22-04-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

Pela terceira vez consecutiva, Hardwell vai ser um dos cabeças de cartaz do festival MEO Sudoeste, que comemora em 2016 os seus 20 anos de existência, segundo o Diário de Notícias.
 
O DJ número 1 do Top 100 da DJ Mag está de volta à Herdade da Casa Branca, na Zambujeira do Mar, depois de ter atuado nas duas últimas edições. O português Agir é outra das primeiras confirmações, mas desta vez vai subir ao palco principal.
 
Segundo Luís Montez, da promotora Música no Coração, cerca de 188 mil pessoas passaram pelo MEO Sudoeste na edição deste ano, com um aumento de público inglês e espanhol. “Isto é um festival para divertir, não é para deprimir”, referiu Luís ao Diário de Notícias, confirmando a continuação da aposta em artistas de música eletrónica no festival alentejano.
 
{youtube}ALM1CwRMrmw{/youtube}
Publicado em Festivais
Robbert van de Corput, mais conhecido como Hardwell, é um dos maiores artistas de música eletrónica a nível mundial, tendo sido classificado pelo segundo ano consecutivo como número 1 pela revista DJ Mag. Uma carreira sólida e de sucesso não se faz sozinha, e o DJ/produtor holandês conta com a ajuda de Anna Knaup, a sua manager, que estudou na Universidade de Amesterdão.
 
Anna Knaup é atualmente a diretora da Anna Agency, uma empresa que gere a carreira de grandes DJs internacionais como Dannic, Dyro, Joey Dale, Kill The Buzz, Sick Individuals e Thomas Newson. Em entrevista ao blog Just Go, a manager de Hardwell revelou algumas curiosidades sobre o seu trabalho de sucesso.
 
O seu emprego resume-se a “uma procura de talento”, além de “planear o futuro, para onde um artista quer estar num determinado número de anos”. Este planeamento está relacionado com “lançamentos de álbuns, atuações, imprensa” e ainda com estratégias de marketing direcionadas aos seus artistas.
 
“Dar oportunidade a um talento” é uma das coisas preferidas de Anna, mas defende que a personalidade do artista “é um grande fator” e que o manager “tem de gostar dos artistas com quem trabalha”.
 
Nos últimos tempos tem estado bastante ocupada com a carreira do número 1 mundial: “estivémos dedicados na sua digressão, com 34 atuações em 18 meses”, bem como o processo de “finalizar o documentário (“I Am Hardwell”), a sua estreia” e ainda o radioshow “Hardwell On Air”.
 
Para o futuro, “temos o álbum (“United We Are”), bem como o seu novo espetáculo que começa em janeiro”, revelou Anna Knaup, confirmando a presença de Hardwell também em festivais.
 
A sua agência comemora 20 anos de existência e Anna referiu que foi uma das primeiras no seu país a “ser agente no género da música de dança, quando a maioria dos DJs não tinham agentes ou gestores”. A empresa de Knaup detém agora três agentes e dois assistentes de booking.
 
Para os artistas que ainda não têm um manager, Anna dá alguns conselhos úteis: “olhar para os artistas que gostam” e “verificar qual é a equipa que está por trás deles”, para assim “chegar a essa pessoa/empresa e ver se há disponibilidade” de contratar determinado DJ. A manager de Hardwell revelou ainda que tem “inumeros artistas” que a contatam para serem agenciados, mas que tem de recusar muitos deles. Uma das coisas que chama a atenção de Anna num artista é o seu “som único e a sua própria identidade”.
 
A imprensa e as redes sociais são dois elementos considerados “muito importantes” para a manager holandesa e os seus artistas, “dando-lhes liberdade e uma plataforma para mostrar a sua personalidade, pela sua música ou pela comunicação social”.
 
A nova digressão já tem data marcada em Lisboa, no próximo dia 7 de março, no MEO Arena com selo da emissora Mega Hits. O álbum de estreia de Hardwell vai ser lançado mundialmente no próximo dia 23 de janeiro, pela Revealed Recordings, a editora fundada pelo próprio em 2010.
 
