18-11-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 106

Os Depeche Mode anunciaram uma digressão mundial que passa, dia 13 de Julho, pelo Optimus Alive'13, para um concerto único no Palco Optimus. A digressão começa dia 7 de Maio na Europa.
A banda que redefiniu a música, lança no velho continente uma digressão majestosa e inovadora, que será sem dúvida o grande destaque musical de 2013.
 
Dave Gahan, Martin Gore e Andy Fletcher vão dar 34 concertos em 25 países europeus, para mais de 1,5 milhões de fãs, antes de seguirem para os Estados Unidos. A digressão arranca com um concerto de estádio, no Hayarkon Park em Tel-Aviv. A digressão passa ainda pelo Estádio Olímpico de Munique, o Stade de France em Paris, o Locomotiv Stadium em Moscovo e pelo Estádio Olímpico de Roma, antes de terminar dia 29 de Julho na Arena de Minsk.
 
A digressão agora anunciada marca os primeiros concertos dos Depeche Mode desde a  bem sucedida Tour of the Universe, em 2009 e 2010, durante a qual deram 142 concertos, batendo recordes de vendas, com mais de 2.5 milhões de bilhetes vendidos.
 
A celebrar mais de três décadas no topo da indústria musical, com mais de 100 milhões de discos vendidos, os Depeche Mode passaram grande parte do ano a trabalhar no muito aguardado 13º longa-duração, a editar na primavera do próximo ano, que sucede ao hipnótico "Sounds of The Universe".
"I’m thrilled about the new album", diz Dave Gahan, "and I’m very excited to get back on tour".
 
 
Publicado em Festivais
Como tem acontecido desde a primeira edição, o Optimus Alive'11 faz-se de muita e boa música, mas não só. Também a arte é parte integrante deste grande evento. Na edição deste ano, o Optimus Alive vai contar, pela primeira vez, com várias instalações e esculturas de artistas portugueses.

Ana Almeida, Andreia Pinelas e Raquel Rita, todas estudantes de belas artes, juntaram-se para fazer um projecto que promete chamar a atenção; Artur Nogueira, que conta já com uma longa carreira vai apresentar a obra "Sedição"; Aureliano de Aguiar, artista premiado e com obras no estrangeiro, contribui com uma original "Oliveira"; David Augusto Leal é um jovem talento nacional que apresentará a peça "Miracle (I&II)"; Margarida Alves mostra o desconcertante "Dimensão Instável"; e Rui Miragaia vai surpreender com a escultura em ferro "Surf's Up Dude!".

Um conjunto impressionante de obras, que vai acrescentar uma nova dimensão ao Passeio Marítimo de Algés, durante os 4 dias do Maior Evento de Música e Arte. A começar já na quarta-feira.
Publicado em Festivais
Faltam 51 dias para o Optimus Alive'12 e nesta altura já só restam 1500 Passes de 3 Dias e 1620 Bilhetes Diários para dia 15 de Julho. A elevada procura faz antever mais uma edição histórica do Maior Evento de Música e Arte. As vendas no estrangeiro também continuam a um ritmo impressionante e está já garantida a presença de 11.400 estrangeiros.

Em 2010, o Optimus Alive tornou-se o primeiro grande festival português a esgotar os Passes e os Bilhetes Diários, para um dos dias, mais de 15 dias antes do começo do evento, feito que repetiu no ano passado, quando ainda faltavam 40 dias para o primeiro dia.

Nesta altura, a venda de bilhete no estrangeiro já superou o máximo histórico de 7 mil estrangeiros em 2011, estando confirmada a presença de 11.400 estrangeiros, de 41 nacionalidades. Cerca de 10 mil estrangeiros vão marcar presença durante os 3 dias do Optimus Alive'12.
O maior número de estrangeiros é oriundo do Reino Unido (6000) e de Espanha (3900), mas na edição deste ano vão estar presentes festivaleiros de pontos tão distintos do globo como África do Sul, Chile, Egipto, Eslováquia, Filipinas, México, Turquia ou Ucrânia, entre muitos outros.
Publicado em Festivais
segunda, 16 julho 2012 19:10

Optimus Alive: review 14-07-2012

Naquele que foi o segundo dia da edição de 2012 do Optimus Alive, muitos foram os que não quiseram perder a atuação de um dos projetos portugueses que mais seguidores têm conquistado.
Estamos claro a falar de We Trust que, com ajuda de muitos músicos com provas dadas em projetos anteriores, abriram da melhor maneira o palco Optimus.

