27-05-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

O festival MEO Sudoeste, que decorreu no mês passado na Zambujeira do Mar, foi o grande evento de música mais mediático em agosto, segundo um estudo feito pela Cision.
 
O estudo “Maratona dos Festivais de Verão – Ranking Cision” analisou o desempenho mediático de vários festivais, com base no número de artigos noticiosos e o espaço e tempo ocupados pelos mesmos na comunicação social. A análise foi feira a mais de 2000 meios de televisão, rádio, imprensa e online.
 
Segundo a revista Blitz, o MEO Sudoeste foi referido em 795 notícias, seguido pelo Vodafone Paredes de Coura com 1048 e o Sol da Caparica com 462. Entre janeiro e agosto, o NOS Alive foi o mais mediático.
 
Confere abaixo a lista dos festivais mais mediáticos no mês de agosto:
 
  • 1 – MEO Sudoeste
  • 2 – Vodafone Paredes de Coura
  • 3 – Sol da Caparica
  • 4 – EDP Cool Jazz
  • 5 – NOS Alive
  • 6 – Super Bock Super Rock
  • 7 – NOS Primavera Sound
  • 8 – MEO Marés Vivas
  • 9 – Sumol Summer Fest
 
{youtube}aoHL1RR4a38{/youtube}
Publicado em Festivais
O Super Bock Super Rock, o AgitAgueda, o Andanças e o Serralves em Festa são alguns dos 65 festivais portugueses que receberam hoje, 20 de maio, um importante selo de qualidade da plataforma Europa para os Festivais, Festivais para Europa (EFFE).
 
Esta plataforma é coordenada pela European Festivals Association (EFA) e foi lançada em 2014, numa parceria entre a Comissão Europeia e o Parlamento Europeu, com o objetivo de dar visibilidade internacional a festivais de artes e cultura, de modo a que beneficiem de redes de encontro e promoção a nível global.
 
A primeira iniciativa da EFFE é a atribuição de um selo de qualidade a festivais europeus que preencham três requisitos: compromisso artístico, envolvimento da comunidade e perspetiva internacional. De acordo com a listagem divulgada hoje, em Portugal foram selecionados 65 festivais, enquanto na vizinha Espanha apenas foram 27 os escolhidos. No total, a distinção foi atribuída a 761 festivais de 31 países.
 
Além do selo de qualidade, a plataforma EFFE irá ainda atribuir prémios aos melhores festivais, numa cerimónia que acontecerá no Outono, ainda em data e local a anunciar.
 
Em baixo, poderás conferir a listagem completa dos festivais portugueses distinguidos.
 
  • 180 Creative Camp
  • AgitAgueda
  • Andanças Festival
  • Art&Manhas
  • Atlantic Coast Orchestra International Music Festival
  • Bang Awards International Animation Film Festival
  • Barreiro Rocks
  • Biennial of Art of Cerveira
  • Black & White International Audiovisual Festival
  • Bloom | Portugal Fashion
  • Ciclo de Música Antiga [Early Music Festival] Sons Antigos a Sul
  • Circular Performing Arts Festival
  • Cistermúsica - Festival de Música de Alcobaça
  • Doclisboa - International Film Festival
  • FARCUME - Festival de Curtas-Metragens de Faro
  • Fashion Film Festival
  • FEST - New Directors | New Films Festival
  • Festa do Jazz
  • Festim - Festival Intermunicipal de Músicas do Mundo
  • Festival CUMPLICIDADES
  • Festival das Artes
  • Festival F
  • Festival Internacional de Música da Póvoa de Varzim
  • Festival Internacional de Tunas Universitárias "Cidade do Porto"
  • Festival Maré de Agosto
  • Festival Materiais Diversos
  • Festival Oito20e4
  • Festival Rádio Faneca
  • Festival Urbano de Música e Outras Coisas
  • FestivalTerras Sem Sombra
  • FIG- Festival Internacional De Gigantes
  • Finisterra Arrábida Film Art & Tourism Festival
  • FITAS NA RUA (Movies In The Street)
  • FMM Sines - Festival Músicas do Mundo
  • Fora do Lugar - Festival Internacional de Músicas Antigas (International Early Music(s) Festival)
  • GUIDANCE
  • Guimarães Jazz
  • Guimarães Noc Noc
  • HARMOS Festival
  • Imaginarius - International Street Theatre Festival
  • InShadow - International Festival of Video, Performance and Technologies
  • International Folklore Festival of Azores
  • Judaica-Mostra De Cinema E Cultura
  • Lisboa Mistura
  • Lumina Light Festival
  • MAP/P Creative Process Showcase
  • Marionetas na Cidade
  • Milhões de Festa
  • Mostra Internacional de Filmes de Escolas de Cinema//International Schools Film Festival
  • Mostrarte - European Academic Image and Art Festival
  • MOTELx - Lisbon International Horror Film Festival
  • Northern Festival of Dance
  • Oito mãos, monumentos com música dentro
  • OUT.FEST - Festival Internacional de Música Exploratória do Barreiro
  • Outono Vivo
  • Science In The Street
  • Semana dos Palhaços - International Clown Festival
  • Semana Internacional de Piano de Obidos
  • Serralves em Festa
  • Super Bock Super Rock
  • Tá Na Rua' - Street Arts Festival
  • TRC ZigurFest
  • Vaudeville Rendez- vous
  • Walk&Talk Azores - Public Art Festival
  • WOOL - Covilhã Urban Art Festival
 
