17-07-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

Vai estar disponível dentro de poucas horas a mais popular e polémica votação de DJs de todo o Mundo, promovida pela revista Britânica - DJ Mag.
Até meados de setembro, os fãs dos artistas são mais uma vez convidados a votar nos seus cinco ídolos - por ordem de preferência (1-5) -, através da plataforma digital disponibilizada pela revista.
 
Nos últimos anos, esta votação tem-se revelado bastante polémica. Há registo de uma fraude que foi descoberta, quando vários DJs votaram várias vezes em si mesmos, utilizando softwares para camuflar o IP, e até mesmo uma venda de votos do Ebay por 1000 euros - situações que receberam inúmeras criticas e colocaram em causa a credibilidade da própria votação. No entanto ano após ano, a DJ Mag afirma que esta é uma eleição dos artistas mais populares e não necessariamente dos melhores da 'cena'.
 
É cada vez maior a preocupação da revista em melhorar a sua plataforma, a fim de evitar fraudes nas votações, e é também cada vez maior o número de candidatos em agressivas campanhas promocionais 'vota em mim'.
 
Recorde-se que o último vencedor foi Amin Van Buuren que voltou a conquistar o primeiro lugar, depois de em 2011, David Guetta lhe ter 'passado a perna' por apenas 1 lugar. Neste momento Van Buuren arrecada cinco primeiros prémios dos anos 2007, 2008, 2009, 2010 e 2012.
 
Pete Tha Zouk (47º), Diego Miranda (108º), e DJ Vibe (150º), foram os quatro portugueses que figuraram no Top, mas apenas Pete Tha Zouk ocupou lugar no Top 100.
 
A exemplo de outros anos, os resultados serão conhecidos no próximo mês de outubro na 18ª edição do ADE - Amsterdam Dance Event, que este ano decorre entre 16 e 20 de outubro.
 
 
Publicado em Mix
Segundo os últimos resultados do mais famoso e polémico ranking de DJs - divulgado no passado sábado, 18 de outubro - Hardwell, sem grandes surpresas, volta a alcançar o número 1 de uma listagem de 100 artistas. O DJ e produtor holandês recebe, desta feita, a medalha de “mais popular do mundo”, com Dimitri Vegas & Like Mike e Armin van Buuren a completar o pódio, no segundo e terceiro lugar respetivamente.
 
A lista tem recebido inúmeras críticas relacionadas com o desajustado posicionamento de alguns DJ's reconhecidos mundialmente, como é o caso de Carl Cox, ou pela ausência de Erick Morillo, por exemplo.
 
Pelo terceiro ano consecutivo, o Portal 100% DJ lançou o desafio a três rostos conhecidos e influentes na noite nacional para participar no Vox Pop, onde a pergunta é: "Qual é a sua opinião sobre o Top 100 da Revista DJ Mag?"
 
O nosso terceiro e último convidado a opinar é o DJ e produtor Hugo Rizzo.
 
A Redação 100% DJ.

 
Para mim o top 100 da DJ Mag é um top de popularidade referente a um período de tempo. E acho que o motivo de tantas críticas é que pouca gente o encara como tal.
 
É óbvio que os resultados são sempre controversos. Não há vivalma que consiga compreender que artistas como Erick Morillo, Fatboy Slim, Licle Louie Vega, Danny Tenaglia, Roger Sanchez ou Bob Sinclar fiquem de fora de um Top que avalia os melhores do mundo. Não há também vivalma que consiga conceber uma dimensão em que projectos com tão pouca história - apesar da sua inequívoca qualidade - como Martin Garrix, DVBBS ou Blasterjaxx fiquem melhor posicionados do que artistas como Daft Punk ou Carl Cox. Nem mesmo haverá vivalma que ache normal que artistas de topo de géneros musicais como o Tech House, Techno, Deep House ou mesmo Hip Hop sejam completamente excluídos desta votação ano após ano.
 
