21-03-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

 

Em comemoração dos 10 anos do Youtube, a empresa revelou ao público os 10 vídeos mais vistos pelos portugueses e também as músicas mais ouvidas. Nenhuma das faixas do Top 10 é de música eletrónica.
 
Uma das curiosidades acerca dos 10 vídeos mais vistos pelos lusitanos é a presença do aftermovie do festival Tomorrowland de 2012, em oitavo lugar.
 
Confere abaixo a lista divulgada:
 
  • 1 – Pintinho Amarelinho – DVD Galinha Pintadinha
  • 2 – Ruca e os Amigos
  • 3 – O Sapo não lava o pé – DVD Galinha Pintadinha
  • 4 – Charlie bit my finger – again!
  • 5 – James Arthur sings Shontelle’s impossible – The Final – The X Factor UK 2012
  • 6 – Bo tem mel by Diogo Morgado e Rui Unas
  • 7 – OLX – Como Inserir um Anúncio
  • 8 – Tomorrowland 2012 | official aftermovie
  • 9 – Nike Football: Winner Stays ft. Ronaldo, Neymar Jr., Rooney, Ibrahimovic, Iniesta & more
  • 10 – VOU TE ENCOXAR | Parodia PSY – GANGNAM STYLE
 
 
Publicado em Tomorrowland
A edição de 2015 do festival belga Tomorrowland já começa a ser preparada e a organização do evento revelou através das redes sociais os primeiros artistas que fazem parte do line up.
 
Avicii, Armin van Buuren, Hardwell, Sven Vath, Solomun, Alesso e a Orquestra Nacional da Bélgica irão pisar os palcos de um dos maiores festivais de música eletrónica a nível mundial, que se realizará entre os dias 24 e 26 de julho.
 
Este ano, uma das novidades é um novo palco exclusivo para atuações com vinil, apresentado pela Cocoon Recordings e comandado por Sven Vath.
 
Confere abaixo o dia das atuações de cada artista:
 
  • 24 de julho – Avicii, Solomun, Alesso, Carl Cox, David Guetta, The Bloody Beetroots (SBCR DJ set), Dubfire
  • 25 de julho – Armin van Buuren, Axwell /\ Ingrosso, Martin Garrix, Sven Vath, Yves V, Dimitri Vegas & Like Mike
  • 26 de julho - Hardwell, Robin Schulz, Tiesto, Dave Clarke
 
Publicado em Tomorrowland
A primeira edição do Tomorrowland Brasil decorreu durante o passado fim de semana, com grandes nomes como NERVO, Hardwell, Armin van Buuren e Laidback Luke a atuarem para milhares de pessoas.
 
Com sucesso absoluto, a organização do festival de música eletrónica confirmou a presença do evento no Brasil por mais 5 anos, até 2020. No próximo ano, o Tomorrowland Brasil decorre entre os dias 21 e 23 de abril.
 
Esta primeira edição, completamente esgotada, teve os seus momentos de euforia mas sofreu alguns problemas que foram divulgados pela imprensa brasileira.
 
Segundo a Folha de São Paulo, foi encontrado um corpo de um homem sem vida, com a pulseira do festival, num caixote do lixo. A vítima era um funcionário que prestava o serviço de montagem do Tomorrowland, apresentava ferimentos e foi transferido para o Instituto Médico Legal de Sorocaba, para ser feita a autópsia e descobrir as causas da morte.
 
O mesmo meio de comunicação social escreveu que foram atendidas no centro médico pelo menos 500 pessoas por dia, com sintomas de uso de drogas, desidratação e ferimentos derivados de quedas.
 
O site UOL destacou a forte presença policial no recinto do Tomorrowland Brasil, que até usou cães para procurar drogas entre os visitantes. No primeiro dia do evento, foram registadas 335 ocorrências junto das autoridades devido a brigas e furtos. Duas das pessoas detidas por possuírem pequenas quantidades de estupefacientes pertenciam à organização, que acabou por demiti-las de imediato.
 
Apesar das críticas em relação ao preço dos alimentos e das bebidas, chegou a esgotar vodka em alguns bares do Tomorrowland. O protetor solar foi outro produto que esgotou no evento. 
 
Publicado em Tomorrowland
De entre vários motivos e razões, o Festival Tomorrowland destaca-se de todos os outros festivais eletrónicos realizados na Europa.
Este Festival que ocorre na cidade de Boom começou a anunciar os primeiros artistas logo no primeiro dia do ano 2012.

O Line-Up desta 8ª edição está fechado e acolhe dezenas de talentos de todos os géneros musicais espalhados por cerca de 16 palcos, todos eles diferentes.
 