Publicado em Festivais
Foi em ambiente de festa e muita música, que terminou a 12.ª edição do NOS Alive. Durante três dias de lotação esgotada passaram pelos diversos palcos do festival, nomes como Pearl Jam, Arctic Monkeys, Branko, Future Islands, The Gift ou Franz Ferdinand.
 
Na conferência de imprensa que decorreu pouco depois da atuação de Jack White no sábado, dia 14, o presidente da autarquia, Isaltino Morais, no balanço final do evento, anunciou que foi assinado um protocolo com a Everything is New, que prolonga a presença do NOS Alive por mais cinco anos e falou também sobre as alterações que vão acontecer no Passeio Marítimo de Algés.
 
"Estes cinco anos vão permitir-nos tratar das infraestruturas físicas. É importante criar condições de mobilidade, de acessibilidade e segurança. Portanto, vão assistir a transformações na paisagem física, particularmente na ligação ao rio", explicou o autarca. A ideia é permitir uma "melhor estadia" aos visitantes do festival.
 
Em 2019, o festival regressa a Oeiras nos dias 11, 12 e 13 de julho. Ainda sem nomes no cartaz, os bilhetes já estão à venda nos locais habituais com a entrada diária a custar 65 euros, e o passe geral 149 euros. 
 
Recorde-se que este evento realizou-se pela primeira vez, em 2007, com a designação Oeiras Alive. Este ano e segundo dados da organização, pelo recinto passaram mais de 165 mil pessoas.
 
Publicado em Festivais
O Rock One é o novo festival de Verão, com um conceito inovador que junta a música ao desporto automóvel. Durante 4 dias de pura emoção, poderás ouvir as suas bandas favoritas e aproveitar o melhor que um autódromo pode proporcionar.

No Autódromo Internacional do Algarve, em Portimão, irás encontrar um espaço único de diversão. Desde o fim de tarde até ao dia nascer, a animação vai ser constante já nos próximos dias 5, 6, 7 e 8 de Agosto.

Com uma área afecta ao evento superior a 80.000 m2, e infra-estruturas que proporcionam a implementação de espaços fantásticos de diversão e animação, nomeadamente Restauração, Zona Vip, Zona Electrónica, Etc.

O Autódromo de Portimão é o local ideal para acolher este novo conceito de viver a música e o desporto motorizado, no melhor Verão da Europa.

Anastacia, James Morrison, Bloc Party, Mia Rose e DJ Tiësto são as presenças já confirmadas para o palco principal.
Publicado em Festivais
Lisboa vai receber um novo festival de música eletrónica no próximo dia 9 de junho, no Campo Pequeno, com grandes nomes nacionais e internacionais e o Portal 100% DJ como Media Partner Oficial.
 
