a trabalhar no meu novo álbum, em que vou incluir alguns temas que já saíram e muitas novidades, mas que só deve estar finalizado no próximo ano! 
 
No futuro, que projetos e novidades podemos esperar do Diego Miranda? 
Em termos de música, vou continuar a produzir e a lançar temas novos e vou continuar a tocar muito porque já tenho a agenda cheia até ao próximo ano. Quero também trabalhar mais na minha editora para que cresça e para que dê oportunidade a outros artistas e novos talentos de crescerem. Também estou a lançar uma linha de roupa com o meu estilo, para os verdadeiros fãs… basicamente, o que posso dizer é que, não vou parar!
 
Que objetivos ainda pretendes atingir a nível profissional?
Não penso nisso, só posso dizer que "o céu é o limite!" 
 
Quais são as tuas inspirações, a nível de DJ's? E com quem desejarias trabalhar um dia? 
Existem alguns que admiro bastante e que às vezes não têm nada a ver com o estilo que toco hoje em dia, mas que serão sempre uma referência para mim, como é o caso de Carl Cox com toda a sua técnica. A nível de produtores, atualmente, existem vários como é o caso do Calvin Harris ou David Guetta porque nunca descuram a parte melódica nos seus temas e conseguem manter-se sempre atuais.
 
Nota de redação: Para votares acede a pt.mtvema.com/vota.
 
 
Publicado em Entrevistas
Martin Garrix é o mais recente número 1 da famosa e polémica tabela do mundo da música eletrónica internacional, o Top 100 da revista holandesa DJ Mag. A cerimónia decorreu esta noite durante o Amsterdam Music Festival, na Holanda.
 
Os vencedores da edição do ano passado, Dimitri Vegas & Like Mike, ficaram colocados em segundo lugar este ano, seguidos de Hardwell, Armin van Buuren e Tiesto.
 
Diplo é o único artista a aparecer na lista três vezes, através dos Major Lazer, Jack U e a nível individual. As faltas mais sentidas nesta tabela foram de Chuckie, Erick Morillo, Nicole Moudaber, Richie Hawtin, Danny Avila, Disclosure, UMEK, Kaskade, Krewella, Sander van Dorn, MAKJ, Thomas Gold, entre outros.
 
Entre as novas entradas constam nomes como Marshmello, Lost Stories, Vintage Culture, Alan Walker, entre outros. Este ano, os artistas portugueses Diego Miranda e Kura mantêm-se na tabela, nas posições 58 e 51 respetivamente.
 
Além das posições na lista, foram entregues ainda prémios especiais a Oliver Heldens, Angerfist e Don Diablo A listagem resultou de um milhão de votos online e o prémio foi entregue a Martin Garrix pelas mãos de Tiesto, que ainda teve tempo de contar a história de quando e como conheceu o jovem DJ e produtor holandês.
 
Confere abaixo a lista completa:
 
1 – Martin Garrix
2 – Dimitri Vegas & Like Mike
3 - Hardwell
4 – Armin van Buuren
5 - Tiesto
6 – David Guetta
7 – Steve Aoki
8 – Oliver Heldens
9 - Skrillex
10 - Afrojack
11 - Avicii
12 - KSHMR
13 – W&W
14 – Calvin Harris
15 – Don Diablo
16 – Axwell /\ Ingrosso
17 – Dash Berlin
18 – The Chainsmokers
19 – Ummet Ozcan
20 - Alesso
21 – R3hab
22 – DJ Snake
23 - Diplo
24 - DVBBS
25 - Alok
26 - Kygo
27 – Swanky Tunes
28 - Marshmello
29 – Nicky Romero
30 – Steve Angello
31 – deadmau5
32 - Quintino
33 – DJ Chetas
34 - Bassjackers
35 - Zedd
36 - Headhunterz
37 - VINAI
38 – Florian Picasso
39 - Galantis
40 – Jack U
41 – Aly & Fila
42 - Shogun
43 - Blasterjaxx
44 – Major Lazer
45 - NERVO
46 - Angerfist
47 – Above & Beyond
48 – Yellow Claw
49 - Marlo
50 – Fedde Le Grand
51 - Kura
52 – Lost Stories
53 - Deorro
54 – Vintage Culture
55 – Alan Walker
56 – Tom Swoon
57 - Coone
58 – Diego Miranda
59 – Brennan Heart
60 – Paul Van Dyk
61 - ATB
62 – Yves V
63 - Woflpack
64 – Dillon Francis
65 – Andrew Rayel
66 – Eric Prydz
67 - Felguk
68 – Radical Redemption
69 – Robin Schulz
70 - Dannic
71 – Da Tweekaz
72 – Daft Punk
73 – Will Sparks
74 – Carl Cox
75 – Timmy Trumpet
76 - Borgore
77 - Firebeatz
78 - Tujamo
79 – Laidback Luke
80 – Markus Schulz
81 - Vicetone
82 – Martin Jensen
83 - Jauz
84 - Carnage
85 - Netsky
86 – Carl Nunes
87 – Sam Feldt
88 – Miss K8
89 – Jay Hardway
90 – Porter Robinson
91 - Bobina
92 - Zatox
93 - Dyro
94 - Flume
95 – Infected Mushroom
96 - Showtek
97 – Daddy’s Groove
98 – Martin Solveig
99 – Ferry Corsten
100 – DJ Feel
Publicado em Mix
Está confirmada a primeira de quatro festas de promoção do Sensation White para a noite do próximo Sábado, dia 14 de Março na Madeira.

