18-10-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

O conceito da experiência era simples: duas noites na mesma discoteca, uma sendo a dita "noite normal" e outra com um bom DJ, e ver em qual das noites se consumia mais. Até às duas horas da manhã, as bebidas pedidas eram contabilizadas para se fazer uma comparação entre as duas noites.
 
O resultado, que pode ver no vídeo, foi que na noite em que a música era "boa", se bebeu muito menos que na noite anterior, pois as pessoas estavam "ocupadas" a dançar. "Dance mais e beba mais devagar" é precisamente a nova mensagem da Heineken, de forma a promover um consumo responsável de álcool.
 
Apesar dos bares, discotecas e festas serem um mercado estratégico para as marcas de bebidas alcoólicas, a Heineken lança agora uma campanha global, comunicada em 20 países, com o alerta de se beber de forma moderada.
 
A ação "The Experiment", que conta com criatividade da agência Publicis, tem ainda a participação do DJ holandês Armin Van Buuren, que gravou a música "Save my night", incentivando a moderação durante a noite.
 
Esta não é a primeira vez que a marca investe em ações que incentivem o consumo sem excessos, tema que aborda há vários anos. Em 2011, a campanha "Sunrise" ganhou reconhecimento com a mensagem "não existem limites quando conheces os teus limites".
 
 
 
Publicado em Marcas
O consumo médio per capita até pode ter descido, mas Portugal continua a um ser um dos países que consomem mais álcool.
 
Os novos dados foram divulgados esta segunda-feira num relatório da Organização Mundial da Saúde. Entre 2003 e 2010, o consumo do álcool em Portugal teve uma redução de 1,5 litros per capita, descendo de 14,4 no período 2003-2005 e para os 12,9 litros entre 2008-2010. Ainda assim um consumo mais elevado que a média europeia - desceu dos 11,9 litros para os 10,9. Na Europa, os homens consomem, em média, 18,7 litros per capita. Já as mulheres ficam-se pelos 7,6 litros, ou seja, menos de metade.
 
No documento, que contém uma lista com 44 países, a Bielorrússia surge como o país com consumo mais elevado - 17,5 litros de álcool per capita. É seguida de perto pela Moldávia, com 16,8 litros, e pela Lituânia, com 15,4.
 
Em território nacional, o vinho representa 55% do álcool consumido. Em segundo lugar surge a cerveja, com 31%, as bebidas espirituosas com 11% e outro tipo de bebidas com apenas 3%.
 
 
Fonte: Quero Saber.
 
Publicado em Mix
É possível beber álcool e não ficar alcoolizado. O segredo passa por... ingerir levedura de cerveja. Jim Koch, o milionário co-fundador da Boston Beer Company, que produz a popular Samuel Adams, diz que o truque é simples: basta comer um iogurte com levedura de cerveja em pó antes de ingerir grandes quantidades. Mais precisamente, uma colher de chá por cada cerveja prevista. Pelo menos, o milionário diz funcionar com ele. 
 
A levedura evita com que as pessoas fiquem alcoolizadas por conter uma enzima que quebra as moléculas do álcool e forma semelhante à que o fígado usa para o metabolizar. Ainda assim, o co-fundador da empresa alerta que a levedura apenas "mitiga" os efeitos do álcool não os eliminado por completo. 
 
Esta solução já foi, entretanto, contestada por não ser cientificamente plausível.
 
Publicado em Mix
A Super Bock celebra o Verão com o lançamento da caixa para gelo Icebocks e de uma “cerveja especial mais leve, mais refrescante e de baixo teor alcoólico”, segundo refere a marca. Duas edições limitadas que já estão à venda e disponíveis apenas durante os próximos meses.

A Icebocks é uma caixa que permite a colocação de gelo no seu interior, refrescando as 24 Super Bock minis em apenas 30 minutos, mantendo a temperatura para consumo durante 5 horas.

Apesar de ter surgido no mercado nacional em 2010, este ano regressa com nova imagem, onde sobressai o elemento principal da embalagem, a frescura.

As duas edições especiais da marca de cerveja estão disponíveis em exclusivo nos hiper e supermercados.
Publicado em Marcas
A primeira produção publicitária da Super Bock em Moçambique já está no ar e comunica a entrada da Super Bock Mini Saca Fácil no país. Desenvolvida em parceria com a Executive Moçambique, a campanha decorre até 8 de janeiro do próximo ano nas principais estações de televisão e rádio, para além de incluir materiais de ponto de venda. 
 