Thomas Gold, Matisse & Sadko, KEVU, Justin Mylo, D.O.D. e Audiotricz são os artistas confirmados para a primeira edição deste festival. Se és DJ, podes ter a oportunidade de abrir o evento, participando num concurso com um set de 30 minutos através do site oficial do Discoveries Festival.
 
Os bilhetes já se encontram disponíveis com preços entre os 15 e os 560 euros na Ticketline e nos restantes locais habituais.
 
Publicado em Festivais
A Cidade do Rock está pronta a abrir portas! Com um cartaz gigantesco e a promessa da melhor edição de sempre, a festa regressa ao Parque da Bela Vista em Lisboa nos próximos dias 23, 24, 29 e 30 de junho, com milhares de festivaleiros reunidos em torno de um objetivo: divertir-se ao máximo.
 
The Chemical Brothers, DJ Vibe, DJ Kamala, Diego Miranda e Karetus são alguns dos nomes confirmados para o Rock in Rio Lisboa, cujos horários podes conferir aqui. Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais a partir de 69 euros, estando já esgotados os passes de fim-de-semana e a entrada do dia 24 de junho.
 
Confere abaixo todas as áreas da edição deste ano:
 
Palco Mundo
 
 
O Palco Mundo é o mainstage do evento, por onde vão passar nomes como os The Chemical Brothers. Ao todo são 2500m2, 80m de comprimento, 27m de altura, mais de 500 mil watts, mais de 400 projetores, 80 toneladas de estrutura e 8 torres de delay.
 
Music Valley
 
 
Desde o hip hop à eletrónica, o palco Music Valley vai receber vários artistas de vários géneros musicais, como Moullinex e Vintage Culture. Além disso, os festivaleiros podem ainda refrescar-se nas Somersby Pool Parties.
 
EDP Rock Street
 
 
O tema desta área é a cultura africana, com a atuação de diversos artistas do género. Ao todo são 19 casas inspiradas em vários países de África e está programado ainda um desfile ao meio dia com um elefante de 3 metros de altura.
 
Super Bock Digital Stage
 
Este palco é uma novidade e irá receber fenómenos do entretenimento digital como youtubers e humoristas, mas também espetáculos de karaoke, lip sync battles, desafios interativos e quizzes.
 
Yorn Street Dance
 
São 114 bailarinos que vão passar por este palco com muitas horas de dança. A curadoria fica a cargo da Jazzy Dance Studios.
 
Pop District
 
 
É um quarteirão inteiramente dedicado à cultura pop com várias iniciativas, incluindo a Wall of Fame.
 
Worten Game Ring
 
 
Esta zona é uma novidade no Rock in Rio Lisboa, onde os festivaleiros poderão entrar no mundo do gaming, com torneios de vídeo jogos a decorrer.
 
Time Out Market Rock in Rio
 
Se pretendes ter uma refeição mais requintada, este é o local ideial. O Time Out Market será um mercado pop-up de alta cozinha com a presença de chefs conceituados.
 
Dino Parque
 
 
Além de novidade é uma área para toda a família, com dinossauros que irão animar as tardes dos mais pequenos.
 
Roda Gigante Cofidis
 
Prepara a máquina fotográfica e os telemóveis. Aqui vais poder tirar fotografias a todo o recinto desde o ponto mais alto, com uma belíssima vista de Lisboa.
 
Slide 7UP
 
É outro clássico do Rock in Rio Lisboa. O habitual slide está de volta, para poderes viver uma aventura radical enquanto os melhores artistas atuam no Palco Mundo.
 
Área VIP
 
 
É a melhor vista para o Palco Mundo, com todas as comodidades de luxo. Contém duas áreas lounge e sete bares.
Publicado em Rock in Rio
sexta, 20 julho 2018 20:50

Boom Festival regressa a Idanha-a-Nova

Os 150 hectares da Boomland, em Idanha-a-Nova, preparam-se para receber o regresso do Boom Festival, no próximo dia 22 de julho. A 12ª edição do evento termina no dia 29 deste mês.
 
Este ano, a organização espera festivaleiros de 147 nacionalidades estrangeiras, sendo que 85% do público será também proveniente de outros países. Nesta edição o país convidado será a Costa Rica.
 
