21-04-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A festa que tem feito furor em vários cantos do mundo está de regresso a Portugal, um ano depois de se ter estreado em Lisboa, no Centro de Congressos. Originária da Espanha, a Elrow teve início em 2010, em Barcelona e em Ibiza, e rapidamente se transformou num road show com um tema sempre diferente que já percorreu diversas cidades pelo mundo como Londres, Miami, Shangai, Roma, Lima, Santiago e Tel Aviv

Embora a organização não tenha ainda anunciado a data e o local que irá acolher esta mega-produção, é certo adiantar que esta será uma nova e inesquecível experiência que irá estimular todos os sentidos a divertirem-se ao som da melhor música eletrónica, não faltando a decoração alusiva ao tema, performances e os característicos efeitos especiais.

Recorde-se que em 2018, Lisboa recebeu pela primeira vez a mediática festa tendo os psicadélicos anos 60 como temática e na cabine contou com Paco Osuna, Paul Ritch, os residentes Elrow Toni Varga e Tini Gessler e, ainda, os nacionais Frank Maurel, John E b2b Glove, entre outros.
 
Publicado em Eventos
É sem dúvida um dos desportos mais técnicos e exigentes, física e mentalmente. Com saltos para a água a partir de uma plataforma montada a 27 metros de altura, uma impressionante aceleração ao nível da F1 - zero aos 100 Km/hora em menos de 3 segundos - e velocidades na ordem dos 85 quilómetros por hora, o Cliff Diving continua também a ser um dos desportos mais elitistas: calcula-se que hajam pouco mais de 50 atletas de alto nível em todo o mundo.
 
Levando estes ingredientes ao extremo, o Red Bull Cliff Diving World Series impôs-se nos últimos três anos como a grande referência competitiva da modalidade. A edição de 2012 está prestes a começar e tem pela primeira vez passagem pelo nosso país.

França volta a ter a honras de abertura do campeonato, mas desta vez a costa do atlântico foi trocada pela paradisíaca ilha da Córsega (23 de Junho). Ainda na Europa, o Red Bull Cliff Diving World Series regressa à Noruega no início de Julho. O ilhéu de Vila Franca do Campo, que dista cerca de um quilómetro da costa de São Miguel - nos Açores - é o próximo destino assinalando uma estreia absoluta da competição em território nacional (21 de Julho). Uma misteriosa piscina natural retangular conhecida como o “Covil da Serpente” marca a passagem pela Irlanda (4 de Agosto).
Passando para o outro lado do atlântico, os cenários de natureza são trocados pelos ambientes urbanos: a quinta etapa decorre nas docas de Boston, no emblemático museu de arte contemporânea. Pembrokesshire, no País de Gales (Reino Unido) é mais uma das estreias da temporada (8 de Setembro), o mesmo se aplicando a Wadi Shab - no sultanato de Omam - que encerra a época a 28 de Setembro.

Onze atletas de oito países com idades compreendidas entre os 23 e 37 anos vão lutar pelo título mundial, atualmente nas mãos do britânico Gary Hunt.

O formato da competição inclui três rondas, passando apenas à final oito atletas. Com notas de 1 a 10, a avaliação do salto (saída da plataforma, posição no ar e entrada na água) é garantida por um júri internacional de cinco elementos, onde se destaca o norte-americano Greg Louganis - vencedor de quatro medalhas de ouro na disciplina de saltos para a água dos Jogos Olímpicos.

Mais informação em redbullcliffdiving.com.
 
Publicado em Eventos
Portugal está ao rubro com a confirmação do coletivo sueco de DJs - Swedish House Mafia - composto por Sebastian Ingrosso, Axwell e Steve Angello.
 
É já no próximo dia 18 de Dezembro, que os inúmeros fãs portugueses, vão poder ver ao vivo e a cores e sentir o gigantesco poder de três artistas mundialmente conhecidos pelos seus espectáculos arrepiantes, e pelas suas produções.
O Pavilhão Atlântico será palco desta atuação e os ingressos estão à venda nos locais habituais a partir de sexta-feira. Custam entre 40 e 80 euros.
 
A notícia de que os SHM poderiam atuar no nosso país, foi avançada pelo Portal 100% DEEJAY no passado sábado dia 22 de setembro.
 
Em 2011, este coletivo esteve agendado para o dia 7 de agosto no Festival Sudoeste, mas Axwell não atuou, (segundo um comunicado do mesmo) devido a uma infeção na garganta, que o impossibilitou de estar presente na Herdade da Casa Branca - Zambujeira do Mar. O live foi na altura assegurado pelos seus dois colegas Sebastian Ingrosso e Steve Angello, que levaram os milhares de festivaleiros ao rubro. No entanto, Axwell chegou a atuar no primeiro dia de evento - 3 de agosto.
 
Durante a última semana têm sido divulgadas inúmeras imagens na página oficial de Facebook, com o símbolo desta ‘One Last Tour’ também inscrita em diversos monumentos, incluindo a Torre de Belém em Lisboa, a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo, entre outros.
 