Ao mesmo tempo, o palco clubbing estava entregue a Shonky e Dan Ghenacia (e que se diga, bem entregue) e pouco depois foi a vez de Guy Gerber demonstrar o porquê de ser um dos nomes mais importantes da cena eletrónica mundial.
Pelas 20h20, era a vez da editora Visionquest, pela mão de Shaun Reeves, Bill Patrick e Ryan Crosson, assumir a cabine do palco clubbing.

No palco Heineken, os The Antlers caminhavam para uma intensa atuação antes dos americanos Awolnation levarem muitos ao palco Heineken, talvez pela simples curiosidade devido ao tema "Sail" mas o que é certo, é que além deste tema há muito a descobrir sobre esta formação liderada por Aaron Bruno.

Voltando ao palco principal, os tão esperados Mumford & Sons, proporcionavam aquele que foi para muitos um dos concertos do dia, pouco depois dos seus compatriotas, Noah & The Whale, terem uma estreia muito feliz por terras lusas.
Começando da melhor maneira, os ingleses Mumford & Sons foram muito bem recebidos e com muitos saltos e sorrisos à mistura o público cantava e mostrava que estava bem informado de quem estava no palco principal do Optimus Alive.

Terminada a primeira metade de concertos do palco principal, o clubbing recebia agora uma das duplas mais carismáticas da atualidade - Art Department.
Não era a primeira vez que marcavam presença em Portugal mas decerto que, mais uma vez, deixaram muitos com vontade de voltarem e depressa.
Após uma paragem de cerca de 2 horas, o palco clubbing recomeçava ás 2h00 numa "special disco version" pela mão de James Murphy (o tal dos LCD Soundsystem) e Pat Mahoney com temas centrados no disco/funky bem "quentes". Casa cheia até ao final de mais um dia pelo palco mais eletronico do Optimus Alive.

Morcheeba tinham a injusta tarefa de compensar todos os fãs de Florence & The Machine, ou apenas alguns pois de certeza que existe fãs de Florence Welch que também os admiram. Os próprios estavam cientes disso e em modo de homenagem até cantaram "You Got The Love" de Florence.

Pouco depois das 00h já se ouvia "Plainsong", marcando assim o início de um dos concertos que mais despertavam o interesse neste cartaz de 2012.
Ao todo, foram cerca de 36 os temas que fizeram parte do vasto alinhamento que os The Cure traziam para a noite de 14 de Julho.
Robert Smith, de 53 anos, líder e único elemento que ainda se mantém desde a formação original levou todos os presentes a um concerto único e que possivelmente pode ser o ultimo por terras portuguesas.

Apesar de o palco clubbing só recomeçar por volta das 2h, o palco Heineken seguia com mais concertos e não menos importantes.
De salientar a actuação de Tricky que era assim o cabeça de cartaz neste segundo dia para o palco Heineken.
Depois da presença de Katy B, foi a vez do francês SebastiAn em modo live, incendiar o palco Heineken numa excelente apresentação de som, luz e vídeo com uma mensagem de critica bastante explicita no que toca a guerra, política, corrupção, etc.
Além do excelente trabalho de som, vídeo e luz e para realçar essa mesma mensagem critica que faz questão em transmitir, SebastiAn, apareceu em cima de um pequeno palco (semelhante a um discurso de um político) e onde as palavras "Votez pour Sebastian" surgiam por diversas vezes.

A noite terminou com a atuação dos portugueses Blasted Mechanism que apresentaram o seu novo visual e também o seu novo álbum "Blasted Generation".
 
