20-07-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

quinta, 04 novembro 2010 15:34

Optimus Look Alive com importante nomeação

O passatempo Optimus Look  Alive!10, desenvolvido para promover o festival Optimus Alive!10, acabou de ser nomeado na categoria “ Low Budget”, dos BEA - European Best Event Award.
Segundo informa o comunicado da Optimus, “esta nomeação premeia a aposta da marca no desenvolvimento de projectos diferenciadores e arrojados, tendo como parceiros as empresas mais dinâmicas e mais capazes.”

Os vencedores dos BEA serão conhecidos já no próximo dia 15 de Novembro, numa cerimónia que vai ter ligar em Milão, Itália.
 
Os BEA foram criados com o objectivo de premiar e valorizar os eventos mais inovadores a nível europeu, com um orçamento inferior a 50.000€.
Publicado em Festivais
O Optimus Alive volta a fazer História com os Passes de 3 Dias e os Bilhetes Diários para 15 de Julho a esgotarem por completo a 35 dias do início do Maior Evento de Música e Arte.

Pensando em quem pretende ir aos dois primeiros dias do Optimus Alive'12, a organização criou uma nova tipologia de bilhete: um passe especial para os dias 13 e 14 de Julho. Este passe especial, que dá acesso aos dois primeiros dias do festival, já se encontra à venda, com o valor de 89 euros e limitado a 4.000 unidades.

A venda de bilhetes no estrangeiro já superou o máximo histórico de 7 mil estrangeiros em 2011, estando confirmada a presença de 12.500 estrangeiros, de 41 nacionalidades. Mais de 10 mil desses estrangeiros vão marcar presença durante os 3 dias do Optimus Alive'12.
 
O maior número de estrangeiros é oriundo do Reino Unido (6300) e de Espanha (4600), mas na edição deste ano vão estar presentes festivaleiros de pontos tão distintos do globo como África do Sul, Catar, Chile, Egipto, Eslováquia, Filipinas, México, Turquia ou Ucrânia, entre muitos outros.

No dia 15 de Julho, vão actuar Radiohead, Caribou, The Kooks e PAUS no Palco Optimus. O Palco Heineken vai receber as actuações de Mazzy Star, The Kills, Metronomy, The Maccabees, Miles Kane, Eli "Paperboy" Reed, Warpaint e SBTRKT. O Palco Optimus Clubbing fica a cargo de Seth Troxler, Moullinex + Xinobi, Carbon Airways, B Fachada, Márcia, Best Youth e Laia.
Publicado em Festivais
A Heineken estará pelo segundo ano consecutivo presente no Optimus Alive como premium sponsor e cerveja oficial do festival. Durante uma apresentação que teve lugar no Lux, em Lisboa, foram anunciados mais cinco nomes para o Palco Heineken e foi revelada uma ação de ativação que dará a hipótese aos consumidores de assistirem aos concertos em cima do palco.
 
No dia 13 de julho o palco recebe, para além dos artistas já anunciados, Rhye, Wild Belle, DIIV e The Legendary Tigerman, enquanto no dia 14 atuam os Brass Wires Orchestra.
 
Mafalda Pescaria, responsável de marketing da Heineken em Portugal, afirmou que o Optimus Alive é o festival que "faz melhor fit com a Heineken", daí a escolha da marca.
 
A responsável de marketing referiu ainda que a marca está a preparar uma ativação para os consumidores que se irá chamar "Sobe ao Palco Heineken", a qual permitirá a alguns consumidores assistirem aos concertos no próprio palco.
 
O fundador da Everything is New, Álvaro Covões, ressalvou a importância do Palco Heineken, não como um palco secundário mas sim alternativo, que atualmente cativa muitos festivaleiros. Acrescentando, ainda, que o Optimus Alive não é um festival que se "esgota somente num palco principal, mas sim no conjunto".
Publicado em Marcas
Time for T e Max Drum foram os grandes vencedores do Live Act e vão atuar no Palco Optimus Clubbing do Optimus Alive. Os Time for T vão ainda editar um álbum pela Optimus Discos. A final decorreu ontem no Santiago Alquimista e contou com a participação de 15 bandas e 15 DJs, que lutaram pelo sonho de atuar no Optimus Alive.
 
