08-08-2020
  Diretor Ivo Moreira  \  Periodicidade Diária
Considerado como um dos maiores festivais de música eletrónica de Portugal, o NEOPOP está de volta no próximo ano e divulgou as datas do evento numa conferência de imprensa, com a presença da organização e da direção da Câmara Municipal de Viana do Castelo.
 
O Forte de Santiago da Barra volta a receber o festival nos dias 3, 4 e 5 de agosto, depois da edição deste ano ter contado com mais de 26 mil pessoas vindas de 46 países diferentes.
 
A organização promete aumentar ainda mais a qualidade do evento, com forte ligação à cidade de Viana do Castelo, com várias novidades a serem divulgadas em breve. Os passes para o NEOPOP já estão disponíveis no site oficial do festival a um preço promocional de 65 euros.
 
Magazino, Carl Cox, Maceo Plex, Richie Hawtin e Rui Vargas foram alguns dos DJs e produtores que marcaram presença na edição deste ano do NEOPOP Electronic Music Festival.
 
{youtube}DNu-gHHDM2k{/youtube}
Publicado em Festivais
quarta, 23 maio 2012 23:00

A Cidade do Rock (Mapa)

 
Publicado em Rock in Rio
O prémio é atribuído por um júri que avalia festivais de todo o mundo, tendo em conta vários aspetos, como emissões de Co2 (dióxido de carbono), tratamento de águas, saneamento, gestão de resíduos, promoção de transportes públicos, utilização de materiais reutilizáveis, energias renováveis, entre outros.

Para além deste prémio, o Boom Festival foi ainda distinguido numa nova categoria apelidada 'Green Inspiration', a qual pretende realçar tecnologias pioneiras em festivais.
"A atribuição da STAR Water System foi concedida ao Boom graças à tecnologia de tratamento de águas utilizadas na Herdade da Granja", explica a organização.

O desenvolvimento de casas de banho compostáveis, a reutilização do óleo utilizado, o tratamento de águas através da permacultura e a utilização de energia fotovoltaica são algumas das medidas promovidas pelo Boom e distinguidas no Greener Festival Award 2012, iniciativa que premeia os melhores 21 festivais realizados nos Estados Unidos da América, Europa e Austrália.

A organização foi convidada para integrar o painel de discussão do 'Green Events Europe', evento que decorrerá nos dias 5 e 6 de novembro, em Bonn, na Alemanha, uma conferência para discutir a sustentabilidade na indústria musical e dos eventos.
Os organizadores salientam ainda que o Boom Festival foi um dos dez festivais mundiais (o único português) convidado pela Organização das Nações Unidas (ONU) a integrar o grupo United Nations Music & Environment Stakeholder Initiative, o qual pretende promover a consciencialização ambiental junto do público.

A nona edição do Boom Festival decorreu este ano entre os dias 28 de julho e 4 de agosto na margem da barragem Marechal Carmona, em Idanha-a-Nova, e contou com cerca de 25 mil pessoas provenientes de mais de 100 países.
 
Publicado em Festivais
Além de antecipar a data de abertura da zona de campismo, como vem já sendo hábito, o 15º SWtmn antecipa igualmente o início da música na Herdade da Casa Branca. O começo da animação está garantida graças ao palco Super Bock Super Rock. Com uma programação adequada a aquecer para 5 dias de celebração de 15 anos de Música.

 

A dupla Yes We Groove da Cidade FM, a Revolta do Vinil de Ricardo Guerra e também Filipe Pinto e a Kumpania Algazarra, sobem ao palco Super Bock Super Rock que promete ser uma paragem obrigatória deste SWtmn.
 
Consulta a programação:
 
Palco Super Bock Super Rock
30 de Julho
A Revolta do Vinil (Ricardo Guerra)

31 de Julho e 1 de Agosto
Kumpania Algazarra

 

2 de Agosto
Cidade FM (Yes We Groove)
Filipe Pinto (Ídolos)

E para que não falte mesmo nada à 15ª edição, o campismo do SWtmn será servido por um supermercado do Grupo 'Os Mosqueteiros'. Com cerca de 300m2, o Intermarché Contact irá assim disponibilizar produtos essenciais para quem faz da Herdade da Casa Branca a sua morada durante esta semana, como pão, gelo, frescos (desde fruta a saladas), enlatados, champô, entre muitos outros.