No website do evento, já se encontra disponível o horário das atuações de todos os palcos e artistas. Recorde-se que o fuso horário da Bélgica é +1 hora.
 
Numa aplicação que existe no website, é possível criar o seu próprio line-up com os artistas que se pretende assistir ao vivo para que os festivaleiros não percam nenhuma atuação.

O Line-up do primeiro dia, sexta-feira, foi ligeiramente alterado porque Calvin Harris teve de cancelar alguns shows, incluíndo este no Tomorrowland por outros compromissos promocionais que não podem ser evitados ou reprogramados.
Publicado em Tomorrowland

 

A One World Bridge, conhecida ponte presente no recinto do festival belga Tomorrowland, recebeu recentemente uma nova mensagem da Organização das Nações Unidas (ONU) para o “People of Tomorrow”.
 
Numa parceria entre o Tomorrowland e a ONU, este novo painel pretende passar uma mensagem positiva aos festivaleiros, para partilharem valores como a amizade, dignidade, respeito, diversidade e solidariedade. Além de uma imagem de uma rosa dos ventos e várias nuvens, pode-se ler a frase “Vamos trabalhar todos juntos para proporcionar dignidade a todos”.
 
A ponte de mandeira 600 metros contém 210 mil mensagens de pessoas de todo o mundo e é um símbolo de união. Foi construída no ano passado, para comemorar os 10 anos do Tomorrowland, em colaboração com a região de Antuérpia e do artista Arne Quinze.
 
O festival Tomorrowland decorre entre os próximos dias 24 e 26 de julho em Boom, na Bélgica. Os bilhetes para a edição deste ano já se encontram esgotados.
 
 
Publicado em Tomorrowland
Apesar de ainda faltarem alguns meses para a edição deste ano do Tomorrowland, que vai decorrer nos fins-de-semana de 20 a 22 e 27 a 29 de julho, na Bélgica, a organização anunciou hoje a primeira fase de artistas confirmados.
 
Axwell /\ Ingrosso, Charlotte de Witte, Hardwell, Netsky, REZZ, Bem Klock, Da Tweekaz, Axwell, Solomun, Sven Vath, Claptone, Camelphat, Kolsch, Marcel Dettmann, Armin van Buuren, &me vs Rampa, Patrice Baumel, Partyraiser, RL Grime e Stephan Bodzin são os primeiros DJs e produtores a fazer parte do cartaz deste ano.
 
Uma das grandes novidades da edição de 2018 do Tomorrowland é o regresso de Hardwell ao festival belga. O artista holandês não constava no line-up do evento desde 2015.
 
Publicado em Tomorrowland
Tudo vai mudar na estrutura de controlo do Rock in Rio, o maior festival de música do mundo, numa mudança que poderá abrir as portas a outros países. O empresário Eike Batista vai vender a sua parte do festival à norte-americana SFX, ficando apenas com uma pequena posição não quantificada. 
 
O processo é o seguinte: a empresa brasileira que até aqui detinha o Rock in Rio (em que 50% eram de Eike Batista e os outros 50% do fundador Roberto Medina) será comprada por uma holding (Sociedade Gestora de Participações Sociais), criada para o efeito. Esta holding será controlada em partes iguais pela SFX Entertainment e por Roberto Medina. A IMX de Eike Batista fica com uma pequena posição minoritária, mas apenas da empresa brasileira e não na nova holding.
 
A SFX, cotada no Nasdaq, "é a maior produtora de entretenimento ao vivo do mundo, com foco principal em eventos culturais e de música eletrónica", diz a organização do Rock in Rio. O festival já tem a ambição de se expandir há algum tempo e chegará aos Estados Unidos pela primeira vez em 2015.
 
"Embora seja uma grande oportunidade para ajudar a fazer crescer a marca Rock in Rio, utilizando a nossa rede internacional, é também uma oportunidade de aprender com a experiência operacional e comercial do Roberto Medina e do Rock in Rio, que são fenómenos globais", afirma Robert FX Sillerman, CEO da SFX Entertainment. "A música eletrónica tem-se estabelecido entre os festivais de música moderna e esperamos que esta tendência cresça para divulgarmos ainda mais os DJs e produtores na nossa rede".
 
Roberto Medina, presidente do Rock in Rio, comentou que esta parceria irá permitir "acelerar o crescimento" da marca em novos territórios. Além disso, permitirá "uma mudança de foco" na era digital. "Com a SFX, firmamos o compromisso no desenvolvimento de uma plataforma integrada de soluções de última geração, e acreditamos que a nossa velocidade de crescimento será expressiva. Os nossos patrocinadores terão uma plataforma ainda melhor para a exibição das suas marcas nos Estados Unidos, assim como já acontece nos países onde o Rock in Rio é realizado, onde o festival é a principal ferramenta de comunicação das marcas parceiras."
 