A eleita é a discoteca Vespas, que irá assim receber o primeiro nome nacional confirmado para o evento, falamos de Dj Diego Miranda. As Vespas - Madeira, são desde há muito consideradas como a casa rainha da ilha acabando esta opção por reflectir a junção perfeita daquela que é considerada uma das melhores festas do mundo com o espaço emblemático da ilha.

Quanto a Diego Miranda, é o nome que vai certamente voltar a fazer a diferença ao mesmo tempo que se mantém no alinhamento dos maiores eventos que passaram por Portugal. A 14 de Março dar-se-á início à caminhada que tem a sua grande meta a 9 de Maio no Pavilhão Atlântico em Lisboa.
Publicado em Artistas
A festa prometia ser épica e assim foi. Depois de Cascais e Portimão, a maior sala de espetáculos do país recebeu no passado dia 18 de dezembro a última Carlsberg Where’s The Party deste ano, com a dupla sueca Axwell /\ Ingrosso e os portugueses Diego Miranda, Club Banditz, DJ Ride e Eddie Ferrer no lineup.
 
Ainda que sem lotação esgotada, o MEO Arena em Lisboa transformou-se na maior pista de dança portuguesa durante a noite da passada sexta-feira. Além de assistirem ao espetáculo, os noctívagos tiveram ainda a oportunidade de participar em experiências únicas proporcionadas pela Carlsberg, como Meet & Greet’s com os artistas, pinturas faciais fluorescentes e ainda o famoso Photo Wall by ReusePic.
 
O espetáculo ficou também marcado pelo grande aparato multimédia, onde se destacaram os efeitos visuais, com vários ecrãs LED, pirotecnia, fogo, lasers e C02 - dispositivos com selo de qualidade da empresa Expresso Audio.
 

TALENTO PORTUGUÊS EM GRANDE DESTAQUE

 
 
Em todas as suas edições anteriores deste ano, o evento contou com a presença de um leque de artistas portugueses e também no MEO Arena o talento português não foi esquecido. Depois de Eddie Ferrer e Diego Miranda subirem ao palco de Cascais e de Portimão, chegou a vez de assumirem esta nova cabine, acompanhados também pela dupla Club Banditz e pelo campeão DJ Ride.
 
Com a responsabilidade de abrir as “hostes” ficou Eddie Ferrer, que transmitiu toda a energia necessária para a continuação do espetáculo dos seus colegas, através de um set repleto de ritmos contagiantes e hits do momento. 
 
Pouco depois, DJ Ride foi recebido de braços abertos e apresentou mais uma vez o seu incrível talento no scratch. Géneros como drum & bass, trap, hip hop e dubstep tiveram um resultado positivo no público, que ficou contagiado com toda a energia e sonoridade. Esta foi certamente uma escolha acertada por parte da organização, ao apostar num artista versátil, com um estilo diferente de todo o resto do line-up.
 
Antes do evento, e juntamente com a equipa do Espalha-Factos, o Portal 100% DJ teve a oportunidade de conversar com DJ Ride, nos bastidores do MEO Arena. 2015 revelou-se um grande ano para o artista português, que considera ter corrido “muito bem e com bastantes highlights. O meu álbum, sem dúvida, foi um dos momentos altos, o Red Bull Thre3Style foi provavelmente uma das melhores experiências que tive ao nível de campeonatos e estar dez dias no Japão foi mesmo uma coisa incrível”, confessou DJ Ride.
 

(...) o público também quer coisas mais diferentes.

