20-05-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A icónica discoteca lisboeta Lux Frágil voltou a entrar no Top 100 dos melhores clubs do mundo, divulgado hoje pela revista britânica DJ Mag. O espaço de referência na noite nacional subiu uma posição relativamente ao ano passado e ocupa agora a número 82.

A liderar a listagem e pela quarta vez está a discoteca brasileira Green Valley. "É muito importante para nós o reconhecimento do público e da crítica especializada. Esta colocação no ranking é a consolidação de um trabalho constante de renovação e esforço para nos mantermos entre os melhores mesmo com os problemas económicos do país", afirmou Eduardo Phillips, sócio-gerente da discoteca de Camboriú que este ano comemora 11 anos de existência.

O segundo lugar é ocupado pela Echostage localizada em Washington e o terceiro pelo conhecido Ushuaia de Ibiza que desceu uma posição em relação a 2018. Confere aqui a listagem completa.
Publicado em Nightlife

 

A discoteca portuguesa Lux, em Lisboa, foi considerada um dos melhores clubs do mundo, segundo a revista britânica DJ Mag, ficando colocada em 93º lugar. Em 2009 alcançou a posição nº 96, na mesma tabela.
 
No topo do Top 100 ficou o club brasileiro Green Valley, pela segunda vez, seguindo-se de do Space, em Ibiza e Hakkasan em Las Vegas.
 
Os melhores clubs do mundo foram escolhidos pelo público, através de uma votação online, no site oficial da DJ Mag.
 
Confere abaixo a lista completa da DJ Mag:
 
  • 1 – Green Valley (Brasil) + 1
  • 2 – Space Ibiza (Espanha) - 1
  • 3 – Hakkasan (Estados Unidos da América) + 7
  • 4 – Pacha Ibiza (Espanha) - 1
  • 5 – Amnesia (Espanha) + 1
  • 6 – Octagon (Coreia do Sul) + 3
  • 7 – Zouk (Singapura) =
  • 8 – BCM (Espanha) - 3
  • 9 – Ushuaia (Espanha) + 2
  • 10 – Sirena (Brasil) - 2
  • 11 – Ministry of Sound (Reino Unido) + 1
  • 12 – The Warehouse Project (Reino Unido) reentrada
  • 13 – Berghain/Panorama Bar (Alemanha) + 1
  • 14 – DC10 (Espanha) + 2
  • 15 – Fabric (Reino Unido) - 11
  • 16 – Cocorio (Itália) + 2
  • 17 – Paradise Club (Grécia) + 3
  • 18 – Echostage (Estados Unidos da América) + 1
  • 19 – Anzu (Brasil) + 2
  • 20 – Papaya (Croácia) + 3
  • 21 – LiFE (Estados Unidos da América) nova entrada
  • 22 – Bootshaus (Alemanha) + 10
  • 23 – Cavo Paradiso (Grécia) + 1
  • 24 – Motion (Reino Unido) + 5
  • 25 – DRAI’S (Estados Unidos da América) reentrada
  • 26 – Warung (Brasil) – 6
  • 27 – Marquee Nightclub & Dayclub (Estados Unidos da América) + 12
  • 28 – Yalta (Bulgária) -1
  • 29 – Guaba Beach Bar (Chipre) - 16
  • 30 – Trouw (Holanda) - 3
  • 31 – Sankeys Ibiza (Espanha) – 3
  • 32 – Surrender/Encore (Estados Unidos da América) + 5
  • 33 – Air Amsterdam (Holanda) – 3
  • 34 – Sky Room (Brasil) + 5
  • 35 – Digital Newcastle (Reino Unido) + 9
  • 36 – Arma17 (Rússia) + 57
  • 37 – Noa Beach Club (Croácia) nova entrada
  • 38 – Zouk KL (Malásia) + 14
  • 39 – Duel: Beat (Itália) + 7
  • 40 – Exchange LA (Estados Unidos da América) + 19
  • 41 – Matahari (Brasil) + 6
  • 42 – Elrow (Espanha) reentrada
  • 43 – Baum (Colômbia) nova entrada
  • 44 – Altromondo Studios (Itália) nova entrada
  • 45 – Avalon Hollywood (Estados Unidos da América) – 5
  • 46 – Club Space Miami (Estados Unidos da América) – 4
  • 47 – El Fortin (Brasil) nova entrada
  • 48 – Womb (Japão) + 1
  • 49 – Guendalina (Itália) + 8
  • 50 – Warehouse Leeds (Reino Unido) + 6
  • 51 – Fabrik (Espanha) – 29
  • 52 – New City Gas (Canadá) + 2
  • 53 – Aquarius (Croácia) + 29
  • 54 – Studio 80 (Holanda) – 6
  • 55 – Light Nightclub (Estados Unidos da América) + 5
  • 56 – Cacao Beach (Bulgária) + 21
  • 57 – D-Edge (Brasil) – 15
  • 58 – Mansion (Estados Unidos da América) + 8
  • 59 – Output (Estados Unidos da América) reentrada
  • 60 – Privilege Ibiza (Espanha) – 27
  • 61 – Pacha NY (Estados Unidos da América) – 30
  • 62 – Control (Reino Unido) + 7
  • 63 – Stealth (Reino Unido) + 2
  • 64 – Versuz (Bélgica) nova entrada
  • 65 – Rex Club (França) + 23
  • 66 – Cielo (Estados Unidos da América) + 15
  • 67 – Sub Club (Escócia) – 22
  • 68 – Watergate (Alemanha) – 17
  • 69 – The Guvernment (Canadá) – 31
  • 70 – Egg LDN (Reino Unido) + 29
  • 71 – Sankeys MCR (Reino Unido) reentrada
  • 72 – Fuse SG (Vietname) nova entrada
  • 73 – Mint Club (Reino Unido) + 2
  • 74 – Lost Beach Club (Equador) nova entrada
  • 75 – Valkyrie Club (Filipinas) nova entrada
  • 76 – Danghai Club (Brasil) nova entrada
  • 77 – La Huaka (Peru) reentrada
  • 78 – Foundation Nightclub (Estados Unidos da América) – 6
  • 79 – Beta Waterloo (Canadá) – 6
  • 80 – Corsica Studios (Reino Unido) + 6
  • 81 – Concrete (França) nova entrada
  • 82 – Xoyo (Reino Unido) + 15
  • 83 – Robert Johnson (Alemanha) – 9
  • 84 – Castle Club (Chipre) – 41
  • 85 – Space Sharm (Egipto) – 49
  • 86 – Revelin (Croácia) nova entrada
  • 87 – Tresor (Alemanha) + 5
  • 88 – E11even (Estados Unidos da América) nova entrada
  • 89 – Teatro Amador (Panamá) nova entrada
  • 90 – The Arches (Escócia) – 10
  • 91 – Kitty SU (Índia) + 4
  • 92 – The Mid (Estados Unidos da América) – 34
  • 93 – Lux (Portugal) reentrada
  • 94 – Spartacus Club (França) reentrada
  • 95 – LIV (Estados Unidos da América) – 33
  • 96 – Velvet (Paraguai) nova entrada
  • 97 – Loft Metropolis (França) nova entrada
  • 98 – Myst Shanghai (China) nova entrada
  • 99 – Tenax (Itália) reentrada
  • 100 – The Rainbow Venues (Reino Unido) – 10
 
Publicado em Nightlife
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.