A SFX produz e promove um crescente portfolio de eventos ao vivo, incluindo marcas líderes como Tomorrowland, TomorrowWorld, Mysteryland, Sensation, QDance, Stereosonic, Eletric Zoo, entre outros. A empresa norte-americana também detém o Beatport, a maior plataforma online de venda de música.
Publicado em Tomorrowland
Uma das épocas mais esperadas do ano chegou. O festival Tomorrowland, que acontece nos dois próximos fins-de-semana, está de volta a Boom, na Bélgica, com um cartaz de luxo direcionado para os amantes da música eletrónica em todas as suas vertentes. Como já é habitual, são vários os festivaleiros portugueses que partem em direção ao evento, com o objetivo de viver os melhores dias das suas vidas repletos de música, amor e união. O Portal 100% DJ falou mais uma vez em exclusivo com três portugueses que neste momento já estão no Tomorrowland. 
 
“O Tomorrowland é um lugar mágico”
 
Dylan Silva, de 23 anos, parte de Paris em direção ao festival belga pela terceira vez. “O Tomorrowland é um lugar mágico. A primeira vez que lá vamos é o realizar de um sonho e nas vezes seguintes torna-se na nossa casa”, referiu o português em exclusivo ao Portal 100% DJ.
 
Coone, Alesso, Martin Garrix e Armin van Buuren são os artistas que não quer perder no festival. Em relação à segurança do evento, considera que “não devemos pensar nisso e sim aproveitar ao máximo esses dias”, uma vez que já conhece o Tomorrowland e o seu ambiente.
 
Quando questionado se Portugal merecia um festival como o Tomorrowland, a resposta de Dylan foi afirmativa, apesar de ser “impossível” e do nosso país não ter “organização para tanto”.
 
“Mística e envolvência do festival” 
 
Pela primeira vez no Tomorrowland, Daniel Dias foi atraído pela “mística e envolvência do festival em conjunto com os artistas que irão atuar”, afirmou o português de 24 anos, residente em São João da Talha.
 
Durante o evento promete não perder um segundo dos sets de Carl Cox, Solomun e Dimitri Vegas & Like Mike e refere ainda que não se irá sentir inseguro num dos maiores festivais de música eletrónica a nível mundial, apesar dos alertas de terrorismo.
 
Se o Tomorrowland viesse para Portugal, Daniel considera ainda que “não seria a mesma coisa” e que “não faz falta um evento destes” no nosso país.
 
“Sempre foi um sonho a concretizar”
 
Joana Lima, de Lisboa e com 26 anos, vai pela primeira vez ao festival de Boom. “O Tomorrowland sempre foi um sonho a concretizar. Sou fã de música eletrónica e todo o ambiente e pormenores do festival sempre me fascinaram”, referiu a festivaleira.
 
Armin van Buuren, KSHMR, Martin Garrix e Dimitri Vegas & Like Mike são os seus artistas de eleição, considerando-se fã e que não irá perder durante o evento. Quando questionada sobre a falta de um festival do mesmo género em Portugal, Joana considera que seria “incrível”, apesar de já existirem eventos do mesmo género “mas nenhum que se aproxime da qualidade do Tomorrowland”.
 
Em relação às ameaças terroristas que o mundo tem vindo a sofrer, Joana afirma que “é impossível não sentir alguma insegurança, mas a verdade é que o risco está em todo o lado. Prefiro não pensar nisso e simplesmente disfrutar daquele que será, provavelmente, uma das melhores experiências que irei ter na vida, num festival que apela ao amor e à união: ‘Live today, love tomorrow, unite forever”, concluiu.
 
Publicado em Tomorrowland
quinta, 26 julho 2012 23:03

Mas afinal o que é o Tomorrowland?!

Nas últimas semanas, ou até meses, acreditamos que porventura tenha existido muitos leigos no assunto que se questionam com a pergunta que faz título a este artigo. Assumimos que é de facto uma boa pergunta. Não é tarefa fácil, explicar. Mas vamos tentar.
Não, nao é uma receita de waffles com caramelo e natas, nem uma marca de pizza de uma cadeia empresarial de comida italiana. Nada disso. Aliás... é melhor que isso!

