14-12-2018

  Diretor : Ivo Moreira  |  Periodicidade : Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

sexta, 08 junho 2012 00:11

Afinal... Qual é o teu fetiche?

Depois do sucesso da primeira edição em janeiro de 2010 no Cinema Batalha, a festa chique e atrevida, que decorre sob o tema 'Qual é o teu fetiche?', está de regresso ao Porto. Agendado para sábado, 7 de julho, o evento será realizado num local secreto revelado 24 horas antes por e-mail aos convidados.

O dress code exigido é sexy. Aos que pretendem aderir, convém saber que rendas, corpetes, cabedais, quimonos e acessórios, como máscaras, chapéus e chicotes, são bem-vindos. Tudo isto, claro, com requinte e bom gosto.

De salientar que haverá  seleção à porta, pelo que, a organização aconselha que os interessados estejam vestidos de acordo com o tema da festa.

Os bilhetes serão colocados á venda a partir de 13 de Junho e poderão ser adquiridos on-line ou num dos espaços parceiros a anunciar somente para os inscritos através do site www.qualoteufetiche.com.

Diversão, sensualidade e fantasia q. b. é o que se espera desta festa.
 
Publicado em Eventos
sexta, 18 abril 2014 19:11

Nicky Romero queima as fitas no Porto

Nicky Romero é a nova confirmação para a Queima das Fitas do Porto. O holandês sobe ao palco do Queimódromo na quarta-feira dia 7 de maio.
 
O número 7 da DJ Mag, está de regresso a Portugal, depois de se ter estreado em 2010 na Midsummer Music Conference na Póvoa do Varzim.
 
Nessa noite, a Romero juntam-se os Club Bangers e John Christian. A Queima das Fitas do Porto é uma organização da Federação Académica do Porto (FAP) e este ano decorre entre 4 e 10 de maio.
 
Publicado em Eventos
domingo, 17 novembro 2013 15:41

Clube 'premium' abre portas no Olympia

Um trio de empresários vai transformar o Olympia num "clube premium". A nova discoteca da Baixa do Porto abre no próximo sábado dia 23 e terá serviços exclusivos para clientes VIP com um investimento a rondar os 500 mil euros.
 
Serviço de estacionamento, porta exclusiva, área privada com camarotes individuais e cocktails de autor são algumas das novidades que o Olympia Club vai introduzir na Baixa do Porto. "É um novo conceito exclusivo de luxo para nivelar por cima a movida portuense", afirma Nuno Rodrigues, um dos três sócios do projeto.
 
"Sentíamos que faltava uma discoteca feita de raiz, um clube assumido na Baixa", diz Nuno Oliveira, outro sócio. Descobriram que o Olympia estava para alugar e ficaram apaixonados pelo edifício centenário e a sua localização. A vizinhança recebeu-os de braços abertos. "Não há habitação e o comércio da Rua de Passos Manuel acolheu-nos muito bem. Dizem que são precisas casas novas para trazer movimento", diz Nuno Rodrigues.
 
Publicado em Nightlife
 Hotel da Música, a mais recente unidade do Grupo Hoti Hotéis, abre portas dia 13 de junho, no Porto, integrado no projeto de requalificação do Mercado do Bom Sucesso, propondo-se ser "a sound-track" de qualquer estada na cidade.
 
Com uma localização privilegiada, em pleno centro da cidade, o Hotel da Música representa um investimento total de cerca de oito milhões de euros, que se traduz em 5.000m2 de área no requalificado Mercado do Bom Sucesso.
 
Com apontamentos de design alusivos à música, o hotel, que disponibiliza 85 quartos, tem a assinatura de Rosário Rodrigues de Almeida - Ateliê FA Arquitetos.
 
A par do universo da música, a nova unidade hoteleira assume um conceito gastronómico que assenta na diferenciação e inovação. Beneficiando do enquadramento estratégico no Mercado do Bom Sucesso, as refeições do restaurante poderão ser confecionadas com produtos adquiridos no mercado, promovendo o comércio local, assim como a aquisição de produtos frescos e de qualidade.
Publicado em Mix
A divulgação foi feita na reunião pública do executivo pelo vereador da Proteção Civil e Fiscalização, António Sousa Lemos, que acrescentou estarem pendentes dez processos, devido a providências cautelares interpostas pelos donos dos estabelecimentos.

Novas medidas para disciplinar a noite portuense foram aprovadas hoje pela autarquia, incluindo a proibição da venda de bebidas em vasilhame de vidro, para consumo na via pública, e a possibilidade de encerrar estabelecimentos ou de lhes reduzir horários, em caso de infração.

