20-03-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

Ainda está em construção, mas já se percebe que será algo inovador. A estrutura com 40 metros de diâmetro inaugurada na edição 2013 no Brasil, terá uma cenografia futurista, inspirada na forma de uma aranha robótica em que pilares de 11 metros de altura simulam a forma de patas gigantes. Com um espaço para público de mais de 1500 m2, a nova Eletrónica Rock In Rio aproxima ainda mais o público dos DJs, ao colocar a cabine num espaço central, que fica completamente rodeado pelo público.
 
Nomes como Hercules and Love Affair, DJ Vibe, Rui Vargas, Magazino e Miss Sheila são alguns dos 30 artistas nacionais e internacionais que prometem animar a Cidade do Rock pela noite fora, celebrando desta deita os 10 anos do maior evento de entretenimento e música do mundo, a realizar nos dias 25, 29, 30 e 31 de maio e 1 de junho, no Parque da Bela Vista.
 
Na infografia em baixo poderás conferir o line-up completo de artistas para os respetivos dias de evento.
 
Créditos Fotográficos: Agência Zero.
 
 
Publicado em Rock in Rio
Os The Chemical Brothers vão subir, pela primeira vez, ao Palco Mundo da Cidade do Rock, marcando presença na 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa. A banda que ao longo de mais de 20 anos tem vindo a redefinir a música eletrónica ao vivo, vai atuar no mesmo dia que os britânicos The Killers (29 de junho), prometendo um concerto memorável e recheado de temas bem conhecidos como “Hey Boy Hey Girl”, “Galvanize”, “Star Guitar” e “Go”. 

A dupla britânica vai apresentar os mais diversos hits que marcaram a sua carreira, incluindo temas do seu mais recente álbum Born in the Echoes - o sexto álbum consecutivo da banda a ocupar o lugar número 1 no top do Reino Unido - e irão ainda surpreender todos os fãs com temas que vão estrear este ano. 

Recorde-se que os britânicos Chemical Brothers foram múltiplas vezes nomeados para os mais importantes prémios do mundo da música, incluindo diversos GRAMMYs com os hits “Block Rockin' Beats”, “Galvanize”, o álbum Push the Botton e muito mais. 

Os bilhetes diários e os passes para o segundo fim-de-semana do festival (29 e 30 de junho) estão disponíveis nas lojas FNAC e em bilheteira.fnac.pt (Portugal), Blueticket.pt, Festicket e Ticketmaster (internacional).

A 8.ª edição do Rock in Rio-Lisboa tem data marcada para 23, 24, 29 e 30 de junho 2018 e promete transformar a Bela Vista num gigante parque temático da música, com inúmeras experiências e uma programação surpreendente, que combina o melhor do entretenimento.
 
Publicado em Rock in Rio
Durante o primeiro fim de semana do maior evento de música e entretenimento do mundo, a Cidade do Rock recebeu 125 mil fãs. O dia 25 de maio, o primeiro do evento e o dia dedicada ao metal, contou com 42 mil pessoas, no segundo dia o público quase duplicou e 83 mil fãs marcaram presença no evento.

Durante os dois dias, registaram-se apenas 232 ocorrências com atendimento de saúde, entre dores de cabeça, alergias, baixa tensão ou desidratação, entorses, luxações e alguns casos de consumo de álcool em excesso, especialmente no segundo dia, no qual a faixa etária dominante se situava entre os 18 e os 25 anos.

No próximo fim de semana, a Cidade do Rock volta a encher-se de fãs com um cartaz imperdível, que conta com grandes nomes como Lenny Kravitz, Maroon 5, Stevie Wonder, Bryan Adams, Joss Stone ou Bruce Springsteen no Palco Mundo.
 
Publicado em Rock in Rio
Lisboa ultrapassa este ano o Rio de Janeiro como a cidade que mais vezes acolheu o festival Rock in Rio, evento brasileiro que cumpre dez anos de existência em Portugal.
 
A capital portuguesa acolheu o Rock in Rio pela primeira vez em 2004, colocando a Cidade do Rock no Parque da Bela Vista, uma área arborizada e relvada com 200 mil metros quadrados - o equivalente a 20 campos de futebol.
 
Desde então, o festival, criado pelo empresário brasileiro Roberto Medina, aconteceu em Lisboa em todos os anos pares, cumprindo agora a sexta edição e dez anos de permanência em Portugal.
 