Em Portugal, Hardwell já atuou diversas vezes, destacando as suas performances no MEO Arena a 14 de dezembro de 2013 e no festival MEO Sudoeste no dia 7 de agosto de 2014. Em entrevista exclusiva ao Portal 100% DJ, o número 1 revelou o seu interesse pelas praias “incriveis” que o nosso país tem para oferecer e na sua atuação em Lisboa afirmou que aquele foi o “melhor espetáculo da ‘I Am Hardwell Tour’” até àquela data.
 
Através da sua editora Revealed Recordings, Hardwell acaba de lançar o tema “Makhor” do português Kura, que tem vindo a ser um sucesso internacional. Além disso, o artista holandês tem tocado as músicas de Kura ao vivo e no seu radioshow.
 
 
Publicado em Mix
Já falta pouco menos de um mês para um dos maiores espetáculos de música eletrónica do ano. A nova tour do nº1, segundo a revista DJ Mag, “I Am Hardwell – United We Are” tem data marcada em Lisboa, no MEO Arena, no próximo dia 7 de março, desta vez com uma vertente solidária.
 
Para quem adquirir o bilhete para o espetáculo de Hardwell, está automaticamente a contribuir com 50 cêntimos para a organização DANCE4LIFE. Este projeto de solidariedade é apoiado por Robert e tem como objetivo principal o combate à SIDA nos jovens a nível mundial, através da educação, música e dança.
 
Hardwell é embaixador desta organização de solidariedade há quase um ano, em conjunto com a ALDA Events. A DANCE4LIFE existe desde 2004 e já chegou a mais de 1 milhão e meio de jovens.
 
Os bilhetes para o espetáculo de Lisboa estão à venda na Blueticket e nos locais habituais, com preços desde os 25,50 até aos 50,50 euros.
 
As empresas Comboios de Portugal e a Slide In uniram-se para disponibilizar as melhores opções de transporte dos fãs de Hardwell até Lisboa, no dia 7 de março.
 
A CP criou um comboio especial Intercidades, que parte da estação da capital portuguesa no Oriente, na madrugada do dia 8, às 3h30, após o espetáculo. Este comboio fará paragens nas estações de Santarém, Entroncamento, Pombal, Coimbra B, Aveiro, Espinho, Gaia e Porto Campanhã. Existem também descontos jovens de 25% em todos os serviços e desconto para família e amigos de 50% em Alfa Pendular e Intercidades. Os bilhetes podem ser adquiridos na Bilheteira Online, Linha de Atendimento, bilheteiras CP, Agencias de Viagens e no Multibanco.
 
A Slide In criou autocarros que irão percorrer várias cidades do país até Lisboa, incluindo ainda a viagem de regresso. O preço pode incluir o bilhete para o espetáculo na plateia em pé e estão disponíveis na página de Facebook da Slide In Travel. A chegada ao MEO Arena está prevista para as 19 horas.
 
Publicado em Eventos
Armin van Buuren, Axwell /\ Ingrosso, Hardwell e Martin Garrix são os cabeças de cartaz da edição do Ultra Music Festival da África do Sul, que vai decorrer nos dias 13 e 14 de fevereiro, na Cidade do Cabo e em Joanesburgo, respetivamente.
 
Outros nomes como a dupla DVBBS, Oliver Heldens e DJ Fresh também foram confirmados para a segunda edição africana do Ultra Music Festival.
 
A organização considera o evento como o “maior festival de música da história de África” e está prevista a presença de 40 mil pessoas.
 
Confere abaixo toda a programação:

 

 
Publicado em Eventos
O DJ número 1 segundo a DJ Mag, Hardwell, revelou recentemente numa entrevista ao Sun Times que teve um pequeno trabalho no cinema. O produtor de “Arcadia” dá a voz à personagem Walter Jr. do novo filme “Minions”, na versão holandesa.
 
Em entrevista ao Sun Times, Hardwell revelou que fazer a dobragem de um filme de animação era uma das coisas que gostaria de realizar um dia. “Ser ator de dobragens, eu sempre quis fazer algo do género”, revelou o DJ holandês.
 
“Sabes que o novo filme “Minions” está prestes a sair, certo? Eu faço uma das vozes de uma das personagens em holandês, na versão holandesa do filme. (...) Eu faço o Walter Jr., (...) um dos criminosos do filme”, afirmou Hardwell.
 
“Minions” foi lançado no passado dia 25 de junho e conta a história de vários seres amarelos que têm como única missão servir os maiores vilões do mundo.
 