Eu simplesmente acho que o problema não é o TOP mas sim as expectativas que são criadas em seu redor. Isto não é o TOP do DJ tecnicamente mais evoluído, se não certamente que o nosso Ride era dos mais votados. Não é o top do DJ com melhor leitura de pista se não certamente que há por aí dezenas de DJs residentes por esse mundo fora que não ficariam de fora. Não é o TOP do DJ mais eclético ou evoluído musicalmente ou onde estariam nomes como Laurent Garnier?

Eu simplesmente acho que o problema não é o TOP mas sim as expectativas que são criadas em seu redor.

É este o meu argumento principal nas conversas que tenho tido com várias pessoas sobre isto.
 
O Top 100 da DJ Mag é um top de popularidade referente ao ano de 2014. Ou seja, os DJs que mais alcançaram ou mantiveram popularidade no último ano foram os melhores classificados. Ponto final. Não façam dele mais do que é.
 
PS: Eu sei que vou chover no molhado mas como raio é possível não destacar o desempenho excepcional do Kura este ano? Foi sem dúvida uma grande notícia para a scene portuguesa. E se alguém algum dia duvidou que o trabalho compensa... já estará convencido do contrário certo?
 
DJ e Produtor
 
Publicado em Mix
O holandês Nicky Romero, que atuou na última edição do RFM SOMNII – O Maior Sunset de Sempre, na Figueira da Foz, lançou uma campanha original para arrecadar votos para o Top 100 da DJ Mag deste ano.
 
No ano passado, o DJ e produtor ficou colocado na 9ª posição e este ano pretende subir na tabela. Para isso, lançou um jogo online, semelhante ao famoso Super Mario, onde o jogador tem de saltar e deslizar por baixo dos camiões da Protocol Recordings, a sua editora.
 
O jogo tem três níveis diferentes e ao longo do mesmo, Nicky, a personagem principal, vai encontrando membros da sua equipa, que o levam depois de helicóptero para um club, onde vai atuar para uma multidão de fãs. A banda sonora do videojogo é o seu conhecido single “Toulouse”.
 
Clica aqui e começa a jogar.
 
{youtube}N5mhz7pH9lU{/youtube}
Publicado em Artistas
A votação para o mais famoso Top 100 de DJs, este ano patrocinado pela marca de bebida 7UP, arranca a 6 de julho e termina no dia 14 de setembro. Segundo dados divulgados, só em 2014 foram contabilizadas 900 mil votações provenientes de mais de 200 países.
 
Sempre debaixo de uma feroz polémica e da maior especulação, esta votação é levada a cabo desde 1993 pela revista britânica DJ Mag, mas será novamente em Amesterdão, que se realizará a grande festa de apresentação dos resultados e suas respetivas posições. 
 
E por falar em posições, será que este ano, Hardwell irá renovar pela terceira vez consecutiva o título de “número 1”? Ou será que os irmãos Dimitri Vegas & Like Mike conseguirão subir no pódio? E que novos artistas portugueses irão entrar na listagem?
 
Muitas serão as hipóteses, mas tudo ficará em aberto até 16 de outubro, data da cerimónia que irá decorrer no Amsterdam Music Festival, evento inserido no ADE (Amsterdam Dance Event), aquele que é considerado o maior encontro de música eletrónica a nível mundial e que este ano realiza a sua 20ª edição de 14 a 18 de outubro.
 
Recorde-se que desde 1997 e até ao momento, apenas quatro portugueses alcançaram um lugar entre os 100, são eles: DJ Vibe, Pete Tha Zouk, Diego Miranda e mais recentemente a estreia de Kura. 
 
 
Publicado em Mix
segunda, 07 novembro 2016 19:24

101 a 150: DJ Mag divulga segunda listagem

Depois da polémica divulgação dos resultados do Top 100 DJs deste ano, que deu a vitória ao jovem holandês Martin Garrix, a revista DJ Mag divulgou nos últimos dias as posições compreendidas entre os números 101 e 150.
 
Disclosure, Sander van Doorn, Kaskade, Richie Hawtin e o francês Bob Sinclar são alguns dos artistas que compõem esta segunda e menos importante listagem que não contempla artistas portugueses. 
 
Confere em baixo a listagem.
 