Este festival nasceu no Rio de Janeiro em 1985 como um evento destinado a promover o Brasil, tornando-se num dos maiores festivais de música do mundo, tendo tido edições também em 1991, 2001, 2011 e 2012. A sexta edição do Rock in Rio, no Brasil, acontecerá em 2015.
 
Roberto Medina escolheu Lisboa como porta de entrada do festival na Europa, pela proximidade linguística e pelo potencial da cidade. Já depois de Lisboa, o festival estendeu-se a Madrid (em três edições) e terá uma estreia nos Estados Unidos em 2015, em Las Vegas.
 
Nos dez anos de existência em Portugal, o festival Rock in Rio contou com cerca de 1,7 milhões de espetadores, cerca de 400 concertos de alguns dos mais sonantes artistas do pop rock, como Paul McCartney, Peter Gabriel, Stevie Wonder, Metallica, Foo Fighters, Sting, Roger Waters ou Shakira.
 
Na memória ficaram também a atuação cambaleante de Amy Winehouse, o concerto da cantora Britney Spears - acusada de ter feito «playback» - e o de Miley Cyrus, na altura já a transitar da personagem Hanna Montana para a irreverente e polémica intérprete pop da atualidade.
 
A organização do festival tem já garantida a realização do Rock in Rio Lisboa em 2016 e 2018. A autarquia de Lisboa aprovou em abril as duas novas edições do festival, isentando a promotora do pagamento de taxas.
 
Semanas antes da decisão camarária, a responsável pelo festival, Roberta Medina afirmava à agência Lusa a vontade de a organização se manter em Lisboa, dado o sucesso dos anos anteriores: "A nossa intenção é ficar para sempre".
Publicado em Rock in Rio
sábado, 26 maio 2012 11:22

O primeiro dia em números

A cor negra dominou o cenário no primeiro dia de Rock in Rio-Lisboa 2012 mas de longe foi sinónimo de luto ou tristeza. Muito pelo contrário, 42 mil pessoas cruzaram os portões da Cidade do Rock, no Parque da Bela Vista, para assistirem aos concertos de sonoridades mais pesadas, com os Metallica como cabeças de cartaz.
 
Antes de começarem os concertos nos palcos Mundo e Sunset, a Rock Street, com casas coloridas inspiradas em Nova Orleães, foi a sala de visitas do Rock in Rio-Lisboa 2012, recebendo os visitantes com música, performances e artistas de rua.
Ao longo da noite, a animação continuou neste espaço e os números não negam o sucesso da Rock Street: 69 por cento do público deu nota máxima a esta novidade do evento.

Pelo Palco Mundo, passaram nomes sonantes do heavy metal, como Sepultura, Mastodon ou Evanescence, mas James Hetfield e companhia eram os mais aguardados pelo público.

76 por cento dos espetadores vieram nesta sexta-feira ao Rock in Rio-Lisboa 2012 para ver Metallica. E a banda não dececionou, mostrando por cerca de duas horas o seu carinho pelo público português.

E, como não poderia faltar, as tradicionais diversões do festival foram muito procuradas e quem quis andar na roda gigante, montanha russa e slide teve que esperar, em média, 30 minutos.

Hoje, os cabeça de cartaz são os Smashing Pumpkins e os Linkin Park, num dia que também contará com as atuações dos Offspring e Limp Bizkit.
 
Publicado em Rock in Rio
quarta, 20 outubro 2010 15:37

Rock in Rio volta em 2012 à Cidade do Rock

Durante a tarde de hoje António Costa – Presidente da Câmara Municipal de Lisboa e Roberta Medina – Vice-Presidente do Rock in Rio, assinaram o protocolo do Rock-In-Rio Lisboa 2012 que garante o regresso do maior evento de música e entretenimento do mundo ao Parque da Bela Vista nos dias 25 e 26 de Maio, 31 de Maio, 1 e 2 de Junho de 2012.

No entanto é de salientar que o próximo RIR se realiza no Rio de Janeiro em 2011.

Poderás consultar mais informações na 100% DJ MAG que já se encontra online!
 