Hardwell está de regresso a Portugal no próximo dia 8 de agosto, no festival MEO Sudoeste, na Zambujeira do Mar.
 
Publicado em Artistas
Terá sido uma das decisões mais difíceis da sua vida. O DJ e produtor Hardwell anunciou hoje o término da sua carreira enquanto DJ por tempo indeterminado. "Ser Hardwell 24/7 deixa muito pouca energia, amor, criatividade e atenção para minha vida como uma pessoa normal" pode ler-se no comunicado apresentado pelo artista que promete continuar a produzir música.

As reações a este comunicado estendem-se um pouco por todo o mundo e ninguém fica indiferente, não fosse Hardwell atualmente um dos artistas mais bem sucedidos da música de dança eletrónica que irá atuar pela última vez no Amsterdam Dance Event, a decorrer no próximo mês de outubro.

O fundador da editora Revealed Recordings recebeu por dois anos consecutivos o título de "N.º 1" da tabela TOP 100 - DJ Mag e atuou em Portugal inúmeras vezes, onde se inclui duas tours que encheram a Altice Arena. No passado mês de agosto cancelou a sua atuação no Meo Sudoeste. "Tenho imensa pena de não poder atuar esta noite. Espero compensar-vos em breve!" disse no Facebook.

Confere em baixo o comunicado.
 
Publicado em Artistas
Um dos objetivos editoriais do Portal 100% DJ, passa por oferecer aquilo que os leitores procuram. Em 2013 não fugimos à regra e a nossa extensa oferta de conteúdo é fruto da procura dos nossos leitores, a quem agradecemos publicamente a preferência e confiança. 
 
Fizemos um apanhado das três palavras mais procuradas e das que receberam mais 'hits' no Portal 100% DJ durante todo o ano de 2013. O resultado no gráfico em baixo.
 
 

 
Publicado em Infografias
domingo, 08 março 2015 20:03

Hardwell de regresso ao Meo Sudoeste

Depois de uma atuação para 14 mil pessoas no MEO Arena, em Lisboa, no dia 7 de março, Hardwell confirma a sua presença no festival MEO Sudoeste, que decorrerá em agosto.
 
A confirmação foi feita acidentalmente pelo próprio, em entrevista à Mega Hits. Vai ser o regresso do DJ número 1, segundo a revista DJ Mag, ao festival alentejano, depois de ter subido ao palco da Zambujeira do Mar na edição do ano passado.
 
Até ao momento Calvin Harris, Steve Aoki, Showtek, Oliver Heldens e Dimitri Vegas & Like Mike são alguns dos artistas que irão passar pela Herdade da Casa Branca.
 
Publicado em Festivais
O «spaceman» holandês Hardwell, conquistador de inúmeros títulos, nomeadamente o de número um do mundo segundo a revista britânica DJ Mag, está de regresso a terras lusas este sábado, dia 7 de março, prometendo uma viagem alucinante a um universo sem paralelo. A abertura ficará a cargo de um dos seus prodígios, o Kill The Buzz, e quem sabe não irão acontecer outras surpresas na cabine, até porque ninguém controla a energia e a capacidade de improviso de Robbert em palco.
 
Durante cinco horas, poder-se-á assistir a um espetáculo de som, luz, efeitos especiais e talento musical, que não vai deixar ninguém indiferente. Todas as tours de Hardwell têm configurações especiais e esta não será exceção. O Meo Arena será dotado de uma gigantesca logística onde tudo, mesmo tudo, é delineado ao pormenor, funções da Alda Events, produtora responsável pela conceção do espetáculo, da Genius Y Meios e da Sociedade Lusa de Espetáculos.
 
Os bilhetes estão à venda na Blueticket e nos locais habituais e têm o custo de 35,50 euros (plateia em pé), 25,50 euros para quem quiser presenciar do balcão 1 e 50,50 euros para a bancada vip, que entretanto já esgotou. A componente social está também associada a estes ingressos, onde 0,50 cêntimos revertem para a Dance4life, um projeto de solidariedade apoiado por Robbert Van de Corput, que tem como principal objetivo o combate à SIDA nos jovens a nível mundial, através da educação, música e dança.
 