Vítor Lopes
100% DEEJAY Portal
Publicado em Reportagens
sábado, 14 julho 2012 18:03

Optimus Alive: Review 13-07-2012

Aeroplane, com o seu estilo bem característico começou desde cedo a animar o palco clubbing onde se destacou o espírito de festa dos cerca de 15 mil estrangeiros que marcaram presença nesta sexta edição do Optimus Alive.
Um pouco ao lado, era a vez das Dum Dum Girls mostrarem o porquê de serem uma das "girls band" que mais cresceu nos últimos anos. Logo a seguir o projecto português Miúda enquanto que no palco clubbing estava prestes a terminar o primeiro live desta edição de 2012 pelas mãos da dupla Logo.

Pelo palco principal, e como seria de esperar, os ritmos foram mais calmos mas não menos inesquecíveis. Snow Patrol, após dois anos de ausência, voltaram a Portugal e a conquistar os presentes, onde se destaca a simpatia de Gary Lightbody (vocalista) e o tratamento das imagens transmitidas pelos ecrãs.

Oscilando entre os altos e baixos bpm's, Gesaffelsetein antecedeu a Busy P que, como poucos conseguem, terminou o set com temas bem diferentes como é o caso de 'Limit To Your Love' de James Blake deixando o público do palco clubbing rendido à sua presença.

Pelo palco Heineken e depois da tão esperada actuação dos LMFAO, era a vez dos portugueses Buraka Som Sistema protagonizarem um dos momentos altos deste dia 13 onde era impossível entrar no recinto do palco Heineken.

Com a tarefa de fechar o palco principal do Optimus Alive, os Justice não ficaram atrás das expectativas e mostraram o porquê de levarem tanta gente ao palco principal num espectáculo de som, luz e vídeo muito bem sincronizado, sem esquecer a cruz e o restante setup que caracteriza esta dupla francesa.

Terminados os concertos deste primeiro dia pelo palco principal a festa continuou pelos palcos Heineken e clubbing com as sonoridades de Brondiski e Death In Vegas respectivamente.

Em género de resumo deste primeiro dia de Optimus Alive, destaca-se a presença de muitos estrangeiros e de muitas crianças, muito provavelmente devido ao facto dos LMFAO marcaram presença neste dia.
 
Vítor Lopes
100% DEEJAY Portal
Publicado em Reportagens
O Palco Optimus Clubbing, do Maior Evento de Música e Arte, vai receber, dia 14 de Julho, alguns dos nomes mais importantes da eletrónica atual, com James Murphy e Pat Mahoney à cabeça.
 
Além dos dois ex-LCD Soundsystem com a Special Disco Version, sobem também ao palco os Art Departure, dupla canadiana de house e techno, Guy Gerber, DJ e produtor israelita que se apresenta em formato Live, Visionquest, colectivo de DJ's de Detroit, e Shonky & Dan Ghenacia, dupla francesa de House clássico.
 
Falar destes nomes é falar daqueles que têm feito a música de dança avançar. São eles que, disco após disco, têm sido capazes de desbravar caminhos antigos e criar outros novos para a música electrónica. No Optimus Alive, que está sempre com ouvidos no futuro, só eles fazem sentido.
 
Bilhetes à venda nos locais habituais.
 
 
Publicado em Festivais
quarta, 23 fevereiro 2011 14:26

A-trak no Optimus Alive 2011

Na década após ter ganho o DMC World DJ Championship, em 1997, com uns prodigiosos 15 anos de idade, A-Trak levou à arte de misturar música para o seu formato original, uma enorme festa rock." in Pitchfork. O DJ canadiano vem ao Optimus Alive'11, dia 9 de Julho, transformar o Palco Super Bock numa ecléctica pista de dança.
 
Visto como um fenómeno das mesas de mistura, A-Trak é muito mais do que um DJ. Conhecido e reconhecido pelas suas remisturas para nomes como 'Yeah Yeah Yeahs' ou 'Boys Noize', foi escolhido por Kanye West para seu DJ de palco durante uma digressão.
 
Em 2009 juntou-se a outro grande nome da música de dança, Armand Van Helden, para criar aquele que se viria a tornar um dos maiores fenómenos de 2010, os Duck Sauce e o seu contagiante êxito Barbra Streisand.
Com mais de 10 milhões de visualizações no Youtube, valeu a dupla de DJ's discos de platina por todo o mundo. Uma música que certamente fará parte do alinhamento que A-Trak trará a Portugal para fazer dançar o Maior Evento de Música e Arte.
 