As alterações incluídas no Código Regulamentar do Município mereceram o voto contra da CDU, que pretendia uma duplicação do valor das coimas, e não impediram duas moradoras de se queixarem de mercearias abertas "até à meia-noite", cafés a vender "litrosas", esplanadas que não cumprem horários, estacionamento caótico e falta de limpeza das ruas.

A Câmara poderá ainda proceder à "cassação da autorização de utilização" do estabelecimento se, "nos últimos três anos", o seu titular tiver sido condenado por "três contraordenações relacionadas com o exercício da atividade".
Nestes casos, o novo código regulamentar determina que durante dois anos "não pode ser concedido ao titular" novo título de utilização.

As novas "regras de funcionamento dos estabelecimentos" impõem que os espaços com "aparelho emissor de som com amplificação ou mesa de mistura" comprem e instalem um "limitador de potência sonora, que deverá ser calibrado e selado pelos serviços municipais competentes".

A Câmara pretende também proibir "a instalação de colunas e demais equipamentos de som no exterior do estabelecimento ou nas respetivas fachadas", e vedar a instalações dos mesmos na via pública. O incumprimento reiterado destas regras pode determinar "a restrição do horário de funcionamento para as 24:00", durante um período mínimo de 30 dias ou de 90 dias, no máximo.

O espaço pode ser encerrado pela Câmara quando a culpa do agente e a gravidade da infração "o justifique" ou nos "casos de reincidência". Porém, o fecho deverá ser feito "durante um período não inferior a três meses e não superior a dois anos".

A Câmara do Porto aprovou em março medidas para disciplinar a movida noturna, mas, segundo explica Rui Rio na proposta hoje votada, "importa acautelar a eficácia das referidas medidas".

A Associação de Bares da Zona Histórica (ABZH) do Porto disse no dia 11 à Lusa que disciplinar a movida implica mexer na "lei geral", já que a distinção feita entre sociedades por quotas e empresários em nome individual permite que os primeiros paguem multas "entre os 2.500 e os 30.000 euros" e os segundos "entre os 250 e os 3.000 euros".
 
Fonte: Lusa.
Publicado em Nightlife
sábado, 05 fevereiro 2011 13:47

Red Bull Music Academy em contagem decrescente

Já se sente na cidade uma pequena amostra do que será o Red Bull Music Academy – Porto Hub.
A três dias do seu início, ali pelas bandas da Rua Cândido dos Reis – quartel general do evento – a academia instalou-se no nº 70, 84 e 90 e prepara os últimos detalhes: prédios renovados, decoração suis-generis e material de música high-tech estão prontos para receber os participantes.
 
Na próxima semana, entre 8 e 12 de Fevereiro, futuro e música conspiram juntos.
De dia, o famoso sofá da Lecture Room irá receber Om´mas Keith, Tozé Brito, Appleblim, A Guy called Gerald, Eurico Cebolo e Dâm-funK.
Durante a noite, os clubes da cidade vão hospedar os sons de grandes nomes da cena musical internacional, convidados pela Red Bull Music Academy – Porto Hub.
 
Dia 9, no Passos Manuel, é Om’Mas Keith a estrela, dividindo a noite com o showcase da Reactable e com Serial. Dia 10, no Plano B, o destacado produtor Appleblim é o último nome da sessão, que conta também com Buck Skins e o Hit + Run, um projecto de serigrafia ao vivo. Dia 11, no Gare Clube, o lendário A Guy Called Gerald actua depois de Santo Ovídeo Grime. Para a última noite, dia 12, no Indústria, o produtor americano Dâm Funk, The Shine, DJ Ride e Hit + Run fazem a despedida da Red Bull Music Academy na cidade do Porto.

Durante o mesmo período, mas em horários diurnos, a Residencial M é um projecto artístico que vai ocupar e revolucionar um prédio devoluto no centro histórico da cidade – um espaço de experimentação que o Red Bull Music Academy – Porto Hub reservou para os artistas visuais.

A Oblá FM, rádio criada pela Red Bull Music Academy a pensar no Hub do Porto, faz-se ouvir em 102.1 FM, das 14h às 24h, durante todo o evento. DJ-sets, live-acts e entrevistas fazem da programação da Oblá FM uma tentação. Os ouvidos mais sedentos podem acompanhar a emissão na Antena3 e live-streaming na Antena3 Dance e também na RedBullMusicAcademyRadio.com, entre as 20h e as 21h.

Com a base montada, e já em alta voltagem, o Red Bull Music Academy – Porto Hub ligou as turbinas. Segue-se o futuro.
Publicado em Eventos
terça, 09 junho 2015 17:00

A Super Bock paga a rodada de hoje

 

A marca Super Bock continua a apostar na sua mais recente campanha publicitária, intitulada “Leva a amizade a sério”. Ontem foi lançado um novo anúncio televisivo, que convida os amantes da cerveja portuguesa a saírem de suas casas e a dirigirem-se a esplanadas, a partir das 21h30.
 
