18-07-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

sexta, 26 junho 2009 23:26

Portimão capital da folia

Portimão, no Algarve, vai ter um Julho animado com o mega evento: Carnaval da Bahia 2009.
Irá recriar os carnavais da Bahia e agitar a cidade entre 24 e 26 de Julho, ao som de Daniela Mercury, Netinho e Carlinhos Brown, nomes já confirmados.

Trios eléctricos, blocos e afoxés, que caracterizam o Carnaval baiano, vão também marcar presença neste evento que contará com cerca de 200 mil pessoas.

O Local será a fantástica zona ribeirinha de Portimão e os bilhetes serão de 12€ para um dia, e 30€ para os três dias do evento.

Estão já marcadas festas de apresentação do evento para a Twins em Lisboa (Hoje, Sexta 26), Twins no Porto, Praxis em Évora, Capítulo V em Albufeira e no NoSolo Água em Portimão.  

Toda a informação estará brevemente em: www.carnavaldabahia.pt
Publicado em Eventos
O DJ e produtor José Padilla, conhecido pelas famosas coletâneas do Café del Mar em Ibiza, está de regresso a Portugal para uma atuação única no Algarve, durante o pôr do sol.
 
A Pool Sunset Full Moon vai acontecer na Piscina Atlântica da Prainha no próximo dia 17 de agosto, das 19h00 às 24h00. José Padilla vai celebrar a lua cheia de agosto em Portugal, depois de mais de 40 anos de experiência na área da música eletrónica e uma nomeação para um Grammy latino.
 
Para viveres este sunset único com sonoridades de chill out, podes adquirir os bilhetes no dia e no local do evento.
 
{youtube}OHPBIDJWL5k{/youtube}
Publicado em Artistas
A notícia da vinda do The BPM Festival para Portugal foi bem recebida e a organização acaba de revelar agora o local e datas escolhidas. O prestigiado evento de música eletrónica vai decorrer na Praia da Rocha, em Portimão, entre os dias 14 e 17 de setembro.
 
Esta expansão do festival aconteceu durante as celebrações do décimo aniversário do evento, que aconteceu no passado mês de janeiro na Playa del Carmen, no México. Até ao momento ainda não existem artistas confirmados para a edição portuguesa do The BPM Festival, mas são esperadas novas informações em breve.
 
Carl Cox, Marco Carola, Roger Sanchez, Erick Morrilo e Paco Osuna são alguns dos artistas que passaram pela última edição mexicana do festival.
 
Os bilhetes já se encontram à venda no site oficial do festival a um preço de 125 euros.

 

 
Publicado em Eventos
De 14 a 17 de setembro, as cidades algarvias de Portimão e Lagoa preparam-se para receber um dos maiores e mais prestigiado festival de música eletrónica internacional: The BPM Festival. A organização divulgou recentemente os primeiros nomes confirmados.
 
A edição portuguesa do festival vai contar com a presença de Alan Fitzpatrick, Butch, Carl Craig, Chus & Ceballos, Dubfire, Hot Since 82, Jamie Jones, Loco Dice, Nicole Moudaber, Richie Hawtin, Seth Troxler, Steve Lawler, entre muitos outros.
 
Esta vai ser a primeira vez que o evento chega à Europa e promete ser um sucesso, com o objetivo de reunir promotores, produtores, artistas, músicos e profissionais da área juntamente com o público que pretende assistir aos espetáculos.
 
A primeira remessa de bilhetes já está esgotada, sendo 80% das vendas para público estrangeiro. Através da Ticketline podes adquirir a tua entrada a um preço de 170 euros.
 
{youtube}ccjlURIZmuU{/youtube}
Publicado em Festivais
A festa prometia ser épica e assim foi. O Nosolo Água de Portimão recebeu no passado sábado, último dia de julho, a Carlsberg Where’s The Party com Blasterjaxx, Joe Stone, LOVRA, Eddie Ferrer, Club Banditz, Christian F e Joana Perez no line up.
 
