01-04-2020

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A maior e mais conceituada plataforma de venda de música on-line - Beatport - apresentou o top das faixas, artistas e géneros musicais que mais vendas registaram no decorrer deste ano, incidindo num período de tempo entre os dias 1 de janeiro e 1 de dezembro.
 
No que diz respeito às faixas mais vendidas, o top 20 é liderado pela melodiosa "Pushing On" produzida por Oliver $ e Jimi Jules. A "ganhar" sai também a editora Spinnin que possui sete faixas nesta lista. 
 
No top dos 20 artistas Martin Garrix afia as suas garras num redondo número 1, estando o seu vizinho e colega Hardwell a ocupar a segunda posição. Oliver Heldens fecha assim as primeiras três posições lideradas pela laranja mecânica - um verdadeiro caso holandês.
 
O Top dos géneros musicais mais vendidos, é liderado - pelo segundo ano consecutivo - pelo Deep House que cada vez mais tem sido abraçado pelos clubes e principalmente pelo público. O Minimal aparece em último lugar. 
 
Confere os gráficos em baixo.
 
 
 
 
Publicado em Mix
quinta, 05 fevereiro 2015 23:27

Mega Hits estreia nova grelha de programação

 

A rádio portuguesa Mega Hits acaba de estrear a sua nova grelha de programação, sempre com o objetivo de melhorar o seu trabalho e evoluir.
 
As “Mega Manhãs” são agora apresentadas por Daniel Fontoura e Catarina Figueiredo, das 7 às 11 horas. A rádio mais jovem do Grupo Renascença Comunicação Multimédia adicionou também Paulo Pereira no programa “A Tarde”, com Filipa Galrão e Rui Maria Pêgo, das 16 às 20 horas.
 
Para Nelson Cunha, diretor da estação e novo cronista do Portal 100% DJ, “o reajustamento da grelha da Mega Hits está relacionado com os hábitos de escuta e interação do target da estação”, a camada mais jovem.
 
Para o futuro, a rádio portuguesa promete um novo website e outras novidades que irão ser reveladas em breve.
 
Publicado em Marcas
A dupla portuguesa Alpha Heroes acaba de lançar um novo single, intitulado de “Use My Body”, em colaboração com Derezon (DJ Oficial e internacional da Swag On) e a cantora Mickey Shiloh.
 
O tema já está disponível em todas as plataformas digitais e é transmitido em várias rádios nacionais. O videoclip pode ser visualizado no Youtube, cujas filmagens foram realizadas no Algarve.
 
Depois de várias datas durante o verão, a dupla portuguesa prepara-se agora para pisar o palco da Festa do Caloiro ISCPSiano, no Instituto Superior Ciências Políticas e Sociais.
 
Publicado em Música
O YouTube pode deixar de ser apenas uma plataforma de vídeos online para passar a ser também um serviço de música por subscrição por streaming. De acordo com as informações apuradas o novo serviço do YouTube vai funcionar de maneira muito semelhante ao Spotify, mas terá os vídeos como fator "extra". 
 
A revelação é feita pela Billboard que cita inúmeras fontes próximas ao desenvolvimento do projeto. O projeto deve ser lançado ainda antes do final do ano e vai ficar disponível em duas modalidades - uma gratuita onde os utilizadores têm que conviver com anúncios, e outra paga que garante acesso a uma lista "ilimitada" de faixas musicais. 
 
O valor do serviço pago pode ascender aos 9,99 dólares - cerca de 7,25 euros - e vai também garantir acesso a músicas em formato offline. O principal foco do novo serviço do YouTube vai ser o segmento mobile, uma área onde as restantes propostas de mercado são mais "curtas". 
 
Entretanto surgiram ainda outros rumores de que a aplicação do YouTube está prestes a evoluir, por forma a permitir a reprodução de conteúdos em segundo plano - uma funcionalidade que daria jeito para a ferramenta de streaming. 
 
De acordo com as mesmas fontes um serviço de música por subscrição com componente de vídeo integrada não seria visto como um substituto direto do All Access da Google, e podia até ser a ferramenta de preferência para novas plataformas como os Google Glass.
 
Fonte: Sapo Tek.
 
Publicado em Mix
Um estudo levado a cabo pelo Instituto de Cardiologia da Universidade de Nis, na Sérvia, revela que ouvir música faz bem ao coração. Segundo os investigadores, ouvir música fortalece o coração e ajuda à recuperação dos doentes com problemas cardíacos.
 
As conclusões dão conta de que as sensações sentidas, ao ouvir os nossos temas e melodias preferidos, são benéficas à saúde do coração. 
 