O júri composto por Artur Peixoto (Everything is New), Henrique Amaro (Optimus Discos), João Pedro Sousa (Rádio Comercial) e Pacman, tiveram a árdua tarefa de escolher os melhores entre os melhores, para atuar no Festival.
 
Na final do Optimus Live Act, que contou com o apoio da Heineken e Pizza Hut, foram ainda seleccionados o grupo de bandas e DJs que vão actuar no pórtico de entrada do Optimus Alive e que têm a missão de dar as boas vindas aos milhares de festivaleiros. São eles: Adryana Gold, Ash is a Robot, Backwater and the Screaming Fantasy, Basstards, Blue Trash Can, Caelum’s Edge, DeeJay Raposo, DJ Rafa Nobre, Flying Cages, God Bless Jack, Kilindu, Lazer Mike, Ricardo Fonseca, Sepodes, So.ma, The Zanibar Aliens e Uaninauei.
Publicado em Festivais
Local de peregrinação para os adeptos de música eletrónica, o Palco Optimus Clubbing do Optimus Alive está de volta em 2013, com um alinhamento que representa o que de melhor se faz na música eletrónica actual.

No dia 12 de julho, o Palco Optimus Clubbing apresenta um alinhamento de luxo com Jessie Ware, Disclosure, AlunaGeorge, Gold Panda, Redlight, Dusky, Huxley, Shadow Child, Mosca e Two Inch Punch.

Um total de 10 bandas, que vão da eletrónica muito vocal de Jessie Ware, passando pelo house moderno dos Disclosure e pelo electro pop dos AlunaGeorge, sem esquecer o experimentalismo de Gold Panda ou a mistura de grime, garage e funk de Redlight. Uma montra variada do que melhor se faz aqui e agora.
 
Os bilhetes para o Optimus Alive'13 custam entre 53 euros (um dia) e 105 euros (três dias). Artistas já confirmados para o Optimus Alive'13: Alt-J, AlunaGeorge, Band of Horses, Biffy Clyro, Capitão Fausto, Crystal Castles, Dead Combo, Death From Above 1979, Depeche Mode, Disclosure, Django Django, Dusky, Editors, Edward Sharpe and The Magnetic Zeros, Gold Panda, Green Day, Huxley, Icona Pop, Jake Bugg, Japandroids, Jessie Ware, Kings of Leon, Mosca, Of Monsters and Men, Phoenix, Redlight, Shadow Child, Soulwax, Tame Impala, The Bloody Beetroots (Live), Twin Shadow e Two Door Cinema Club Two Inch Punch e Vampire Weekend.
 
Publicado em Festivais
O Optimus Alive vai receber no dia 12 de julho, a visita do grande embaixador da eletrónica maximal - Steve Aoki. O mago norte-americano das pistas de dança, sobe ao palco depois da atuação dos conterrâneos Green Day, para fechar em grande o primeiro dia no Palco Optimus.
 
O homem por trás da Dim Mak Records, além da carreira como DJ, é ainda creditado por ter lançado nomes tão importantes como The Bloody Beetroots, que também actuam no Optimus Alive, Gossip ou MSTRKRFT.
 
Conhecido pelas misturas e remisturas, é ao vivo que o espectáculo Steve Aoki aparece em toda a força com alinhamentos explosivos, mergulhos para a plateia, passeios de barco e até pistolas de confetes. Tudo vale para fazer a festa e Aoki não se poupa a esforços para o garantir.
 
O Optimus Alive regressa ao Passeio Marítimo de Algés nos dias 12, 13 e 14 de julho e os bilhetes custam entre 53 euros (um dia) e 105 euros (três dias) e estão à venda nos locais habituais.
 