Para os que além de nutritivos querem também ser ecológicos e se deslocam de transportes públicos para o festival, o Intermarché colocará à disposição dos festivaleiros transporte para bagagens desde a paragem do autocarro até ao parque de campismo. Assim, os festivaleiros poderão permanecer na Zambujeira do Mar tranquilamente, sem se preocuparem com deslocações para se abastecer, para Viver o 15º SWtmn ao máximo.
Publicado em Festivais

 

A ilha de Obonjan, na Croácia, foi recentemente comprada pelo promotor responsável pela organização do Unknown Festival, para ser transformada num local de festa para os amantes da música eletrónica.
 
Este novo projeto está a ser trabalhado há três anos, em parceria com a Sound Channel, pretendendo levar centenas de artistas, chefs e filósofos para a ilha croata, tornando-a num destino único. O objetivo é juntar as artes e a música num paraíso.
 
Outras iniciativas como a promoção do bem estar, a vida sustentável e a gastronomia vão ser realizadas no futuro festival, que vai ter um alojamento “criativo”, segundo a organização.
 
 
Publicado em Festivais
Durante o primeiro fim de semana do maior evento de música e entretenimento do mundo, a Cidade do Rock recebeu 125 mil fãs. O dia 25 de maio, o primeiro do evento e o dia dedicada ao metal, contou com 42 mil pessoas, no segundo dia o público quase duplicou e 83 mil fãs marcaram presença no evento.

Durante os dois dias, registaram-se apenas 232 ocorrências com atendimento de saúde, entre dores de cabeça, alergias, baixa tensão ou desidratação, entorses, luxações e alguns casos de consumo de álcool em excesso, especialmente no segundo dia, no qual a faixa etária dominante se situava entre os 18 e os 25 anos.

No próximo fim de semana, a Cidade do Rock volta a encher-se de fãs com um cartaz imperdível, que conta com grandes nomes como Lenny Kravitz, Maroon 5, Stevie Wonder, Bryan Adams, Joss Stone ou Bruce Springsteen no Palco Mundo.
 
Publicado em Rock in Rio
A organização do Rock in Rio-Lisboa acaba de anunciar o plano de mobilidade para a 8.ª edição do festival que, este ano, conta com número recorde de operadores, prolongamento de horários nos principais serviços urbanos e maior abrangência nacional. Abreu, Budget, BusUp, Carris, Cityrama, CP (Urbanos e Longo-Curso), Fertagus, Metro de Lisboa, mytaxi, Transtejo e Soflusa e Rede Expressos juntam-se, assim, numa mega operação que visa, em simultâneo, incentivar os visitantes da Cidade do Rock a deixarem os carros em casa.

Com o objetivo de facilitar o acesso e saída do recinto, num evento que contou com mais de 300 mil pessoas na sua última edição em Lisboa, os operadores envolvidos neste plano oferecem packs e condições especiais para a deslocação dos fãs, bem como o reforço dos serviços urbanos habituais. O Metropolitano de Lisboa alargará os seus serviços nos dias do festival até às 3 horas da madrugada, as viagens nos comboios urbanos CP Lisboa da linha de Cascais e de Sintra serão gratuitas mediante a apresentação do bilhete para o festival, enquanto a Fertagus oferece o estacionamento nos seus parques automóveis ao longo das estações da margem sul. Além destas vantagens, a mytaxi vai, pela primeira vez, assegurar táxis coletivos na cidade de Lisboa a preços fixos e a organização do Rock in Rio-Lisboa colocará em circulação um shuttle com partidas de pontos estratégicos na envolvente de Lisboa que levará os fãs até à porta da Cidade do Rock pelo valor de 12 euros (ida e volta).

Para Roberta Medina, Vice-Presidente Executiva do Rock in Rio, "esta será a edição do festival com mais soluções de mobilidade para os nossos fãs. Acreditamos que o trabalho desenvolvido com estes operadores e empresas parceiras vai resultar numa maior adesão ao uso dos transportes coletivos, em detrimento do transporte individual, em linha com o nosso compromisso na construção de um mundo mais sustentável."