Os SHM, estrearam-se nos palcos portugueses em 2010, como cabeças de cartaz da Beach Party organizada pela Rádio Nova Era e a sua mais recente e última produção intitula-se 'Don't You Worry Child'. No início do último Verão, através de um comunicado, anunciaram o seu término enquanto 'Swedish House Mafia' e prometeram seguir com as suas carreiras a título individual.
 
Publicado em Eventos
O prestigiado evento mexicano The BPM Festival vai embarcar em Portugal em setembro deste ano. A organização do festival aproveitou o décimo aniversário do BPM, que decorre até ao próximo dia 15 de janeiro na Playa del Cármen, no México, para expandir a sua marca para o nosso país e para o Brasil.
 
No Brasil, o The BPM Festival vai decorrer entre os dias 27 e 30 de abril na Praia Brava (Itajai), em colaboração com uma das discotecas mais famosas do país, a Warung.
 
Para a edição portuguesa ainda não existem datas nem local, mas são esperadas novas informações para breve. O anúncio oficial foi feito recentemente através da página oficial de Facebook do evento. Em princípio, o festival seguirá a mesma linha e estilo do The BPM Festival mexicano.
 
Carl Cox, Marco Carola, Roger Sanchez, Erick Morillo e Paco Osuna são alguns dos artistas que marcam presença na edição deste ano do festival, que decorre no México.
 
{youtube}k6eF2fLDgn8{/youtube}
Publicado em Festivais
A marca estrela da Adega de Favaios voltou a patrocinar a Volta a Portugal com um total de 6500 miniaturas do Moscatel mais querido pelos portugueses, vendidas de norte a sul do país, informa a marca em comunicado.

A 74ª edição da Volta, que contou com o triunfo do espanhol David Blanco, foi acompanhada pelo camião-bar "Bonito, Bonito... é pedir um Favaíto".

Com o Tema "Volta a Portugal" e estendendo-se até ao final do ano, a Adega de Favaios lançou também a campanha "O Nosso Camisola Amarela", com a parceria da sua distribuidora nacional, Viborel SA, e que promete muitos prémios para todos os consumidores de Favaíto atá ao final deste ano.
Publicado em Marcas
Portugal é um dos dez países da Europa onde se bebe mais álcool, segundo um relatório da Organização Mundial de Saúde citado pelo jornal "Público". Numa lista de 34 países, Portugal surge em nono lugar no que se refere à média anual de consumo de álcool per capita, com 13,4 litros, o que significa que os portugueses estão acima da média europeia. Por outro lado, Portugal revela ser um dos países com mais abstémios, o que indicia elevado consumo dos que bebem.

O relatório mostra também que Portugal é um dos poucos países a autorizar a venda de álcool a menores de 18 anos.

O relatório da Organização Mundial de Saúde foi ontem divulgado e intitula-se 'Álcool na União Europeia'. Revela o padrão europeu: "Os adultos na Europa consomem três bebidas alcoólicas por dia".
 
Fonte: DN Portugal.
Publicado em Mix
A Sound Fusion apresenta os primeiros auscultadores, projetados e fabricados em Portugal, que oferecem uma qualidade de som profissional e que são totalmente personalizáveis, desde o molde até ao design.
 
Os verdadeiros amantes de música, que não dispensam auriculares de alta-fidelidade, vão ficar rendidos aos in ears da Sound Fusion. O molde é feito à medida, por técnicos profissionais, o que permite melhorar a qualidade do som obtido, e o seu design é personalizável, com uma diversidade de cores e insígnias à escolha do cliente.
 
A Sound Fusion é a única empresa em Portugal que produz auscultadores com este nível de personalização e qualidade, permitindo fazer o molde na sua loja. "Só assim é possível uma adaptação perfeita da cápsula ao pavilhão auricular, bloqueando o ruído parasita", esclarece Silas Rechau, fundador da Sound Fusion. Desta forma, deixa também de ser necessário enviar os auscultadores para outros países, caso seja necessário fazer ajustes. Além disso, todos os  materiais Sound Fusion são certificados.
 
O nível profissional dos in ears da Sound Fusion foi já comprovado por músicos e cantores como Boss AC, Maria João, Tiago Machado e Fernando Pereira, que já têm os seus auscultadores personalizados.
 
Clareza de som e proteção auditiva
Com um elevado nível de precisão e equilíbrio, cada auricular apresenta uma configuração interna composta por modelos de três e quatro vias utilizando auscultadores com Balanced Armature (BA) e um crossover integrado de duas vias. O resultado é uma resposta de frequência com graves fortes e detalhados, e uma clareza de som impressionante.
 
"A Sound Fusion nasceu com o objetivo de melhorar as condições de audição de todos os profissionais de som, de comunicação e músicos." refere Silas Rechau.
 