 
A tour mundial “United We Are” arrancou a 24 de janeiro, no Ziggo Dome, em Amesterdão, um espetáculo que foi transmitido, em direto, na Mega Hits, emissora que nas madrugadas de sábado para domingo, emite o programa de rádio mais ouvido do mundo, o “Hardwell On Air”, que supera mais de 200 mil visualizações e é transmitido por 35 rádios internacionais.
 
No que diz respeito às acessibilidades, a CP criou um comboio especial Intercidades, que parte da estação de Lisboa - no Oriente, na madrugada do dia 8, às 3h30, após o espetáculo. Este comboio fará paragens nas estações de Santarém, Entroncamento, Pombal, Coimbra B, Aveiro, Espinho, Gaia e Porto-Campanhã. Existem também descontos de 25% em todos os serviços e desconto para família e amigos de 50% em Alfa Pendular e Intercidades. Os bilhetes podem ser adquiridos na Bilheteira Online, Linha de Atendimento, bilheteiras CP, Agências de Viagens e no Multibanco.
 
Mais uma vez, a Slide In criou um programa de autocarros que irá percorrer várias cidades do país até Lisboa, incluindo ainda a viagem de regresso. O preço pode incluir o bilhete para o espetáculo na plateia em pé e estão disponíveis na página de Facebook da Slide In Travel. A chegada ao MEO Arena está prevista para as 19 horas.
 
No histórico de atuações, esta será a sétima vez que o «Spaceman» irá "aterrar" em Portugal, sendo que a sua primeira presença foi a 5 de junho de 2009 na Marina de Cascais, um evento organizado na altura pela “B-Cool Productions” e “New Limit”. Entretanto já passou pela antiga Discoteca The Loft em Lisboa, pelo Kimika Club em Castelo Branco, pelo festival Sudoeste e pelo Meo Arena (ex-Pavilhão Atlântico).
 
 
Nota de Redação 05-03-2015: Atualizado número de atuações de Hardwell em Portugal.
 
Publicado em Eventos
Celebrou-se na segunda-feira, 22 de setembro, a 17ª edição dos DJ Awards, a conhecida entrega de prémios que encerra as grandes temporadas do verão de Ibiza. A cerimónia teve lugar na famosa discoteca Pacha.
 
Carl Cox foi o grande vencedor da noite, com os prémios nas categorias de "Techno" e "International DJ". O veterano, de acordo com o Diário de Ibiza, é o único DJ nomeado em todas as edições da entrega de prémios, com um total de 19 nomeações, desde 1998.
 
O holandês Armin Van Buuren parece querer seguir as pisadas de Cox, sendo agora o maior detentor de prémios desta celebração, com 10. Este ano levou para casa o prémio de Trance. Além disso, o DJ tem sido nomeado todos os anos, desde 2004.
 
Entre os outros vencedores destacaram-se Diplo, Skrillex, Hardwell e Disclosure, que ganharam os prémios de Eletrónica, Drum & Bass e Dubstep, Electro House e Electronic Live Performance, respetivamente. Segundo o site Essencial Ibiza, todos os vencedores tiveram direito ao troféu intitulado Kryptonite e a uma garrafa de Moet & Chandon, para comemorar.
 
Com mais de 70 nomeados, a votação esteve aberta ao público durante mais de um mês, através de uma inscrição no site oficial dos DJ Awards. Para quem votou, ficou automaticamente habilitado a ganhar um bilhete para assistir à gala.
 
Segue abaixo a lista dos vencedores:
 
  • Deep House: Jamie Jones
  • House: Luciano
  • Electro House: Hardwell
  • Electrónica: Diplo
  • Techno: Carl Cox
  • Trance: Armin van Buuren
  • Drum & Bass e Dubstep: Skrillex
  • Breakthrough: Mano Le Tough
  • Newcomer: Patrick Topping
  • Electronic Live Performance: Disclosure
  • International DJ: Carl Cox
  • Ibiza DJ: Ibán Mendonza
  • Ibiza Live Performance: Matador
  • Ibiza Night: Pacha Ibiza Flower Power
  • Track Of The Season: Forget by Patrick Topping
  • Producer: MK
  • Record Label Of The Year: Innervisions
  • International Festival: Creamfields UK
  • Dance Nation Of The Year: Croácia
  • Media: Be-At TV
  • Cutting Edge: Native Instruments
  • Outstanding Contribution: DJ Harvey
 
 
 
Publicado em Eventos
Pág. 1 de 7
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.