101. Cosmic Gate
102. Nucleya
103. Merk & Kremont
104. Chuckie
105. FTampa
106. Gunz For Hire
107. Warface
108. Disclosure
109. Tchami
110. Jetfire
111. Atmozfears
112. Knife Party
113. Sander van Doorn
114. Kaskade
115. Tenishia
116. Zomboy
117. Lost Frequencies
118. Frontliner
119. Noisecontrollers
120. Illusionize
121. R-Wan
122. Krewella
123. Francis Davila
124. Richie Hawtin
125. Quentin Mosimann
126. Kyroman
127. MAKJ
128. Julian Jordan
129. UMEK
130. Chapeleiro
131. Frequencerz
132. Kryder
133. Bob Sinclar
134. Curbi
135. Code Black
136. Junior Jack
137. Berg
138. TJR
139. Paul Kalkbrenner
140. Arty
141. 3 Are Legend
142. Solomun
143. Wasted Penguinz
144. Madeon
145. Fatboy Slim
146. Maceo Plex
147. Astrix
148. MOTi
149. Skazi
150. Orjan Nilsen
 
Publicado em Mix
Pelo segundo ano consecutivo, o DJ holandês Hardwell ficou classificado em 1º lugar no Top 100 da conceituada revista DJ Mag, arrecandando o título de "melhor DJ do mundo". Depois de receber e agradecer o prémio no Amesterdam Music Festival, o artista demonstrou aquilo que faz de melhor: a arte de djing, numa atuação cheia de energia.
 
Nos restantes lugares do pódio, Dimitri Vegas & Like Mike ficaram colocados em segundo lugar, enquanto que Armin van Buuren, também já eleito o melhor do mundo em edições anteriores, ficou-se pelo 3º lugar. Uma das grandes surpresas do Top 5 foi Martin Garrix, que com apenas 18 anos, alcançou a quarta posição.
 
Portugal marcou presença no Top 100, com destaque à estreia de Kura na 42ª posição. Diego Miranda continua na tabela, com uma subida de 24 posições em relação a 2013, ficando em 70º lugar.
 
A nível do "Top 50", recorde-se que Vibe atingiu a posição número 40 em 2007 e Pete Tha Zouk o 37º lugar em 2011. Em 2012 o algarvio desceu 10 posições alcançando o número 47.
 
A nível de ausências, foram muitas as que se fizeram notar num ano de grande ascenção para vários artistas, como é o caso de Tommy Trash, Sunnery James & Ryan Marciano, o brasileiro FTAMPA, Cedric Gervais, Alvaro e Jay Hardway que por diversas vezes marcou presença em Portugal.
 
A votação para o Top 100 DJ Mag esteve aberta desde 12 de julho até 15 de setembro, no site oficial da revista.
 
Os resultados foram divulgados via Twitter e no Amesterdam Music Festival, transmitido em direto através do Youtube, com cerca de 14 mil pessoas a assistir online.
 
Confere em baixo, além do histórico de vencedores, a listagem completa e oficial.
 
 
Histórico de Vencedores TOP 100 da DJ Mag:
1997 - Carl Cox
1998 - Paul Oakenfold
1999 - Paul Oakenfold
2000 - Sasha
2001 - John Digweed
2002 - Tiësto
2003 - Tiësto
2004 - Tiësto
2005 - Paul van Dyk
2006 - Paul van Dyk
2007 - Armin van Buuren
2008 - Armin van Buuren
2009 - Armin van Buuren
2010 - Armin van Buuren
2011 - David Guetta
2012 - Armin Van Buuren
2013 - Hardwell
2014 - Hardwell
 
Publicado em Artistas
A ‘campanha eleitoral’ para o Top 100 da DJ Mag deste ano já começou. Além dos artistas internacionais, são muitos os DJs e produtores portugueses que estão a apelar ao voto, utilizando, maioritariamente, as redes sociais.
 
Kura, que se estreou o ano passado na lista ocupando a posição número 42, iniciou a sua campanha através de um vídeo que mostra os bastidores da vida de DJ. “As votações da DJ Mag já começaram, o vosso apoio é mais importante do que nunca!”, revelou Kura na sua página oficial de Facebook.
 