Com o clima quente algarvio e num ambiente de festa, a praia de Portimão começou a encher durante a tarde, com pessoas a dançar ao som dos hits da música eletrónica do momento. Joana Perez, Eddie Ferrer e os internacionais LOVRA e Joe Stone ficaram encarregados do sunset mais épico do ano, cujo número de participantes foi aumentando ao longo do dia, numa pista de dança com o pé na areia e a poucos metros do mar.
 
Os Club Banditz subiram ao palco do Nosolo Água cheios de energia, a mostrar o seu talento e técnica. Com um espetáculo visual também composto por ecrãs LED, CO2, lasers e fogo, o set da dupla foi um verdadeiro sucesso para o público presente que vibrou do princípio ao fim.
 
O momento mais esperado da noite estava a chegar: Blasterjaxx. Agora apenas com a atuação a solo de Thom, cujo artista que apresentou um set repleto de bootlegs de músicas muito conhecidas do público, principalmente dos portugueses, com a introdução de temas de Regula e Buraka Som Sistema.
 
Os Blasterjaxx têm apoiado os jovens talentos da música eletrónica portuguesa e naquela noite não foi exceção. Além de reproduzir temas dos KEVU, Thom convidou a dupla portuguesa para subir ao palco e apresentar a sua mais recente produção, um bootleg de “Final Countdown”.
 
Agradecido ao público português, Thom subiu à cabine exibindo a bandeira nacional com orgulho, um momento apreciado pelo público e muito aplaudido.
 
A fechar a noite em grande, Christian F, uma vez mais, voltou a pôr o público ao rubro com grandes êxitos  e clássicos nacionais e internacionais, no meio de vários lasers que contagiaram o público até ao final da festa.

 

Publicado em Reportagens
Conhecido por todos pela sua irreverência e pela paixão pelo radical, Pete Tha Zouk pretende esta quinta-feira, surpreender tudo e todos.
Habituado a voar de cidade para cidade, e até mesmo de país para país, Tha Zouk eleva agora a fasquia e pretende sair literalmente do avião pelo próprio pé. O ponto de aterragem vai ser no conhecido NoSolo Água em Vilamoura.

"Este foi o melhor sunset da minha vida!" foi assim que no ano passado, o DJ português com sangue algarvio, descreveu aquela que ficou para a história de todo o Algarve e arredores como a maior enchente de sempre na Praia da Falésia, em Vilamoura – poder-se-á falar numa lotação esgotadíssima.

No mesmo espaço, em 2011, Pete Tha Zouk arrasou logo na sua chegada num magnífico Ferrari, ladeado de deusas vindas da Falésia. Nesse mesmo sunset, apresentou – e bem - a sua ‘Infinity Tour’.
Este ano, pretende repetir a proeza de uma entrada apoteótica. Desta vez não virá da terra, mas do céu, onde irá saltar de pára-quedas e receber de braços abertos, aquela que se espera a segunda maior enchente em solo algarvio.

Neste momento o seu fiel público aguarda a todo o momento o lançamento de ‘We Are Tomorrow’ – produzida em conjunto com o promissor Deepblue. O videoclip foi recentemente gravado no Festival Sudoeste. Prevê-se que seja uma música altamente viciante inapropriada para pessoas que sofram de problemas cardíacos.
 
Publicado em Eventos
O Clube Praia Verde, situado no concelho de Castro Marim, está preparado para abrir as suas portas para um verão em grande este sábado, dia 23 de julho com DJ Gipsy e Mr Sax C.
 
Este espaço, pertencente ao Grupo Infante, pretende marcar a diferença nos próximos meses, com uma temática dedicada ao continente europeu e à comemoração dos 30 anos da entrada de Portugal na União Europeia.
 
Na totalidade serão 12 festas com vários DJs convidados, com grandes destaque para a presença de DJ Kamala no dia 18 de agosto, na festa da Red Bull. O Clube Praia Verde é um dos melhores espaços de diversão noturna do sotavento algarvio, com um ambiente descontraído e uma vista única para a praia.
 