Publicado em Festivais
O Optimus Alive, que decorrerá de 10 a 12 de julho no Passeio Marítimo de Algés, foi eleito pelo Gigwise, conceituado site inglês de música, como um dos 10 melhores festivais de 2014. O referido site destaca que o Optimus Alive foi já, em 2013, "um dos melhores festivais de verão" e que, este ano, os apreciadores terão oportunidade de ver em Portugal os Artic Monkeys, Imagine Gragons, MGMT, Chet Faker, The Black Keys e Caribou.
 
Da responsabilidade da promotora 'Everything is New', em parceria com a Optimus, este Festival tem já confirmados, além das bandas destacadas pelo Gigwise, os Interpol, os Poliça e The Lumineers. 
 
Os bilhetes estão já à venda e vão variar entre os 53 euros e os 105 euros, consoante se trate do bilhete diário ou o passe de três dias. Há, ainda, vários outros packs disponíveis e que incluem os bilhetes de comboio na Linha de Cascais ou o intercidades a partir do Porto e de Coimbra. O acesso ao campismo para três dias tem um custo extra de 16 euros.
 
Publicado em Festivais
sábado, 14 julho 2012 18:03

Optimus Alive: Review 13-07-2012

Aeroplane, com o seu estilo bem característico começou desde cedo a animar o palco clubbing onde se destacou o espírito de festa dos cerca de 15 mil estrangeiros que marcaram presença nesta sexta edição do Optimus Alive.
Um pouco ao lado, era a vez das Dum Dum Girls mostrarem o porquê de serem uma das "girls band" que mais cresceu nos últimos anos. Logo a seguir o projecto português Miúda enquanto que no palco clubbing estava prestes a terminar o primeiro live desta edição de 2012 pelas mãos da dupla Logo.

Pelo palco principal, e como seria de esperar, os ritmos foram mais calmos mas não menos inesquecíveis. Snow Patrol, após dois anos de ausência, voltaram a Portugal e a conquistar os presentes, onde se destaca a simpatia de Gary Lightbody (vocalista) e o tratamento das imagens transmitidas pelos ecrãs.

Oscilando entre os altos e baixos bpm's, Gesaffelsetein antecedeu a Busy P que, como poucos conseguem, terminou o set com temas bem diferentes como é o caso de 'Limit To Your Love' de James Blake deixando o público do palco clubbing rendido à sua presença.

Pelo palco Heineken e depois da tão esperada actuação dos LMFAO, era a vez dos portugueses Buraka Som Sistema protagonizarem um dos momentos altos deste dia 13 onde era impossível entrar no recinto do palco Heineken.

Com a tarefa de fechar o palco principal do Optimus Alive, os Justice não ficaram atrás das expectativas e mostraram o porquê de levarem tanta gente ao palco principal num espectáculo de som, luz e vídeo muito bem sincronizado, sem esquecer a cruz e o restante setup que caracteriza esta dupla francesa.

Terminados os concertos deste primeiro dia pelo palco principal a festa continuou pelos palcos Heineken e clubbing com as sonoridades de Brondiski e Death In Vegas respectivamente.

Em género de resumo deste primeiro dia de Optimus Alive, destaca-se a presença de muitos estrangeiros e de muitas crianças, muito provavelmente devido ao facto dos LMFAO marcaram presença neste dia.
 
Vítor Lopes
100% DEEJAY Portal
Publicado em Reportagens
Os Europe Festival Awards anunciaram os finalistas para a edição de 2012 e o Optimus Alive encontra-se nomeado em 4 categorias: "Best Major Festival", "Best European Festival Line-Up", "Artists' Favourite Festival" e "Promoter of The Year" (Everything is New).

Os nomeados nas categorias "Best Major Festival" e "Best European Festival Line-Up" resultaram da votação do público, realizada on-line. As nomeações para as categorias de "Artists' Favourite Festival" e "Promoter of The Year" (Everything is New) resultam da decisão de um júri composto por jornalistas, agentes e outras personalidades importantes da indústria.

Os vencedores vão ser anunciados dia 9 de janeiro durante o Eurosonic Noorderslag em Groningen, na Holanda.

Para a edição 2013 estão já confirmados Depeche Mode, Kings of Leon e Two Door Cinema Club.
 