 
O seu irmão, Holly, também estava presente no evento, apesar de não ir atuar, mas DJ Ride considera “brutal e é engraçado ver a nova geração, o sangue novo, pois não há assim muitos new commers no scratch e no hip hop, a nível de DJs, infelizmente, porque Portugal também é um país pequeno”. Em relação ao convite para subir ao palco do MEO Arena, DJ Ride achou “super positivo”, dando destaque ao facto de haver “DJs de outros estilos” e que “o público também quer coisas mais diferentes”. Dentro da indústria da música o artista português considera que existem rivalidades onde “quem gosta muito de um estilo, depois não respeita o outro. Às vezes o pessoal não gosta da minha música, isso para mim é um elogio, porque eu também não gosto de tudo”, referiu o DJ. 
 
No Japão, o artista confessou que teve “pouco tempo para treinar o campeonato”, pois “acordava, treinava e ia dormir” mas mesmo assim conseguiu chegar à final desta competição “que está a crescer cada vez mais, até porque tem a marca Red Bull por trás a apoiar e a suportar tudo e isso é importante”.
 
 
Ainda não tinham pisado o palco e já se podiam observar nas primeiras filas as várias bandeiras que os fãs dos Club Banditz levaram para o evento. Apesar do seu reconhecimento a nível nacional ter sido apenas concretizado no último ano, é já notório que o número de fãs está a aumentar a um bom ritmo, graças ao seu talento e presença em palco. A enérgica atuação da dupla meteu o público ao rubro recebendo desta feita, uma distinção positiva para o gig de estreia no MEO Arena.
 
A exemplo de DJ Ride, também os Club Banditz receberam em mãos, o simbólico troféu da iniciativa levada a cabo pelo Portal 100% DJ - “Os 20 Mais de 2015”, divulgada no passado dia 8 de dezembro.
 
É o número 58 do Top 100 da DJ Mag e muitos dos fãs que votaram em Diego Miranda estavam presentes no MEO Arena, prontos para assistir a mais um espetáculo do DJ e produtor português. Vários hits do momento como “Ping Pong” de Armin van Buuren entoaram na sala da capital, seguida da atuação de Mikael Solnado no tema “Turn The Lights Out” e de Mod Martin em “Never Surrender”.
 
“Foi um bom ano e a minha posição alcançada no Top 100 foi o culminar”, confessou Diego Miranda em relação a 2015, instantes antes de subir à cabine. Recentemente o artista português lançou uma faixa numa onda de techno, com o brasileiro Alok e está preparar novidades para fevereiro, mês em que será editada a sua colaboração com Wolfpack, na editora de Dimitri Vegas & Like Mike.
 
A despedida ficou concluída com a equipa de reportagem 100% DJ a fazer mais uma entrega do troféu que distingue “Os 20 Mais de 2015”.
 
 

A ESTREIA EXPLOSIVA DA FUSÃO SUECA

 
O momento mais esperado da noite, e muito provavelmente do ano, estava prestes a acontecer. Depois de um pequeno intervalo para alterações de logística, surge finalmente a dupla Axwell /\ Ingrosso, preparada para estrear em Portugal, e de forma explosiva, o seu novo projeto. As músicas assinadas pelos Swedish House Mafia não foram esquecidas e durante o set, o público vibrou ao som de “One”, “Don't You Worry Child” e “Save The World”. Outros êxitos como “Reload” (Sebastian Ingrosso & Tommy Trash), “One More Time” (Daft Punk), “Firestone” (Kygo), “Heroes” (Alesso & Tove Lo) e “How Deep Is Your Love” (Calvin Harris & Disciples) fizeram as delícias auditivas de todos.
 
Em relação aos temas originais, foram também apresentados algumas ID’s e hits já conhecidos de todos como “Can’t Hold Us Down”, “This Time”, “On My Way” e “Something New”. Para o final, ficou reservada “Sun Is Shining”, acompanhada de um espetacular efeito visual. A dupla sueca despediu-se do público com um “Obrigado”.
 
 

UM ANIVERSÁRIO ESPECIAL

 
Foi a segunda vez que Axwell comemorou o seu aniversário a trabalhar em Portugal. A última vez aconteceu em 2012, também no MEO Arena, na última digressão dos Swedish House Mafia (One Last Tour). 
 
Na passada sexta-feira, Axwell celebrou o seu 38.º aniversário nos bastidores do recinto, juntamente com alguns fãs, organização, Sebastian Ingrosso e jornalistas, que cantaram os parabéns ao artista sueco, a quem foi oferecido um bolo personalizado e uma garrafa gigante da cerveja patrocinadora do evento.
 