"O investimento gradual que a Unicer está a aplicar em Moçambique mostra a relevância do país para a empresa e a expectativa de aumentar as exportações de Super Bock para este mercado, nos próximos anos. Até ao final da década, a empresa portuguesa estima alcançar vendas na ordem dos 20 milhões de litros", refere a Unicer em comunicado.
 
Publicado em Marcas
A banda norte-americana de heavy metal originária de Los Angeles, lançou esta segunda-feira uma edição especial de cerveja Budweiser com a sua assinatura.
 
Esta edição limitada conta com 91 mil latas que foram produzidas para marcar a inauguração da Centre Vidéotron, no Canadá, uma nova casa de espetáculos onde a banda Metallica irá dar dois concertos.
 
Em comunicado, a Budweiser afirma que foi inspirada na força e vibração deste espetáculo histórico para criar uma cerveja com a "imagem do poder do rock". A marca anunciou ainda que esta edição limitada de cervejas, apenas estará à venda no Canadá.
Publicado em Marcas
quinta, 28 junho 2012 00:29

Portugueses bebem menos cerveja

Os portugueses estão a beber menos cerveja. O consumo caiu para um valor mínimo só alcançado, há 10 anos, em 1992.

O negócio está a ressentir-se com a crise e com o aumento do IVA de 13% para 23%. As pessoas estão a repensar as suas escolhas na hora de consumir.

Quando a crise rebentou, em 2008, o consumo per capita chegava a 61 litros por ano. No ano passado, cada português consumiu apenas 53, segundo o jornal «Público».

Uma tendência que, a manter-se, vai fazer cair a compra de cerveja "para valores abaixo de 50 litros em 201. São níveis inferiores de há dez anos", disse ao mesmo diário o secretário-geral da Associação Portuguesa dos Produtores de Cerveja (APCV), Francisco Gírio.
Publicado em Mix
terça, 09 junho 2015 17:00

A Super Bock paga a rodada de hoje

 

A marca Super Bock continua a apostar na sua mais recente campanha publicitária, intitulada “Leva a amizade a sério”. Ontem foi lançado um novo anúncio televisivo, que convida os amantes da cerveja portuguesa a saírem de suas casas e a dirigirem-se a esplanadas, a partir das 21h30.
 
Esta nova ação de rua vai ter lugar no Largo de São Paulo/Cais do Sodré (Lisboa), na Rua Cândido dos Reis (Porto) e na Praça D. Francisco Gomes (Faro), com a rodada paga pela Super Bock.
 
Durante a noite de hoje, vão ser filmados vários momentos de amizade presentes nas esplanadas, destacando a diferente entre os espaços cheios e vazios, com a companhia da cerveja portuguesa. As imagens vão ser depois transmitidas na televisão.
 
 
Publicado em Marcas
A Carlsberg, detida em Portugal pela Unicer, será a cerveja oficial da Barclays Premier League ao longo das próximas três temporadas, reforçando assim a sua ligação aos eventos desportivos.

A marca é patrocinadora oficial do campeonato UEFA Euro deste 1998, apoiando também clubes ingleses como o Arsenal e o Liverpool.

Para o grupo Carlsberg, esta parceria vai permitir a criação de uma plataforma a longo prazo que agregue consumidores e amantes de futebol em todo o mundo, gerando um maior envolvimento com a marca.

Já para a Premier League, o empenho e o investimento de parceiros comerciais como a Carslberg vai ajudar a manter a elevada qualidade da competição.
Publicado em Marcas
sábado, 06 junho 2015 16:08

Cerveja de alfarroba nasce em Tavira

 

Chama-se Moura e é uma cerveja artesanal algarvia, cujo ingrediente principal é a alfarroba. Chegou ao mercado nacional durante o mês de maio e os stocks já estão esgotados.
 
A cerveja nasceu em Tavira pelas mãos de Sebastião Afonso e Ivânia Lourenço, que tiraram o curso de produção de cerveja artesanal no Porto e em Barcelona. O nome escolhido para o produto, Moura, teve origem na lenda da Moura Encantada de Tavira, com o lema “Artesanal de Alfarroba, Cerveja de Encantar”.
 
O sucesso foi imediato, pois vinte dias após a entrada do produto no mercado, os stocks esgotaram. São feitas cerca de 50 garrafas por dia, mas os proprietários já estão a trabalhar no aumento de produção.
 
Podes encontrar à venda esta cerveja em Tavira, Olhão, Faro e Almancil, em algumas lojas gourmet e restaurantes, a um preço médio de 3 euros. O público alvo a que se destina o produto são hotéis, feiras medievais, campos de golf, restaurantes e lojas gourmet. A marca Moura vai estar presente também em algumas feiras e festivais.
Publicado em Marcas
Pág. 1 de 8
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.