“O Boom Festival é um dos principais ativos de Idanha-a-Nova enquanto Cidade da Música, no âmbito da Rede de Cidades Criativas da UNESCO. Tem dado um contributo essencial para o sucesso da estratégia de desenvolvimento do município, por todo o valor que cria na região, direta e indiretamente. Podemos referir a criação de riqueza e emprego, toda a inovação em termos de práticas de sustentabilidade ambiental e social ou a projeção internacional muito positiva de Idanha e de Portugal”, referiu Armindo Jacinto, presidente da Câmara Municipal daquela localidade.
 
A sustentabilidade ambiental é um dos grandes objetivos a ser destacados pelo Boom Festival, tendo já vindo a ganhar o prémio de “Outstanding Greener Festival Award” durante vários anos.
 
Segundo Joaquim Morão, antigo presidente das Câmaras Municipais de Idanha-a-Nova e Castelo Branco, o festival tem “um impacto na economia nacional a rondar os 35 milhões de euros”.
 
Publicado em Festivais
O número de festivais de música cresceu 18% em 2016, atraindo mais de dois milhões de espetadores, com um impacto na economia nacional de 100 milhões de euros, segundo uma informação divulgada na sexta-feira pelo Ministério do Ambiente. 
 
“Em 2016, realizaram-se em Portugal 249 festivais de música, o que representa um crescimento de 18% face ao ano anterior”, salienta o Ministério, que cita dados do Instituto Português de Administração de Marketing para referir que “o impacto desses eventos na economia portuguesa foi de 100 milhões de euros”. 
 
Considerado que estes eventos “têm de se diferenciar para se manterem uma referência”, o ministério liderado por João Matos Fernandes criou o programa “Sê-lo Verde” para incentivar os promotores dos festivais a adotar medidas visando a sustentabilidade ambiental. O programa será apresentado segunda-feira, em Lisboa e terá 500 mil euros vindos do Fundo Ambiental para apoiar soluções ambientais que permitam uma redução dos impactos resultantes da participação em festivais, relacionados, por exemplo, com o lixo produzido ou as emissões de dióxido de carbono. 
 
O Governo pretende também incentivar a utilização de novas tecnologias e de energias renováveis e a opção por ações que contribuam para uma sensibilização ambiental de todos os intervenientes nos festivais, dos espetadores aos patrocinadores e municípios.
Publicado em Festivais
O atual número 1 do Top 100 da DJ Mag está de volta a Portugal. O jovem Martin Garrix vai subir ao palco do festival Nelson Mandela Music Tribute, na Praia do Aterro em Matosinhos, no dia 18 de julho,  juntamente com Bob Geldof, Kaiser Chiefs, Pablo Alboran e Calema.
 
Esta é uma atuação inserida no evento solidário que pretende comemorar o centésimo aniversário de Nelson Mandela, juntamente com várias associações de áreas como a saúde, educação e com um espírito de paz, unidade e esperança.
 
Kura, Wyclef Jean, Gabriel O Pensador, Jimmy P, Steven Tyler e Rui Veloso são outros dos artistas confirmados no festival. Os bilhetes estão disponíveis no site oficial com preços entre os 40 e os 100 euros.
 
Publicado em Festivais
A próxima edição do festival MEO Marés Vivas, que vai decorrer entre os dias 20, 21 e 22 de julho, será realizada num novo local. O evento passa agora a acontecer na zona da Antiga Seca do Bacalhau, em Vila Nova de Gaia.
 
A mudança é apenas de 600 metros, mas segundo a organização, o novo local “permite ao público usufruir de um espaço de maiores dimensões”, que irá receber os dois primeiros nomes confirmados: Kodaline e Goo Goo Dolls. A lotação do MEO Marés Vivas passa assim de 20 para 40 mil pessoas por dia.
 
A identidade do festival é agora reforçada, com a proximidade do evento ao rio e ao mar, fazendo jus ao nome. A organização promete novas confirmações e novidades para os próximos dias, prometendo assim o melhor cartaz de sempre na história do MEO Marés Vivas.
 
Os bilhetes já se encontram à venda nos locais habituais com preços entre os 35 e os 65 euros.
 
Publicado em Festivais
Pág. 1 de 14
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.