Metropolitano de Lisboa
Nos dias 23, 24, 29 e 30 de junho estará operacional até às 03h00, com 4 linhas abertas e cerca de 30 estações, com metros a sair a cada 6 minutos.

CP-Urbanos
Ao apresentar bilhete para o Rock in Rio-Lisboa - nas portas de acesso e a bordo dos comboios -, a CP oferece a utilização dos serviços nos Comboios Urbanos de Lisboa e nos comboios especiais do Cais do Sodré para Cascais e de Oriente/Roma-Areeiro para Sintra. Haverá ainda horários especiais com as últimas partidas às 02h40 (Lisboa Oriente), 02h47 (Roma-Areeiro em direção a Sintra - paragem em todas as estações) e 03h00 (Cais do Sodré em direção a Cascais - paragem em todas as estações).

CP Longo-Curso
O já famoso pack ROCKCard CP inclui bilhete para o evento, viagem de comboio intercidades ida e volta para Lisboa Oriente e transfer de autocarro Gare do Oriente – Cidade do Rock – Gare do Oriente. Estes pacotes têm um preço de 84 euros (partidas da Zona Centro) e 89 euros (partidas da Zona Norte). Na Linha do Norte a CP assegura, ainda, comboios especiais na madrugada seguinte a cada dia de evento, com partida de Lisboa Oriente e destino a Porto Campanhã.
CP Intercidades, InterRegionais e Regionais
Em todos os serviços CP Intercidades, InterRegionais e Regionais, é também possível usufruir de um desconto de 30% na viagem, mediante apresentação do bilhete Rock in Rio-Lisboa.

mytaxi
A aplicação para serviços de táxi, pretende oferecer uma forma de mobilidade simples e cómoda para os fãs se deslocarem de e para a Cidade do Rock. Basta descarregar a aplicação e sugere-se a reserva antecipada do serviço, selecionando os pontos de referência mytaxi disponíveis à volta do recinto. Haverá ainda táxis colectivos na cidade de Lisboa a preços fixos para deslocações até ao recinto e com partida deste.

BusUp
Através desta será possível escolher entre uma das rotas pré-definidas ou propor novas rotas que sejam mais convenientes. Uma nova forma de transporte coletivo, cómodo e sustentável.

Shuttle BusUp
A BusUp será, também, responsável pela operação do shuttle Rock in Rio-Lisboa com partidas em pontos estratégicos na envolvente da capital, nomeadamente Cascais Villa, Beloura Shopping, Oeiras Parque, Strada Outlet e Forum Montijo. Este transporte leva os fãs até à porta da Cidade do Rock por 12 euros (ida e volta), com partidas às 11h00, 14h00, 17h00 e 20h00, e regresso às 00h30, 01h00 e 02h30. 

Fertagus
Nos dias de Rock in Rio-Lisboa, a Fertagus vai disponibilizar um comboio com horários especiais da estação Roma-Areeiro e destino a Setúbal, efetuando paragens em todas as estações a partir do Pragal. As partidas estão marcadas para a 01h45 nos dias 23, 24 e 30 de junho, e para a 01h28 no dia 29 de junho. 
Além disso, ao apresentar bilhete para o festival na bilheteira da Fertagus, na compra de uma viagem ida e volta a Fertagus oferece o estacionamento.

Transtejo e Soflusa
As duas entidades irão operar os trajetos Cais do Sodré-Cacilhas (com o último barco a sair à 01h40) e Terreiro do Paço-Barreiro (com o último barco às 02h00).

Rede Expressos
Para quem reside fora de Lisboa, a Rede Expressos oferece mais de 250 pontos de partida nacionais em direção a Lisboa. Mediante a apresentação de bilhete Rock in Rio-Lisboa, os passageiros terão direito a 25% de desconto nas viagens nacionais. 

Abreu
A Agência irá transportar os fãs de Braga, Guimarães, Porto, Aveiro, Coimbra e Algarve. Por 79 euros é possível adquirir o pack Rock in Rio Express que inclui o bilhete para entrar na Cidade do Rock e transporte ida e volta para uma das cidades referidas.

Budget
A pensar nas famílias – público prioritário neste serviço -, os shutles Budget vão realizar o trajeto da Estação Roma-Areeiro até à Cidade do Rock.