Nos ensaios, os 74 pacientes em análise, com problemas cardíacos, foram divididos em três grupos: um para ter aulas de exercício físico durante três semanas, outro para ter as mesmas aulas mas também ouvir música à sua escolha, a qualquer altura do dia, durante 30 minutos, e um último que só ouvia música, sem fazer os exercícios cardio, ao contrário daquilo que é habitualmente prescrito aos doentes com este tipo de patologias.
 
No final, aqueles que ouviram música e levaram a cabo o plano de exercícios cardio revelaram significativas melhorias a nível do funcionamento do coração, com a aptidão física a registar uma evolução de 39%.  
 
O grupo que só praticou exercícios aeróbicos revelou uma melhoria de 29% nas suas capacidades físicas e aquele que não fez qualquer tipo de atividade, para além de ouvir as suas músicas preferidas durante uma hora e meia por dia, deu, mesmo assim, provas de 19% de evolução a nível cardíaco.
 
Os resultados foram apresentados no congresso anual da Sociedade Europeia de Cardiologia e dão conta da libertação de hormonas chave para o bom funcionamento do sistema cardiovascular. Em comunicado, Delijanin Ilic, líder da investigação, explica que "quando ouvimos música, o nosso cérebro liberta endorfinas que melhoram o desempenho do nosso coração". 
 
"Não há nenhuma música que seja a 'melhor' para se ouvir. O que interessa é aquilo que a pessoa gosta e a faz feliz", acrescenta a especialista. Embora os ensaios tenham sido feitos apenas com pacientes com problemas cardíacos, Ilic acredita que os resultados são aplicáveis a uma população muito mais abrangente.
 
 
Publicado em Mix
Cerca de 40% dos portugueses com idades entre os 20 e os 39 anos considera a música um dos principais fatores que influenciam a escolha do seu destino de férias, revela o Relatório Global de Tendências de Consumo sobre Música e Viagens da eDreams, a maior agência de viagens online da Europa.

Este novo relatório indica que 25% dos portugueses com idades entre os 20 e os 29 anos tem na música um dos fatores que mais pesa na escolha do destino para férias, situação que influencia também 15% dos utilizadores com idades entre os 30 e os 39 anos e em 14% dos cidadãos portugueses entre os 40 e os 49 anos.

Já entre os chamados Baby Boomers (com idades dos 50 aos 59 anos) apenas 10% dos inquiridos admitiram ser influenciados pela música na hora de escolher o destino de férias.

Em média, a música é um fator de influência na escolha do destino de férias para 16,3% dos portugueses, com as cidades de Beja e de Viseu a surgirem no topo dos locais com mais preocupações a este nível - 33% e 29%, respetivamente.

O estudo da eDreams indica que os portugueses demonstram gostar de viajar para assistir a concertos ou festivais. Cerca de 15% já viajou para outro país especialmente para assistir a um concerto da sua banda/artista preferidos, enquanto 40% dos inquiridos - a maior percentagem entre todos os cidadãos dos países europeus que participaram neste estudo – admitiu que viajaria para um país diferente para assistir a um concerto da sua artista/ banda preferida caso o preço dos bilhetes, dos voos e do hotel tivessem valores semelhantes aos praticados no seu próprio país ou cidade.

Música local serve de inspiração
Questionados sobre o estilo de música que mais os inspira a viajar, os portugueses elegem claramente o Samba (38%), o Reggae da Jamaica (36%) e o Jazz de Nova Orleães (33%) como principais referências musicais, estilos que agradam a todos os escalões etários em diferentes doses.

O Samba recolhe a maioria das preferências nos maiores de 60 anos (53%) e nos portugueses entre os 40-49 anos (38%), enquanto o Reggae é o estilo preferido por 43% dos inquiridos com mais de 60 anos e por 38% dos portugueses entre os 40 e os 49 anos; o Jazz cativa sobretudo as faixas etárias entre os 30-39 anos (36%) e os portugueses com mais de 60 anos (38%).

O estudo analisou também os hábitos de consumo musical dos portugueses quando estão em férias, concluindo que 53% dos inquiridos consome o mesmo tipo de música em férias daquela que ouve em casa no resto do ano.

No entanto, 33% gostam de ouvir música e artistas locais quando estão de férias e sempre que possível procuram conhecer a música dos locais para onde vão viajar (10%) ou, em alternativa, guardam músicas locais para ouvir depois das férias (17%).

Neste contexto 27% dos portugueses tem tendência para ouvir música mais calma/relaxante quando está de férias, comparando com o tipo de música que ouve durante o resto do ano.
Publicado em Mix
Após a divulgação do seu mais recente single “On My Way”, o DJ e produtor Tiësto acaba de lançar o videoclip oficial da música, que conta com a colaboração da dupla Bright Sparks.
 