Há também outros DJs portugueses empenhados a tentar a sua sorte para a edição deste ano do mais disputado TOP 100 de DJs, com apelo ao voto através das redes sociais, junto dos fãs. É o caso do DJ The Fox, que considera que “esta entrada em votação é idealizada de forma a querer mostrar mais do que se faz em Portugal. A produção é o foco e um resultado inesperado pode acontecer!”.
 
Tom Enzy também já iniciou a sua ‘campanha eleitoral’, afirmando que “tem sido um ano incrível” e que “é o momento certo para fazer isto acontecer!”. Depois de apelar votos aos seus fãs, agradece por tornar este “sonho em realidade”.
 
Depois de atuarem no mesmo palco de grandes nomes como Dimitri Vegas & Like Mike ou Steve Angello, a dupla Club Banditz decidiu também apelar ao voto. “As votações da DJ Mag já começaram, o vosso apoio é muito importante!”, relatam os DJs e produtores na página oficial de Facebook.
 
Diego Miranda é também outro português que quer continuar a marcar presença na lista mais cobiçada da música eletrónica. Além de apelar ao voto durante as suas atuações o DJ aposta ainda na distribuição de autocolantes pelos fãs. Através de um vídeo com alguns dos melhores momentos da sua carreira nos últimos anos, o DJ tem contado com o apoio dos seus seguidores para fazer história.
 
Desde o ano 1997 que a presença de portugueses na lista já vem sendo habitual. DJ Vibe foi o estreante, na posição número 36, a mais alta de um DJ nacional até aos dias de hoje.
 
Pete Tha Zouk, Diego Miranda e Kura também já estiveram presentes no Top 100 da DJ Mag nos últimos anos.
 
Em baixo poderás conferir todas as posições de DJs portugueses no Top da DJ Mag, nos respetivos anos:
 
DJ Vibe:
  • 1997 - #36
  • 1998 - #87
  • 2004 - #80
  • 2005 - #40
  • 2006 - #47
  • 2007 - #40
  • 2008 - #79
  • 2010 - #100
  • 2011 - #84
 
Pete Tha Zouk:
  • 2010 - #80
  • 2011 - #37
  • 2012 - #47
 
Diego Miranda:
  • 2013 - #94
  • 2014 - #70
 
Kura:
  • 2014 - #42
 
 
{youtube}b_fjj48U3zk{/youtube}
Publicado em Mix
quarta, 27 outubro 2010 16:18

Top 100 DJs - Resultados Oficiais

Acaba de ser finalmente divulgado o famoso Top mundial dos 100 melhores DJ's.
Durante as votações, foram milhares as pessoas, oriundas de todos os cantos do mundo, que votaram nos seus DJ's favoritos para assim fazer o Top dos 100 mais votados.
 
Os resultados de 2010, incluem novos artistas, novos géneros e novas formas de cimentar o o estatuto de melhor 'DJ mundial'.
 
Nesta lista de 100, há portugueses.
Destaque para Pete Tha Zouk que alcançou o lugar número 81 e o DJ Vibe corresponde mesmo ao número 100 - Parabéns a ambos.
 
Confere a lista completa com as respectivas posições.
 