Já em palco e quase no fim do espetáculo foi a vez de Sebastian Ingrosso falar ao público, desafiando todos a cantar os parabéns ao seu amigo e colega aniversariante. Um momento que o DJ e produtor sueco tão depressa não irá esquecer
 

“NÃO SE MOSTRARAM SUPERIORES MAS SIM ACESSÍVEIS”

 

 
Existem sempre admiradores mais sortudos que têm a oportunidade de estar junto dos seus ídolos. Club Banditz, Diego Miranda e Axwell /\ Ingrosso foram alguns dos artistas que fizeram questão de receber os seus seguidores, dando-lhes a oportunidade de trocar algumas palavras, tirar fotografias e, claro, os autógrafos habituais.
 
João Garcia ganhou a oportunidade de estar no Meet & Greet com Axwell e Sebastian Ingrosso e “conhecê-los pessoalmente foi estranho, pois não está ao alcance de todos”, referiu em entrevista ao Portal 100% DJ. “Ver o camarim, estar perto deles, cantar os parabéns a Axwell juntamente com a imprensa foi muito bom”, afirmou João Garcia, que considera os artistas suecos como “pessoas impecáveis e que falaram sem problemas. Não se mostraram superiores mas sim acessíveis!”. Em relação à atuação da dupla, João refere que “já não são novos mas continuam a puxar pelo público e a conseguir pôr a malta jovem em delírio, além das grandes músicas produzidas”, concluiu João Garcia.
 

TRÊS EVENTOS DE SUCESSO COM ASSINATURA CARLSBERG

 
Ao longo do ano, foram três eventos de música eletrónica de excelência, que tiveram lugar na marina de Cascais, no Nosolo Água de Portimão e no MEO Arena em Lisboa. Nomes como NERVO, Alok, Diego Miranda, Danny Avila, Deorro, Tom Enzy, Eddie Ferrer, Christian F, Hugo Rizzo, DJ Ride, Axwell /\ Ingrosso e muitos mais marcaram presença nas três festas com assinatura da marca de cerveja premium Carlsberg. 
 
Os eventos ficaram ainda marcados pelas experiências que a organização ofereceu aos fãs de música eletrónica, desde viagens de helicóptero, meet & greets e ações interativas.
 
A edição da marina de Cascais ficou marcada pelo cancelamento da atuação dos brasileiros Felguk, devido às más condições meteorológicas que se agravaram no dia da sua realização.
 

OS MELHORES MOMENTOS PARTILHADOS COM O MUNDO

 
As redes sociais, nomeadamente o Facebook, o Twitter e o Instagram, mais uma vez encheram-se de fotografias, vídeos e testemunhos de quem viveu a festa épica no MEO Arena, no passado dia 18 de dezembro.
 
Antes das portas abrirem, Eddie Ferrer e DJ Ride partilharam fotografias dos bastidores das suas atuações. Após o evento, Diego Miranda, DJ Ride, Club Banditz, Eddie Ferrer, Axwell e Sebastian Ingrosso publicaram nas suas páginas oficiais algumas fotografias do evento, acompanhadas de descrições e elogios ao público presente.
 

Thank you PORTUGAL! Where's The Party was epic!

Publicado por Axwell Λ Ingrosso em Segunda-feira, 21 de Dezembro de 2015
 
Publicado em Reportagens
A dupla Dimitri Vegas & Like Mike foi a grande vencedora da edição deste ano do Top 100 da DJ Mag. Depois de dois anos consecutivos com Hardwell o topo, chegou a vez de uma dupla assumir o lugar pela primeira vez. Portugal marcou presença mais uma vez, com Kura a descer 19 posições, tendo ficado colocado em 61º lugar, enquanto que Diego Miranda subiu para o número 58.
 
O Top 10 ficou composto por Hardwell, Martin Garrix, Armin van Buuren, Tiesto, David Guetta, Avicii, Afrojack, Skrillex e Steve Aoki, por ordem numérica.
 
Novas entradas foram notadas, como Alok, Kygo, Axwell /\ Ingrosso, KSHMR e Bassjackers. Em relação às grandes ausências, salientamos a falta de Erick Morillo, Felguk, FTampa, Cedric Gervais, Tommy Trash, Sunner James & Ryan Marciano, Martin Solveig e Jay Hardway no Top mais famoso e polémico a nível internacional.
 
Os resultados foram anunciados durante a tarde e acompanhados bem de perto pela redação do Portal 100% DJ, que anunciou todas as posições, curiosidades e outros momentos altos do Top 100 e do Amsterdam Music Festival no nosso website, em direto.
 
Nos próximos dias, os leitores do Portal 100% DJ poderão encontrar mais desenvolvimentos relativos ao assunto do Top 100 da DJ Mag.
 