Carris
A Carris irá assegurar vários trajetos que permitem a deslocação até ao recinto. Haverá autocarros a partir de quatro carreiras do lado de Chelas e três carreiras do lado da Av. Almirante Gago. A partir das 23h30, entra em funcionamento a Rede da Madrugada com o 208 a operar entre o Cais do Sodré e a Estação do Oriente.

Cityrama
A Cityrama oferece 25% de desconto para todos os portadores de bilhete Rock in Rio-Lisboa, no serviço de shuttle com partidas de Marquês de Pombal, Sete Rios e Cidade do Rock, nos seguintes horários: 12h00 – 20h00; 23h00 – 02h00. O preço é de 12,50 euros no local ou 10 euros se adquirido atempadamente. 

Eu Vou de Bicicleta
Em parceria com a Cofidis, o Rock In Rio disponibiliza um Bike Park para que todos os ciclistas possam deixar as suas bicicletas enquanto desfrutam do evento. 

Cooltra/eCooltra
Esta parceria contempla soluções com scooters elétricas, um pack de aluguer de mota exclusivo para os festivaleiros (um dia por 24,90 eurps ou por 2 dias por 49,90 euros, ambas as opções com capacete e top case incluídos), minutos grátis para aluguer através da eCooltra, estacionamento reservado para scooters do grupo Cooltra e apoio a toda a organização antes e durante o evento.
Publicado em Rock in Rio
O DJ e produtor inglês Evian Christ fazia parte do cartaz do Leeds Music Festival, no Reino Unido, tendo obviamente acesso à zona VIP e ao backstage do mesmo. Os seguranças que se encontravam no local viram Evian a entrar na área VIP e confundiram-no com um intruso. O artista foi imediatamente detido e ‘enjaulado’ atrás do palco da BBC Radio One, segundo a Vicious Magazine.
 
Evian queria apenas chamar um táxi depois de não encontrar o seu carro e acabou por ficar sem o passe especial de artista, que foi confiscado por um segurança, pois o nome que constava no mesmo era Joshua Leary, o verdadeiro. Após se manifestar nas redes sociais, o artista cancelou a sua atuação no Leeds Music Festival e no Festival Republic, cujos promotores são os mesmos, que não fizeram nenhum pedido de desculpas e ainda gozaram com a situação: construíram uma jaula com um cartaz que dizia ‘backstage pessoal’.
 
O DJ inglês enviou posteriormente dois e-mails à organização do festival mas não obteve resposta, segundo um comunicado oficial publicado na página de Facebook de Evian Christ. “Ninguém deve ser detido numa jaula por um empregado porque apenas não encontra o seu carro”, afirmou o artista.
 
O vídeo que Evian Christ postou na sua conta oficial de Twitter tornou-se viral na internet, de onde começaram a surgir vários ‘memes’ e a hashtag #FREEEVIAN foi Trending Topic na mesma rede social.

 

 
Publicado em Artistas
domingo, 19 abril 2015 00:26

Festival Vilar de Mouros regressa em 2016

O Festival de Vilar de Mouros vai regressar no Verão de 2016, organizado por um consórcio de empresas lideradas pela promotora Música no Coração, revelou esta sexta-feira o presidente da Câmara de Caminha, Miguel Alves.
 
"A edição de 2016 vai acontecer nos dias 26, 27 e 28 de Agosto, uma alteração de datas que nós entendemos fundamental para o seu sucesso, e vai acontecer numa parceira entre a Câmara Municipal, a Junta de Freguesia de Vilar de Mouros e um consórcio de três entidades distantes", afirmou o autarca.
 
Miguel Alves falava em conferência de imprensa para anunciar que o regresso de Vilar de Mouros em 2016 vai ser assegurado pela Dot Global, "uma empresa que está ligada a grandes festivais de música em Portugal, nomeadamente ao Rock in Rio", pela Metrónomo e pela promotora Música no Coração, de Luís Montez.
 
"É ele quem tem estado a conversar com a Câmara Municipal para encontrar todas as soluções inerentes à contratação de bandas e artistas", explicou o autarca. E anunciou que, este ano, o festival não se vai realizar - como entretanto tinha sido anunciado pela Junta de Freguesia de Vilar de Mouros - por "impreparação e incapacidade" da organização a cargo da Associação dos Amigos dos Autistas (AMA).
 