Numa pequena nota: É um festival de música de dança que começa hoje, dia 27 de julho e termina no domingo. É por ter um tamanho considerável que é denominado de 'Festival'.
Sejamos práticos e diretos ao assunto: é uma discoteca em «ponto grande» com vários palcos, instalada num gigantesco jardim botânico da cidade de Boom chamado De Schorre. Boom situa-se a 26 quilómetros de Bruxelas.
 
Por ser relativamente perto, significa que até podes dar um saltinho à sede do Parlamento Europeu em Bruxelas, e cumprimentar sua excelência, o Drº Durão Barroso ou até mesmo a Drª Angela Merkel (porque não?!).
 
Ok. Política à parte - não vamos por aí.
 
O Tomorrowland é classificado por qualquer amante de música de dança, como o melhor festival da europa.
É idealizado e produzido por uma filial da ID&T na Bélgica. Uma das melhores e mais criativas produtoras de eventos quer a nível Europeu quer a nível Mundial. Sensation White, Sensation Black, Mysterland e Dirtdutch são apenas algumas das estrondosas produções desta produtora com sede na Holanda. O empresário Duncan Stutterheim é o seu cérebro e fundador. Duncan conhece bem Portugal. País onde esteve presente nas duas edições de Sensation White em 2009 e 2010 respetivamente.
"Os portugueses são muito conhecidos pelo seu espírito de festa que foi bem demonstrado na 1ª edição Portuguesa que se estreou em Portugal em Maio de 2009" disse Ducan à imprensa .
De salientar que no Brasil também já existe uma filial da ID&T desde o ínicio deste ano.

Voltando ao Tomorrowland... 2012 é o ano da 8ª edição. É um festival para todos os gostos musicais. Será possivelmente essa grande variedade musical que faz com que seja um evento tão procurado. Só em 2011, este festival registou mais de 100 mil participantes de todo o mundo. Apenas maiores de 18 anos, aqui podem entrar.

Espalhados pelo Jardim De Schorre, existem ao todo cerca de 16 palcos que são animados pelos melhores deejays e produtores de música do Mundo. São também palcos decorados com o tema específico de cada ano - um "conto de fadas misterioso" é tema de 2012. O palco MainStage é sempre o mais apetecível.
Há música para todos os gostos musicais - desde o mais comercial ao mais underground, recordando também a década de 90.
 
Não nos podemos esquecer da DreamVille - um gigantesco espaço equipado para campismo durante os dias do evento, dividido por três áreas distintas: 'Easy', 'Relax Room' e 'Mansion'. É separado do recinto do festival numa distância com cerca de 800 metros.

Agora a parte que também interessa: Preços e valores.
Em abril foi num abrir e fechar de olhos a corrida aos ingressos. Garantir lugar na melhor e maior edição de sempre, foi o objetivo primordial dos festivaleiros sortudos. Foi a loucura. Os bilhetes esgotaram em menos de 24 horas.
 
Ok, e os preços? 172,50€ um passe para os 3 dias de evento, e o passe regular diário 72,50€. Se se pretender estadia na DreamVille, a estes valores soma-se a estadia que varia entre 34,50€ (5 dias) e os 9.600€ para um máximo de 12 pessoas (5 dias).
É certo que não é um festival para todos os bolsos. No entanto, 'Crise' não é palavra que aqui entre.
 
Contudo, já levantámos um pouco a 'ponta do véu'. Mas o resto deixamos para o nosso repórter Nuno Dourado que está no festival e vai-nos dar a conhecer tudo sobre o Tomorrowland e os três melhores dias da sua vida.
 
Agora já percebeste o porquê do Tomorrowland ser melhor que um delicioso waffle encharcado de caramelo e natas?
 
 
Publicado em Tomorrowland
O festival Tomorrowland está de regresso a Boom, na Bélgica, para mais uma edição que promete ficar para a história, nos dias 20, 21, 22, 27, 28 e 29 de julho. Com o tema “The Story Of Planaxis”, o evento vai contar com o habitual livestream.
 
A transmissão ao vivo vai estar disponível no site oficial do Tomorrowland durante os dias do festival, para todos aqueles que não conseguiram os tão desejados bilhetes. Até ao momento ainda não foram confirmados os artistas e palcos que serão transmitidos, mas a organização revelará novas informações em breve.
 
A edição deste ano do Tomorrowland conta com a atuação de grandes nomes como Armin van Buuren, Dimitri Vegas & Like Mike, Afrojack, os portugueses Diego Miranda e Kura, entre muitos outros. No dia 27 de julho, os festivaleiros vão ainda ter a oportunidade de assistir a um grande fenómeno natural: um eclipe lunar chamado de “Lua de Sangue”, que vai acontecer durante a atuação de Tiesto.
 
Publicado em Tomorrowland
Pág. 1 de 9
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.