Esta nova ação de rua vai ter lugar no Largo de São Paulo/Cais do Sodré (Lisboa), na Rua Cândido dos Reis (Porto) e na Praça D. Francisco Gomes (Faro), com a rodada paga pela Super Bock.
 
Durante a noite de hoje, vão ser filmados vários momentos de amizade presentes nas esplanadas, destacando a diferente entre os espaços cheios e vazios, com a companhia da cerveja portuguesa. As imagens vão ser depois transmitidas na televisão.
 
 
Publicado em Marcas
domingo, 13 janeiro 2013 15:27

Kura dá música a metro

A rádio líder de audiências a Norte - Nova Era - continua a levar boa música às estações do Metro do Porto. Esta ação tem-se revelado um enorme sucesso, sendo bastante falada em toda a invicta.

A próxima sessão será na estação de Metro da Casa da Música na próxima sexta-feira 25 de janeiro, tendo como anfitrião o português Kura.
O DJ/Produtor vai estar em direto com entrevista e live-set especial para o auditório Nova Era e para as milhares de pessoas que circulam na Estação de Metro da Casa da Música entre as 17 e as 19 horas.
Não é necessário comprar bilhete pois esta viajem musical tem entrada livre.

Recorde-se que a "Nova Era Musica a Metro" já recebeu John Steven, Pedro Cazanova, DJ Ride, os Momentum Crew, entre outros artistas.
 
Publicado em Eventos
Um estudante da Faculdade de Desporto da Universidade do Porto foi abatido a tiro, na madrugada deste sábado, quando tentou resistir a quatro assaltantes encapuzados e armados que irromperam na zona das bilheteiras do Queimódromo do Porto, na Estrada da Circunvalação. Dois seguranças do recinto da Queima das Fitas foram também alvejados mas o seu estado não inspira cuidados.
 
O assalto ocorreu por volta da 1.15 horas, altura em que vários estudantes, trabalhando por conta da Federação Académica do Porto (FAP), procediam à contagem e entrega do dinheiro dos bilhetes vendidos durante o dia para a Semana Académica.
 
O apuro, "presumivelmente várias dezenas de milhar de euros", segundo fonte académica, deveria ficar à guarda da Esegur. Foi pouco antes da chegada da carrinha de valores que se deu o assalto, que acabaria fatal para o estudante Marlon Barbosa Correia, de 24 anos, finalista do curso de Desporto da Universidade do Porto e jogador de futebol do Sporting Clube Arcozelo, em Gaia.
 
Imposto, pela polícia, um silêncio quase total à volta do sucedido, e com o Queimódromo verdadeiramente "sitiado" pela PSP e PJ, não foi possível ao JN obter muitos pormenores durante estas primeiras horas que se seguiram ao dramático assalto.
 
Fonte da PSP apenas revelou que os assaltantes entraram no recinto aos tiros e começaram por assaltar um casal de jovens, de 22 e 24 anos respetivamente, a quem levaram todos os pertences que traziam consigo. Só depois dirigiram-se ao local onde se encontrava o cofre.
 
Durante os acontecimentos, dois seguranças sa SPDE - a empresa que presta segurança ao recinto - ficaram feridos no tiroteio. Foram conduzidos ao Hospital de Santo António, onde, depois de tratamento a alguns ferimentos, tiveram alta.
 
Marlon Correia nasceu em Caracas, na Venezuela. Filho de emigrantes portugueses, veio viver para Portugal com os pais e um irmão, em 2002. Segundo fonte familiar, os progenitores decidiram regressar a Portugal porque "achavam que aqui era mais seguro".
 
Fonte: JN.
Publicado em Nightlife
Após a excelente atuação na primeira edição europeia do The BPM Festival, no passado mês de setembro no Algarve, a dupla espanhola Chus & Ceballos está de volta ao nosso país no próximo fim de semana.
 
A primeira performance está marcada para dia 1 de dezembro, sexta-feira pela manhã no segundo aniversário do Private Breakfast, no Atneu Comercial do Porto. No dia seguinte, Chus & Ceballos partem para Lisboa para subirem à cabine do icónico Kremlin, numa noite com o selo oficial da Stereo Productions.
 
Com a qualidade iberican sound, a dupla de música eletrónica é uma das mais amadas pelo público português. Recentemente, Chus & Ceballos lançaram o EP “Flow”, com três temas característicos dos artistas de tech house e techno.
 
No próximo mês de dezembro, a dupla de produtores irá lançar a compilação “Best Of 2017”, com 60 das melhores músicas editadas pela Stereo durante este ano.
 
Publicado em Eventos
Pág. 1 de 10

Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Acesso Rápido

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.