A história do videoclip acompanha a viagem de vários Youtubers internacionas como RCLBeauty101, Werevertumorro, Dagi Bee, HIKAKIN & SEIKIN, The Royal Stampede e LubaTV a Las Vegas, para comemorar o aniversário de Tiësto na discoteca Hakkasan.
 
Esta é a primeira produção original de Tiësto lançada em 2017, num ano que promete ser, mais uma vez, um êxito. O artista holandês tem presença confirmada em Portugal na próxima edição do RFM SOMNII – O Maior Sunset de Sempre, no dia 9 de julho na Figueira da Foz.
 
Para o resto do ano, o artista promete lançar mais músicas e vídeos, além da sua habitual digressão mundial.
 
{youtube}7KW_5P1fkws{/youtube}
Publicado em Música
quarta, 14 março 2012 19:21

Pete Tha Zouk lança 'Learn To Love'

É editado hoje o novo single “Learn To Love - L2♥” de Pete Tha Zouk em parceria com a DJ e cantora Britânica, Rae. O tema, que estará em exclusivo no site Beatport – até dia 28 deste mês, tem uma sonoridade house vocal bem ao estilo a que o DJ Português já habituou os seus largos milhares de fãs.

“Learn To Love - L2♥” conta novamente com um videoclip da autoria do cineasta Leonel Vieira, que já tinha realizado o videoclip de “I’m Back Again”, e que desta forma solidifica uma parceria criativa entre o premiado cineasta e o reconhecido DJ.
O videoclip foi integralmente filmado em Hollywood/Los Angeles no passado mês de Dezembro. Sobre este trabalho, que se destaca por explorar uma via estética pouco comum no universo dos videoclips de DJ's, Leonel Vieira afirma: "Tinha vontade de experimentar esta linguagem, explorar aquele universo que só Los Angeles tem, e fazer isso através de duas personagens, ao estilo David Lynch." O videoclip já está no YouTube e contabilizou milhares de visualizações em poucos dias.

De recordar que Pete Tha Zouk foi distinguido como o 37º DJ mundial através do DJ Mag Top100, a listagem que serve de referência à indústria da música electrónica a nível mundial, e também que é um dos artistas Portugueses que mais fãs conquistou na maior rede social mundial, o Facebook, onde cerca de 189 mil pessoas seguem diariamente os seus passos: www.facebook.com/djpetethazouk.

“Learn To Love - L2♥” é uma edição da editora Vidisco e a partir de 28 de Março estará disponível em todas as lojas online.
 
 
Publicado em Música
Em média o utilizador português do Spotify Premium gasta 82 euros por ano, enquanto o utilizador do iTunes gasta 29 euros em música, quase três vezes menos. Quem o diz é o próprio Spotify que comemorou no passado dia 12 de fevereiro um ano de vida em Portugal. Os números provam que o serviço de música por streaming conseguiu cativar os lusitanos. 
 
Mesmo sem dados para revelar sobre quantos utilizadores tem no mercado português e quantos desses subscrevem o modelo Premium, não deixa de ser relevante a maior dedicação que os utilizadores do Spotify têm relativamente a um serviço com maior tradição no mercado português. 
 
Mas o primeiro ano de vida não fica imaculado. Tal como tem feito noutros países, ao fim de seis meses a empresa restringiu o acesso ilimitado à música, algo que deixou na altura os utilizadores insatisfeitos. Mas mais tarde o Spotify viria a transformar a sua estratégia, sobretudo no segmento mobile, além de ter apostado em novos serviços. 
 
O Spotify revela que o utilizador português caracteriza-se por gastar parte dos rendimentos em tecnologia, por adotar com facilidade novas tendências tecnológicas e por ser um sujeito ativo em mais do que uma rede social. 
 
Neste primeiro ano de vida os portugueses que usaram o Spotify ouviram o equivalente a 2.100 anos de música, cerca de 19 milhões de horas de faixas, tendo para isso contribuído as 3,4 milhões de playlists criadas. 
 
De acordo com uma infografia partilhada pela empresa, Justin Timberlake e John Legend lideram a lista dos artistas mais populares em território nacional, enquanto Pedro Abrunhosa e Ornatos Violeta são os artistas nacionais mais ouvidos.
 
Publicado em Mix
No trabalho, em casa e no carro, estas são para consumo obrigatório e, de preferência o volume tem de estar máximo. Play!
Boa semana ao ritmo da melhor música, com o Portal 100% DJ!
(Se algum player não aparecer, faz refresh, clica em F5)
 
 
2
 
3
 
4
 
5
 
6
 
7
 
8
 
9
 
10
 
Publicado em Mix
Pág. 1 de 10
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.