Publicado em Rock in Rio
A edição deste ano do Rock in Rio Lisboa, que terminou no passado fim-de-semana, foi, mais uma vez, um verdadeiro sucesso. Nos vários palcos espalhados pela Cidade do Rock, muitos foram os artistas de música eletrónica que atuaram para milhares de pessoas durante a sexta-feira e sábado. 
 
 
MERGULHAR AO SOM DA MELHOR MÚSICA ELETRÓNICA
 
 
As Somersby Pool Parties vieram para ficar. Durante os dois últimos dias de Rock in Rio Lisboa, vários nomes como DJ Big, Van Breda, Isabel Figueira e o residente Francisco Praia deram música à piscina da Cidade do Rock. No último dia, houve ainda tempo para recriar o famoso programa “Ai os Homens”, apresentado por José Figueiras. Esta ação teve assinatura da organização das festas “Revenge Of The 90s”.
 
 
A RESIDÊNCIA CONTINUOU
 
 
Ficou sempre a cargo de inaugurar as Somersby Pool Parties. Francisco Praia, DJ residente daquele palco, apresentou mais uma vez vários sets dos mais diversos estilos musicais, que proporcionaram momentos únicos ao som de ritmos dançantes até sensivelmente ao pôr-do-sol.
 
 
NOVENTEIROS QUE SABEM FAZER A FESTA
 
 
Se és fã das eternas músicas dos anos 90 então não podes perder a próxima festa “Revenge Of The 90s”. Van Breda, Galão com Coca e André Henriques foram os DJs encarregues de recordar todos os festivaleiros que nos anos 90 também se fazia boa música. Ao longo da noite, com o tema “Welcome to the Jungle”, muitos foram os momentos em que se recordou a música, a televisão e figuras marcantes da época, com direito a convidados especiais como os Ena Pá 2000, ou os Haddaway. 
 
 
OS IRMÃOS DA ELETRÓNICA
 
 
The Chemical Brothers dispensam qualquer tipo apresentações. Deram um espetáculo único, ao som dos seus mais famosos êxitos, os irmãos apresentaram um show repleto de efeitos especiais no Palco Mundo que deliciou todos os festivaleiros amantes de música eletrónica.
 
 
O HIP HOP PELAS MÃOS DE DJ BIG
 
 
Uma das sunset parties da piscina da Somersby ficou a cargo de DJ Big. O artista português ofereceu um set recheado de sonoridades hip hop e todas as suas vertentes, fazendo dançar todos os presentes.
 
 
ISABEL FIGUEIRA: DA TELEVISÃO PARA OS PRATOS
 
 
Para quem pensa que a Isabel Figueira é apenas uma figura da televisão, engane-se. A artista portuguesa tem investido também na arte do djing e animou a piscina da Cidade do Rock, com um DJ set bastante versátil, para todos os gostos e idades.
 
 
DIEGO MIRANDA, A DOBRAR
 
 
Após o cancelamento de última hora dos Karetus, que não aceitaram as mudanças de horários devido à transmissão do jogo da Seleção Portuguesa de Futebol, Diego Miranda teve direito a um set alargado. Mais uma vez, o DJ e produtor português que se prepara para aterrar no Tomorrowland, pôs todos os seus fãs a dançar e a saltar.
 
 
PRODÍGIO BRASILEIRO
 
 
Vintage Culture foi o responsável de encerrar a edição deste ano do Rock in Rio Lisboa, no palco Music Valley. Sempre acompanhado de vários efeitos especiais, fogo e CO2, o artista brasileiro apresentou um set que recebeu nota positiva na pista de dança do festival.
 
 
Até 2020, Rock in Rio Lisboa!
 
 
Publicado em Reportagens
Este ano, na quinta edição, passaram pelo Parque da Bela Vista, 353 mil pessoas vindas de vários pontos do país, e do Mundo.
 
À semelhança das edições anteriores, a organização voltou a apostar nos encontros únicos no Palco Sunset e no público adepto da música de dança. Até ao fecho de portas, a Eletrónica tomou conta do Parque da Bela Vista.

Uma das novidades do Rock in Rio-Lisboa 2012 chama-se Rock Street. Estreada no Rock in Rio 2011, no Rio de Janeiro, este novo espaço do evento bebe do espírito da cidade norte-americana Nova Orleães.