Confere abaixo a lista completa, com as variações de posição em relação ao ano passado:
 
  • 1 - Dimitri Vegas & Like Mike (+1)
  • 2 - Hardwell (-1)
  • 3 - Martin Garrix (+1)
  • 4 - Armin Van Buuren (-1)
  • 5 - Tiesto (=)
  • 6 - David Guetta (+1)
  • 7 - Avicii (-1)
  • 8 - Afrojack (+4)
  • 9 - Skrillex (=)
  • 10 - Steve Aoki (=)
  • 11 - Calvin Harris (=)
  • 12 - Oliver Heldens (+22)
  • 13 - Alesso (+2)
  • 14 - W&W (+4)
  • 15 - Dash Berlin (-1)
  • 16 - DVBBS (+4)
  • 17 - Axwell /\ Ingrosso (Nova entrada)
  • 18 - Nicky Romero (-10)
  • 19 - Blasterjaxx (-3)
  • 20 - Diplo (+20)
  • 21 - R3hab (+2)
  • 22 - Zedd (=)
  • 23 - KSHMR (Nova entrada)
  • 24 - NERVO (-3)
  • 25 - deadmau5 (-9)
  • 26 - Dannic (+4)
  • 27 - Dyro (=)
  • 28 - Deorro (-9)
  • 29 - Above and Beyond (-4)
  • 30 - Don Diablo (+52)
  • 31 - Steve Angello (-4)
  • 32 - DJ Snake (+33)
  • 33 - Kygo (Nova entrada)
  • 34 - Yves V (+21)
  • 35 - Fedde Le Grand (=)
  • 36 - Ummet Ozcan
  • 37 - Showtek (-5)
  • 38 - AngerFist (-1)
  • 39 - Bassjackers (Nova entrada)
  • 40 - Andrew Rayel (Nova entrada)
  • 41 - Paul Van Dyk (-3)
  • 42 - Aly and Fila (-14)
  • 43 - VINAI (+19)
  • 44 - Alok (Nova Entrada)
  • 45 - Jack U (Nova Entrada)
  • 46 - Tom Swoon (Nova Entrada)
  • 47 - Shogun (Reentrada)
  • 48 - HeadHunterz (-8)
  • 49 - Coone (-1)
  • 50 - Vicetone (-14)
  • 51 - Richie Hawtin (+39)
  • 52 - WolfPack (+32)
  • 53 - Brennan Heart (-6)
  • 54 - Major Lazer (Nova Entrada)
  • 55 - Porter Robinson (+2)
  • 56 - Markus Schulz (-12)
  • 57 - Eric Prydz (+3)
  • 58 - Diego Miranda (+20)
  • 59 - Chetas (Nova Entrada)
  • 60 - Danny Avila (Nova Entrada)
  • 61 - Kura (-19)
  • 62 - Tchami (Nova Entrada)
  • 63 - Carl Cox (-4)
  • 64 - Laidback Luke (-14)
  • 65 - Disclosure (Nova Entrada)
  • 66 - Firebeatz (-10)
  • 67 - Dillon Francis (-13)
  • 68 - Borgore (-27)
  • 69 - Daft Punk (-26)
  • 70 - UMEK (+5)
  • 71 - Tenishia (+2)
  • 72 - Radical Redemption (-8)
  • 73 - Frontliner (-28)
  • 74 - Borgeous (+13)
  • 75 - Netsky (Nova Entrada)
  • 76 - Yellow Claw (Nova Entrada)
  • 77 - Chuckie (Reentrada)
  • 78 - Will Sparks (Nova Entrada)
  • 79 - Da Tweekaz (-13)
  • 80 - Quintino (+6)
  • 81 - Krewella (-48)
  • 82 - ATB (-24)
  • 83 - MAKJ (-20)
  • 84 - Kaskade (-38)
  • 85 - Ferry Corsten (+6)
  • 86 - Flux Pavilion (Nova Entrada)
  • 87 - Zatox (-16)
  • 88 - Carnage (-20)
  • 89 - Robin Schulz (Nova Entrada)
  • 90 - Sander Van Dorn (-39)
  • 91 - MaRLo (Nova Entrada)
  • 92 - Andy C (Reentrada)
  • 93 - Quentin Mosimann (-21)
  • 94 - MissK8 (Nova Entrada)
  • 96 - Tujamo (Nova Entrada)
  • 95 - Mike Candys (-10)
  • 97 - Swanky Tunes (Nova Entrada)
  • 98 - Galantis (Nova Entrada)
  • 99 - Cosmic Gate (-30)
  • 100 - Knife Party (-47)
  •  

{youtube}oC1lt7p_dQM{/youtube}

Publicado em Mix
Pág. 1 de 5
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.