Confere abaixo o cartaz completo para este verão:
 
  • 23 de julho (abertura) – DJ Gipsy e Mr Sax C
  • 29 de julho – DJ João Garcia e DJ Dhanny
  • 30 de julho – Vasco Dantas
  • 4 de agosto – DJ Castella
  • 5 de agosto – Garfield VS Nardo
  • 6 de agosto – 80’s by DJ Huguinho The King
  • 11 de agosto – DJ João Garcia
  • 12 de agosto – DJ Dhanny e DJ João Garcia
  • 13 de agosto – DJ Gipsy
  • 18 de agosto – DJ Moreno e DJ Kamala
  • 19 de agosto – DJ Moreno e DJ Nuno Garcia
  • 20 de agosto – DJ Nuno Garcia e DJ Garfield

 

{youtube}j4Nn3jOVHbY{/youtube}

Publicado em Nightlife
Após duas atuações explosivas nos festivais EDP Beach Party e no Dancefloor, Carnage está de volta a Portugal ainda durante esta semana. Desta vez, o palco será o Blanco Beach Club, em Portimão, na próxima sexta-feira, dia 3 de agosto.
 
Os fãs de Carnage vão poder assistir à sua atuação num local cheio de glamour, com o habitual calor do verão algarvio, em modo sunset party das 17h00 às 21h00. A piscina estará aberta das 11h00 às 21h00.
 
O Blanco Beach Club reabriu no passado dia 28 de julho e esta semana conta com Bruno Pacheco, Jey V, Olga Ryazanova e ainda uma festa oficial do canal televisivo Fox.
 
Publicado em Eventos
segunda, 24 dezembro 2012 17:54

Olhão vai dar nas vistas

Olhão celebra a passagem-de-ano de 2012 para 2013 com quatro noites de muita animação. O programa, de iniciativa privada, que foi apresentado a semana passada à Imprensa e inclui a presença de vários DJs que darão muita e boa música aos que quiserem participar num reveillon diferente na Marina de Olhão.

"Este ano temos o maior reveillon do Algarve em Olhão", garantiu ontem a produtora da festa deste ano na cidade cubista, Maya. A empresária e conhecida comunicadora juntou a sua empresa à CR20, do olhanense Carlos Rosário, aceitando o desafio para produzir uma festa diferente com quatro noites muito animadas.

"São quatro dias de evento, o que é arrojado, porque significa mais investimento, mas decidimos arriscar. Assim potenciamos o fim-de-semana e as pessoas começam a chegar mais cedo a Olhão, onde podem ir às compras, aos restaurantes, etc.", referiu Maya durante a conferência de imprensa de apresentação da passagem-de-ano olhanense, justificando que "esta festa não tem o objetivo de prejudicar os locais, muito pelo contrário, acreditamos que com as pessoas que vêm de fora a cidade vai ter muito mais movimento e os comerciantes vão vender mais".

O organizador do evento, Carlos Rosário, defendeu o mesmo, revelando que "a maior parte dos restaurantes da baixa de Olhão, que normalmente costumam fechar na noite de 31 de dezembro, este ano vão estar abertos e já com muitas reservas. Todos ganhamos!", disse o empresário, que garantiu que este é um investimento exclusivamente privado, de sua iniciativa, e que implica um investimento de 75 a 80 mil euros.
"Quis arriscar na minha terra, mas não podia estar sozinho, por isso rodeei-me dos melhores parceiros, entre eles a Maya Eventos, a quem cabe a produção, e a Especial 1, que fará a segurança. Procurámos ainda a parceria da empresa municipal Mercados de Olhão, que nos cede gratuitamente o espaço onde decorre a festa, junto ao Jardim Pescador Olhanense", referiu o empresário.
 
A festa de Olhão terá uma noite dedicada à solidariedade, cuja instituição beneficiada será a ACASO. Como referiu Carlos Rosário, "uma percentagem (cerca de 20%) das receitas de bilheteira da noite de domingo, dia 30, reverterá para a instituição olhanense, que apoia os que mais precisam. A participação da ACASO é unicamente como beneficiária desta festa".
 