O Optimus Alive 2011 decorre entre os dias 6 e 9 de Julho no Passeio Maritimo de Algés e já conta com vários artistas confirmados: Blondie, Coldplay, Foo Fighters, Grinderman, Iggy and The Stooges, Kaiser Chiefs, Mona, Primal Scream Present Screamadelica Live, The Chemical Brothers, Thievery Corporation, Thirty Seconds to Mars, TV On The Radio, White Lies e Xutos e Pontapés.
Publicado em Festivais
A Red Bull Music Academy está presente em vários dos melhores festivais do mundo, estendendo o espírito desafiante da sua prática musical à curadoria de programações de alguns dos palcos mais inconformistas de que há memória.
 
Pela primeira vez, anuncia uma parceria com o Festival Optimus Alive'13, através do programa de rádio Ginga Beat da Red Bull Music Academy Radio, que se traduzirá na programação do Coreto, ponto obrigatório de passagem no evento que tomará conta do passeio marítimo de Algés nos próximos dias 12, 13 e 14 de julho.
 
A seleção artística procura sublinhar o caráter avançado e a diversidade de muita da melhor música portuguesa contemporânea, levando até ao palco do Coreto música que está neste momento a ser produzida em Portugal e a conseguir nalguns casos forte impacto fora de portas.
 
Com hosting do rapper Tekilla ao longo dos três dias e a Intervenção artística "Cyborg Bandstand" de João Pedro Vale e Nuno A. Ferreira, o Coreto com a curadoria do Ginga Beat da Red Bull Music Academy Radio receberá: 
 
Dia 12 de Julho 
Niagara 
Sarah Linhares & The Swagg Boyz 
Zacarocha 
Ivvvo 
Nigga Fox 
 
Dia 13 de Julho
Techno Widow 
Yellow 
Throes & Shine 
Vahagan & The Sky People 
Marfox + MC Osvaldo 
 
Dia 14 de Julho
Stereossauro 
Jorge Caiado 
Celeste Mariposa 
Kaspar 
Ramboiage
Publicado em Festivais
A ação de activação de marca que a Heineken vai ter no festival Optimus Alive consiste na utilização de QR Codes para transmitir mensagens aos festivaleiros. A marca da Sociedade Central de Cervejas e Bebidas (SCC), que este ano é pela primeira vez premium sponsor e cerveja oficial do Optimus Alive, vai utilizar um sistema de activação usado pela primeira vez, em 2011, na Polónia no Heineken Opener Festival.
 
Para ativarem os Heineken QR Code, os festivaleiros têm que se dirigir ao Heineken Star Lounge e escrever uma frase no LCD touchscreen, sendo que depois a frase é transformada num QR Code, imprimido em papel autocolante e que pode ser colado onde se quiser. Depois, os restantes festivaleiros que tiverem um smartphone podem descobrir a frase dessa pessoa lendo o QR Code Heineken.
Publicado em Marcas
Os Booka Shade são a nova confirmação do Optimus Alive'14. O duo berlinense irá atuar dia 10 de julho no Palco Heineken, para apresentar o novo longa duração "Eve", editado no passado dia 10 de novembro.
 
Com seis álbuns lançados e vários singles de sucesso, a dupla de produtores é reconhecida por temas como "Mandarine", "Girl" e "Body Language", que até hoje são sucesso nas pistas de música eletrônica em todo o mundo. 
 
Considerados os veteranos da cena eletrónica de Frankfurt a dupla Walter Merziger e Arno Kammermeier foi vencedora de um Beatport Music Awards, na categoria Best Tech House Artist, em 2008. Ao longo dos seus 25 anos de carreira os dois músicos participaram em remixes de artistas como Depeche Mode, Moby, Yello, Hot Chip, Kings Of Leon, Tiga e The Knife. 
 
O Optimus Alive'14 tem data marcada para 10, 11 e 12 de julho, no Passeio Marítimo de Algés.
 
Publicado em Festivais
Pág. 1 de 6
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.