 
1 Armin van Buuren (manteve posição)

2 David Guetta (subiu 1)

3 Tiesto (desceu 1)

4 Deadmau5 (subiu 2)

5 Above & Beyond (desceu 1)

6 Paul van Dyk (desceu 1)

7 Gareth Emery (up 2)

8 Markus Schulz (manteve posição)

9 Ferry Corsten (desceu 2)

10 Axwell (subiu 4)

11 ATB (manteve posição)

12 Sander van Doorn (desceu 2)

13 Infected Mushroom (desceu 1)

14 Steve Angello (subiu 6)

15 Dash Berlin (nova entrada)

16 Sebastian Ingrosso (subiu 9)

17 Laidback Luke (subiu 10)

18 Judge Jules (subiu 26)

19 Afrojack (nova entrada)

20 Aly & Fila (subiu 2)

21 Fedde Le Grand (subiu 8)

22 Carl Cox (desceu 4)

23 Swedish House Mafia (nova entrada)

24 Cosmic Gate (desceu 5)

25 Bobina (desceu 10)

26 Benny Benassi (manteve posição)

27 Sasha (desceu 14)

28 Simon Patterson (subiu 14)

29 John Digweed (desceu 12 )

30 Eric Prydz (subiu 4)

31 Richie Hawtin (desceu 3)

32 Andy Moor (desceu 17)

33 John O’Callaghan (desceu 9)

34 Roger Shah (desceu 13)

35 Kaskade (subiu 16)

36 Headhunterz (nova entrada)

37 Chuckie (subiu 25)

38 Bob Sinclar (desceu 3)

39 Avicii (nova entrada)

40 Kyau & Albert (desceu 3)

41 Feel (desceu 11)

42 Moonbeam (subiu 34)

43 Joachim Garraud (desceu 7)

44 Daft Punk (desceu 11)

45 Lange (desceu 14)

46 Sean Tyas (desceu 1)

47 Eddie Halliwell (desceu 6)

48 Erick Morillo (subiu 5)

49 James Zabiela (desceu 11)

50 Umek (desceu 11)

51 Paul Oakenfold (desceu 28)

52 Matt Darey (subiu 2)

53 Mark Knight (subiu 8)

54 Richard Durand (desceu 5)

55 Martin Solveig (desceu 8)

56 tyDi (desceu 4)

57 Hernan Cattaneo (desceu 25)

58 Sven Väth (desceu 10)

59 Astrix (desceu 4)

60 Super8 & Tab (subiu 22)

61 Andy C (subiu 39)

62 Myon & Shane 54 (subiu 29)

63 Marcel Woods (subiu 11)

64 Roger Sanchez (desceu 4)

65 Wally Lopez (desceu 3)

66 Mat Zo (nova entrada)

67 Marco V (desceu 17)

68 Leon Boiler (desceu 5)

69 Ronski Speed (manteve posição)

70 Wolfgang Gartner (nova entrada)

71 W&W (nova entrada)

72 Boys Noize (desceu 4)

73 D-Block & S-TE-FAN (nova entrada)

74 Dubfire (desceu 28)

75 Dirty South (desceu 16)

76 John B (subiu 16)

77 Daniel Kandi (subiu 10)

78 Arty (nova entrada)

79 BT (nova entrada)

80 Boy George (nova entrada)

81 Pete Tha Zouk (nova entrada)

82 Fatboy Slim (subiu 12)

83 Skazi (desceu 2)

84 Paul Kalkbrenner (nova entrada)

85 Pete Tong (desceu 2)

86 Bloody Beetroots (nova entrada)

87 Arnej (nova entrada)

88 Joris Voorn (nova entrada)

89 Dada Life (nova entrada)

90 Noisecontrollers (nova entrada)

91 Showtek (nova entrada)

92 Laurent Wolf (desceu 26)

93 Claudia Cazacu (nova entrada)

94 Calvin Harris (nova entrada)

95 Luciano (desceu 6)

96 Marcus Schossow (desceu 17)

97 Sied Van Riel (desceu 12)

98 The Thrillseekers (desceu 41)

99 Justice (desceu 34)

100 DJ Vibe (nova entrada)
Publicado em Mix
Após a divulgação dos resultados do Top 100 DJs deste ano, que deu a vitória à dupla Dimitri Vegas & Like Mike, a revista DJ Mag divulgou hoje as posições entre os números 101 e 150, sem portugueses na lista.
 
Alguns artistas cuja falta foi notória no Top 100 estão presentes nestas novas posições, como é o caso de Fatboy Slim, Jay Hardway, FTampa, Jamie Jones e Paul Kalkbrenner.
 
No entanto, há DJs e produtores como Martin Solveig, Erick Morillo ou Bob Sinclar que continuam de fora da tabela mais conhecida e polémica do mundo da música eletrónica.
 