A festa começa a 28 de dezembro, com a presença do projeto Smash, do sotavento algarvio, segue-se a 29 Eddie Ferrer, a 30 é a vez do algarvio Deelight e a 31, o DJ nacional, Pedro Tabuada, anima as hostes, noite em que também marcam presença Daniela P., Filipa Castro e Maya. Super Mário será o DJ residente.

Os acessos ao recinto da festa podem ser feitos de várias formas: através de entradas diárias (dias 28 e 29: 10€ com direito a 1 bebida; dia 30: 5€ com direito a 1 bebida e dia 31: 15€ com direito a 1 bebida)

Haverá ainda pulseiras All Days (todos os dias) que custam 25€ com direito a 1 bebida por cada dia e All Days VIP que custam 55€ com direito a 1 bebida cada dia e jantar na noite de 31. O jantar de dia 31 decorre na área VIP do recinto e será um buffet com mesas de apoio. Este jantar está limitado a 100 pessoas. Também é possível adquirir entrada só para dia 31 com direito a jantar e custa 45€. Os acessos podem ser adquiridos antecipadamente junto dos promotores do evento.
Publicado em Eventos

Momentos antes de entrar em palco, falámos com Thom, membro dos Blasterjaxx que atualmente se apresenta ao público a representar a dupla. A entrevista aconteceu em Agosto passado nos bastidores da Carlsberg Where’s The Party em Portimão. Entre os temas da conversa estiveram os portugueses KEVU, os novos talentos da música eletrónica, o nosso país e a mudança de carreira, quando Idir decidiu afastar-se dos palcos.

 
Conta-nos a vossa ligação com os KEVU.
Eles enviaram-nos algumas faixas, eu ouvi e pensei: “isto é mesmo bom”. Começámos a tocá-las e o público realmente gostou. É muito parecido ao nosso estilo, mas soa de maneira diferente. Definitivamente têm um estilo único. Depois aproximámo-nos mais, e falámos com eles: “malta, nós temos aqui algumas faixas mas temos o tempo muito limitado, conseguem fazem alguns bons bootlegs? Gostávamos de os tocar nos nossos set’s. Vamos ver o que vocês nos conseguem arranjar”. Eles fizeram-no e muito bem! A partir daí, julgo que reproduzo sempre três ou quatro faixas dos KEVU nos nossos espetáculos.
 
Já pensaram em trabalhar com outros artistas portugueses?
Penso que os KEVU são o maior talento português da atualidade. Por isso, é com eles que queremos trabalhar.
 
Que outros DJs portugueses já ouviram falar?
Kura e Energy System.
 
Consideras importante promover e divulgar novos talentos?
Por vezes o cenário da música eletrónica fica estagnado no mesmo estilo de som, principalmente no big room e no eletro house. Os novos talentos têm muito tempo para produzir e encontram novas sonoridades e novos estilos, isso faz com que os DJs mais conhecidos agarrem neles e os levem para palcos maiores.
 
Que novidades podem revelar acerca do futuro da carreira dos Blasterjaxx?
Vai ser ainda melhor do que já está a ser! Temos novas faixas a sair.
 

Sinto muitas saudades de atuar juntamente com o meu parceiro.

 
E Portugal? O que significa para vocês?
Portugal... Posso descrever em três palavras? Sol, KEVU e bom party people. A última são três palavras mas podemos combiná-la como sendo apenas uma.
 
Quais são as diferenças entre atuar sozinho ou com o teu parceiro dos Blasterjaxx?
Boa pergunta. Eu acho que até agora está a ser um pouco difícil. Tenho ainda mais trabalho, literalmente. Antes era tudo muito mais fácil, por exemplo, como éramos dois, um de nós poderia ir para a frente do palco interagir com o público enquanto o outro continuava a misturar as faixas. E agora tenho de fazer as duas coisas ao mesmo tempo, sozinho, o que é difícil.
 
Tens saudades de atuar com o Idir?
Sim, realmente sinto muitas saudades de atuar juntamente com o meu parceiro, especialmente de andar em digressão com ele. Passámos muito tempo juntos na estrada e foi muito bom. Infelizmente, agora é diferente.

 

 

Publicado em Entrevistas
Pág. 1 de 9
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.