A primeira edição do festival Vilar de Mouros realizou-se em 1971, e contou com a presença do cantor Elton John e da banda Manfred Mann. Em 2007, a um mês da sua anunciada realização, o festival foi cancelado por dificuldades de entendimento entre os vários parceiros envolvidos na organização, e só voltaria a ser retomado em 2014.
 
Fonte: Público.
Publicado em Festivais
Sem margem para dúvidas o Tomorrowland é um dos maiores eventos de música eletrónica do mundo. A cada ano que passa, os mais mediáticos DJs visitam a cidade de Boom na Bélgica para fazer vibrar os milhares de festivaleiros que rumam até ao festival em busca do melhor fim-de-semana das suas vidas. Embora o recinto seja gigantesco, um evento desta magnitude não consegue comportar a lotação de todas as pessoas que desejam estar presentes. Foi por isso que no ano 2015 a organização decidiu criar o conceito "Unite With Tomorrowland", de forma a reunir em simultâneo o máximo de fãs do evento e que estes pudessem viver uma experiência similar ao festival, mas perto da sua casa. Nesse mesmo ano, o evento decorreu na Índia e no México e desde então tem percorrido os quatro cantos do mundo, como a Colômbia, Alemanha, Israel, Japão, Itália, Grécia, Espanha e agora a estreia em Portugal - confirmado no dia de hoje.

A notícia da estreia em terras lusas deixou os festivaleiros em êxtase, no entanto importa ter em conta que o Tomorrowland Unite que vai acontecer no próximo dia 27 de julho no Parque Oriental da cidade do Porto não é o Tomorrowland que estamos acostumados a ver na Bélgica. Porém, existem semelhanças e todo o conceito é inspirado no evento principal que este ano comemora 15 anos de existência e se realiza nos dias 19, 20 e 21 e 26, 27 e 28 de julho

O Palco
Todos os anos o festival Tomorrowland tem um tema. É a partir desse tema que é construída toda a estrutura do evento, que vai desde a decoração, ao cenário, performances, etc. O palco principal não é exceção, e é aí que se centram todas as atenções. Enquanto que no Tomorrowland existem vários palcos, no Tomorrowland Unite apenas existe um que será ocupado por vários DJs e por uma vasta panóplia de logística repleta de efeitos especiais e multimédia. Este ano o tema do festival belga será "The Book of Wisdom" (o livro da sabedoria), que já foi apresentado em 2012 e também no Tomorrowland Brasil, em 2015. 
 

Para ler também: 



Os Artistas
Embora ainda não tenham sido divulgados, os artistas que compõem o Tomorrowland Unite, serão na sua maioria DJs que atuam no evento na Bélgica e também artistas locais. No ano passado em Barcelona, além das transmissões (de Armin van Buuren; Afrojack e Dimitri Vegas & Like Mike) que foram apresentadas no ecrã gigante com imagens em direto da Bélgica, subiram ao palco os DJs Steve Angello, Steve Aoki, Galantis, Quintino, Yves V, Kungs, Albert Neve e Abel Ramos, Albert Gonzalez, Ofenbach e os Double Pleasure.

Os Bilhetes
O bilhete para um dia de Tomorrowland na Bélgica custa cerca de 100 euros. No Tomorrowland Unite os preços são mais baixos e a organização aconselha que todos os interessados se registem no site oficial até ao próximo dia 15 de abril de forma a garantirem a sua presença a um preço mais económico. Os valores ainda não foram divulgados mas haverá vários preços.

A Festa
Por último e não menos importante, é o que vai acontecer no Parque Oriental do Porto, magnífico anfiteatro natural, em parte semelhante ao recinto do Tomorrowland na Bélgica. A festa começará a partir das quatro da tarde e decorre em simultâneo em cinco locais distintos: Atenas, Malta, Barcelona, Porto e no seu berço, a Bélgica. Muito mais que um evento de música eletrónica, o Tomorrowland Unite é uma sincronização de sentimentos em torno do maior festival do mundo que nos permite ter uma experiência interativa e única, quer seja sozinhos ou rodeado de amigos.

Publicado em Tomorrowland
Pág. 1 de 12