Confere abaixo a lista entre as posições 101 e 150:
 
  • 101 – Twoloud
  • 102 – 3 Are Legend
  • 103 – DJ Feel
  • 104 – Bobina
  • 105 – Ran D
  • 106 – Zomboy
  • 107 – Noisecontrollers
  • 108 – Kryder
  • 109 – Carl Nunes
  • 110 – Adaro
  • 111 – DJs From Mars
  • 112 – Infected Mushroom
  • 113 – Atmozfears
  • 114 – Flume
  • 115 – Merk & Kremont
  • 116 – Ftampa
  • 117 – MOTi
  • 118 – Vintage Cultura
  • 119 – Tony Junior
  • 120 – Alvaro
  • 121 – The Chainsmokers
  • 122 – Jamie Jones
  • 123 – Maceo Plex
  • 124 – Felguk
  • 125 – Wasted Penguinz
  • 126 – 3LAU
  • 127 – TJR
  • 128 – Omnia
  • 129 – Dubvision
  • 130 – Julian Jordan
  • 131 – Orjan Nilsen
  • 132 – E-Force
  • 133 – Heatbeat
  • 134 – Angger Dimas
  • 135 – Arty
  • 136 – Jay Hardway
  • 137 – Marco Carola
  • 138 – Dzeko & Torres
  • 139 – Dada Life
  • 140 – Psyko Punkz
  • 141 – Sasha
  • 142 – Paul Kalkbrenner
  • 143 – Bobby Puma
  • 144 – Fatboy Slim
  • 145 – Gunz 4 Hire
  • 146 – Loco Dice
  • 147 – Korsakoff
  • 148 – Seth Troxler
  • 149 – Joey Dale
  • 150 - Flosstradamus
 
{youtube}Dp4_-GwZNW0{/youtube}
Publicado em Mix
Os rumores já circulam a bom ritmo, mas apenas será a 18 de outubro que será desvendado o DJ número 1 - segundo a Revista DJ Mag. O tão disputado pódio, foi em 2013 ocupado pelo holandês Hardwell que assumiu o lugar do colega Armin van Buuren. Este ano, os murmúrios apontam que Martin Garrix terá grande oportunidade de se tornar o novo número 1 do Top 100. Em entrevista à revista digital Inthemix, Laidback Luke confessou que a sua preferência está "inclinada" para Martin Garrix. Se isso se vier a confirmar, o topo deste ranking de DJs será ocupado pelo mais jovem artista de sempre, atualmente com 18 anos.
 
"Todo o mundo está convicto que este será o ano de Martin Garrix", disse Luke. "Eu gosto realmente do Martin, ele é um rapaz com os pés bem assentes no chão que apenas está afim de fazer música e de viajar pelo mundo." O DJ, produtor e campeão de Kung Fu considera que o mundo da música de dança precisa de mais estrelas como Garrix. "Ele teve um ano exaustivo e continua a manter-se. Eu sei que é difícil passar de um conjunto de atuações locais para o circuito mundial” referiu.
 
Recorde-se que neste momento Garrix tem mais de 8 milhões de seguidores no Facebook, ultrapassando o atual número 1 da DJ Mag, Hardwell, que detém mais 6 mil e 900 milhões de seguidores.
 
Martin Garrix é o cabeça-de-cartaz da edição deste ano do Mega Hits Kings Fest, que vai decorrer a 22 de novembro do Meo Arena (Pavilhão Atlântico). Nesta festa exclusiva de música de dança, vai partilhar a cabine com Dvbbs, Blasterjaxx, Jay Hardway e o português Kura. Os ingressos já se encontram disponíveis na Blueticket e nos postos de venda habituais com preços que variam entre os 65 euros (Bilhete VIP), 59 euros (Plateia Golden Circle), 41 euros (Balcão 1) e os 45 euros (Bilhete regular).
 
Laidback Luke tem presença marcada em Portugal, na noite em que será anunciado o Top 100, em Coimbra na Festa das Latas e Imposição de Insígnias.
 
Publicado em Artistas
Pág. 1 de 6
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.