A proteção auditiva é outra das apostas da Sound Fusion. Desenvolvidos para proporcionar uma melhor proteção quando expostos a elevados níveis de ruído, os filtros da Sound Fusion permitem ouvir um som natural. Confortáveis e personalizados, estes filtros acústicos atuam por mais tempo e de forma segura, sem o risco de danificar a audição.
 
 
Publicado em Tech
Em média o utilizador português do Spotify Premium gasta 82 euros por ano, enquanto o utilizador do iTunes gasta 29 euros em música, quase três vezes menos. Quem o diz é o próprio Spotify que comemorou no passado dia 12 de fevereiro um ano de vida em Portugal. Os números provam que o serviço de música por streaming conseguiu cativar os lusitanos. 
 
Mesmo sem dados para revelar sobre quantos utilizadores tem no mercado português e quantos desses subscrevem o modelo Premium, não deixa de ser relevante a maior dedicação que os utilizadores do Spotify têm relativamente a um serviço com maior tradição no mercado português. 
 
Mas o primeiro ano de vida não fica imaculado. Tal como tem feito noutros países, ao fim de seis meses a empresa restringiu o acesso ilimitado à música, algo que deixou na altura os utilizadores insatisfeitos. Mas mais tarde o Spotify viria a transformar a sua estratégia, sobretudo no segmento mobile, além de ter apostado em novos serviços. 
 
O Spotify revela que o utilizador português caracteriza-se por gastar parte dos rendimentos em tecnologia, por adotar com facilidade novas tendências tecnológicas e por ser um sujeito ativo em mais do que uma rede social. 
 
Neste primeiro ano de vida os portugueses que usaram o Spotify ouviram o equivalente a 2.100 anos de música, cerca de 19 milhões de horas de faixas, tendo para isso contribuído as 3,4 milhões de playlists criadas. 
 
De acordo com uma infografia partilhada pela empresa, Justin Timberlake e John Legend lideram a lista dos artistas mais populares em território nacional, enquanto Pedro Abrunhosa e Ornatos Violeta são os artistas nacionais mais ouvidos.
 
Publicado em Mix
 
Durante o ano de 2012, foram consumidos quase 924 milhões de litros de bebidas alcoólicas em Portugal. Ou seja, por dia, os portugueses beberam 2,5 milhões de litros, um valor que está em queda em relação aos anos anteriores. A cerveja reúne as preferências dos consumidores, com 483 milhões de litros, logo seguida do vinho, com quase 415 milhões.
 
Segundo dados do Internacional Wine and Spirit Research (IWSR), instituto internacional que analisa dados de consumo em 115 países, Portugal está em 34º lugar da lista dos países onde o consumo é maior, ranking liderado pela China, com 65,9 mil milhões de litros de bebidas alcoólicas consumidas. Em segundo lugar estão os EUA, com 29,4 mil milhões de litros e em terceiro o Brasil, com 14 mil milhões.
 
Quanto ao consumo per capita, Portugal está em 35º lugar do ranking com 103,5 litros em 2012. Ressalve-se que estes valores referem-se aos litros de bebidas alcoólicas na forma em que são consumidas, não sendo contabilizados os litros de álcool puro, o que faz com que muitos dos países do top 10 sejam consumidores de cerveja, bebida em que o volume consumido é alto.
 
Mário Moniz Barreto, secretário-geral da Associação Nacional das Empresas de Bebidas Espirituosas (ANEBE), explica que esta descida moderada se deve a três fatores: mudança de hábitos de consumo, o aumento de impostos em algumas bebidas e claro, também à atual recessão económica. 
 
Com a crise, é também comum haver "transferência de consumos, devido ao preço", salienta. E isto mesmo mostra os dados do IWSR, que fazem uma projeção para 2018 do mercado português: é que embora o consumo registe uma ligeira subida - 1,1% para 984 milhões de litros, haverá uma transferência do vinho para a cerveja, já que o primeiro registará uma pequena queda 0,1% e o segundo uma subida de 2,1%. Já as bebidas espirituosas perdem também 0,1%.
 
Fonte: Dinheiro Vivo.
 
Publicado em Mix
Em 2013, para o estudo "Perfil do festivaleiro português e ambiente social nos festivais", foram contabilizados 127 festivais de música em Portugal, tendo sido retiradas bastantes conclusões apresentadas no Talkfest’14, através da análise de mais de 400 respostas.
 
Este ano, o estudo vai ser replicado em setembro, após a grande vaga de festivais, tendo-se incluído novos itens para análise do festivaleiro e das suas preferências, assim como das marcas. O Talkfest contabiliza até ao momento 106 festivais de música que acontecem em Portugal durante este ano, e o número pode pecar por defeito, uma vez que existem festivais que não têm atualizações desde a sua última edição.
 
Na infografia em baixo, podes conferir alguns dados resultantes do estudo efetuado pelo Talkfest, evento que volta a realizar-se no próximo ano entre os dias 4 e 6 de março no ISEG em Lisboa, subordinado ao tema "Life is a Festival".
 
 
 
Publicado em Infografias
Pág. 1 de 8
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.