Publicado em Eventos
segunda, 16 julho 2012 19:10

Optimus Alive: review 14-07-2012

Naquele que foi o segundo dia da edição de 2012 do Optimus Alive, muitos foram os que não quiseram perder a atuação de um dos projetos portugueses que mais seguidores têm conquistado.
Estamos claro a falar de We Trust que, com ajuda de muitos músicos com provas dadas em projetos anteriores, abriram da melhor maneira o palco Optimus.

Ao mesmo tempo, o palco clubbing estava entregue a Shonky e Dan Ghenacia (e que se diga, bem entregue) e pouco depois foi a vez de Guy Gerber demonstrar o porquê de ser um dos nomes mais importantes da cena eletrónica mundial.
Pelas 20h20, era a vez da editora Visionquest, pela mão de Shaun Reeves, Bill Patrick e Ryan Crosson, assumir a cabine do palco clubbing.

No palco Heineken, os The Antlers caminhavam para uma intensa atuação antes dos americanos Awolnation levarem muitos ao palco Heineken, talvez pela simples curiosidade devido ao tema "Sail" mas o que é certo, é que além deste tema há muito a descobrir sobre esta formação liderada por Aaron Bruno.

Voltando ao palco principal, os tão esperados Mumford & Sons, proporcionavam aquele que foi para muitos um dos concertos do dia, pouco depois dos seus compatriotas, Noah & The Whale, terem uma estreia muito feliz por terras lusas.
Começando da melhor maneira, os ingleses Mumford & Sons foram muito bem recebidos e com muitos saltos e sorrisos à mistura o público cantava e mostrava que estava bem informado de quem estava no palco principal do Optimus Alive.

Terminada a primeira metade de concertos do palco principal, o clubbing recebia agora uma das duplas mais carismáticas da atualidade - Art Department.
Não era a primeira vez que marcavam presença em Portugal mas decerto que, mais uma vez, deixaram muitos com vontade de voltarem e depressa.
Após uma paragem de cerca de 2 horas, o palco clubbing recomeçava ás 2h00 numa "special disco version" pela mão de James Murphy (o tal dos LCD Soundsystem) e Pat Mahoney com temas centrados no disco/funky bem "quentes". Casa cheia até ao final de mais um dia pelo palco mais eletronico do Optimus Alive.

Morcheeba tinham a injusta tarefa de compensar todos os fãs de Florence & The Machine, ou apenas alguns pois de certeza que existe fãs de Florence Welch que também os admiram. Os próprios estavam cientes disso e em modo de homenagem até cantaram "You Got The Love" de Florence.

Pouco depois das 00h já se ouvia "Plainsong", marcando assim o início de um dos concertos que mais despertavam o interesse neste cartaz de 2012.
Ao todo, foram cerca de 36 os temas que fizeram parte do vasto alinhamento que os The Cure traziam para a noite de 14 de Julho.
Robert Smith, de 53 anos, líder e único elemento que ainda se mantém desde a formação original levou todos os presentes a um concerto único e que possivelmente pode ser o ultimo por terras portuguesas.

Apesar de o palco clubbing só recomeçar por volta das 2h, o palco Heineken seguia com mais concertos e não menos importantes.
De salientar a actuação de Tricky que era assim o cabeça de cartaz neste segundo dia para o palco Heineken.
Depois da presença de Katy B, foi a vez do francês SebastiAn em modo live, incendiar o palco Heineken numa excelente apresentação de som, luz e vídeo com uma mensagem de critica bastante explicita no que toca a guerra, política, corrupção, etc.
Além do excelente trabalho de som, vídeo e luz e para realçar essa mesma mensagem critica que faz questão em transmitir, SebastiAn, apareceu em cima de um pequeno palco (semelhante a um discurso de um político) e onde as palavras "Votez pour Sebastian" surgiam por diversas vezes.

A noite terminou com a atuação dos portugueses Blasted Mechanism que apresentaram o seu novo visual e também o seu novo álbum "Blasted Generation".
 
Vítor Lopes
100% DEEJAY Portal
Publicado em Reportagens
Pág. 1 de 6
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.