A Street Dance é outras das novidades do Rock in Rio-Lisboa 2012. A estreia foi na capital portuguesa. Segue agora para Madrid e para o próximo ano é a vez do Rio de Janeiro e Buenos Aires, na Argentina, acolher este espaço onde a dança de rua está em destaque.

Em 2014, o Parque da Bela Vista volta a ser a Cidade do Rock. O anúncio oficial foi feito este domingo, 03 de junho.
 
Publicado em Rock in Rio
sexta, 26 março 2010 17:14

Rock In Rio Lisboa fecha cartaz

A organização do Rock In Rio, acaba de confirmar a presença dos últimos nomes para o Palco Mundo – Amy Macdonald actua a 29 de Maio e os Soulfly no dia 30 de Maio.

Com estas confirmações fica fechado o line-up do Palco Mundo da quarta edição do Rock in Rio-Lisboa. À semelhança das outras edições, a organização preparou dias temáticos para agradar a diferentes gostos musicais. O dia 21 de Maio será dedicado aos fãs da música pop; a 22 de Maio irá celebrar-se o 25º aniversário que o Rock in Rio comemora este ano, com música que tem marcado várias gerações; o dia 27 de Maio é dedicado aos fãs do rock, o dia 29 destina-se à família e o dia 30 está reservado para os fãs de rock mais pesado.

Para Roberta Medina, Vice-Presidente do Rock in Rio “Estamos muito felizes por termos, mais uma vez, conseguido um cartaz bastante eclético que irá agradar a um grande número de pessoas e com vários artistas que vão actuar em Portugal pela primeira vez. O Rock in Rio é um evento para todas as idades e gostos por isso tentamos sempre fazer um cartaz variado, que agrade a todos.”

Amy Macdonald vem a Portugal apresentar “A Curious Thing”, o novo disco lançado este mês e recordar o seu primeiro trabalho que foi um grande sucesso de vendas. Com o lançamento do novo disco previsto para Maio, também os Soulfly trazem novidades para apresentar aos fãs.
Publicado em Rock in Rio
sábado, 26 maio 2012 15:38

Eletrónica Heineken 26.05.2012

Tenda Eletrónica Heineken 26 maio 2012
 
Azari & III Live (CN)
O concerto dos canadianos Azari & III promete ser um dos pontos altos de hoje. Os produtores Dinamo Azari e Alixander II e os vocalistas Fritz Helder e Cedric Gasiada ficaram conhecidos mundialmente pelo single “Hungry for Power” e apresentam-se pela primeira vez no Rock in Rio, um ano depois de terem dado um concerto memorável em Lisboa.

Miguel Quintão (PT)
Miguel Quintão é um dos mais conceituados DJ's e apresentadores de rádio em Portugal. É ainda o criador dos projectos Zig Zag Warriors (com Zé Pedro, dos Xutos & Pontapés) e Bons Rapazes (com Álvaro Costa), programa de rádio da Antena 3 que é um sucesso de audiências.

The Magician (BEL)
O belga Magician vem ao Rock in Rio mostrar porque é um dos DJ's mais requisitados da atualidade. Este “mágico” tem mais do que um truque na manga e por isso mesmo não será dificil vê-lo a tocar numa discoteca de Moscovo num dia e em Santiago do Chile no dia seguinte. A sua sonoridade é descrita como dream pop e alternative disco. Recentemente, The Magician produziu o tema “I Follow Rivers” de Lykke Li, video que já tem mais de 11 milhões de visualizações no Youtube. As suas influências passam por Brian Ferry, Supertramp, Human League, Visage, Abba, entre outros. The Magician é também mentor e parte da dupla Aeroplane.

The Discotexas Band Live (PT)
Constituída por Who, Moullinex, Xinobi e Da Chick, The Discotexas Band vai atuar pela primeira vez no Rock in Rio-Lisboa para apresentar o trabalho desenvolvido pelos quatro DJ's portugueses.

Punks Jump Up (UK)
Os Punks Jump Up são uma dupla constituída pelo londrino Joe e pelo sueco David. Apesar de gostarem de batidas mais agressivas, os Punks Jump Up não abdicam de linhas melódicas e por isso mesmo já fizeram remixes de artistas como Gossip, Crystal Castles, Lykke Li, Chromeo, Kele, Miike Snow, Robyn, Tiga, Yelle, Peter Bjorn & John ou Ladytron.

Mirror People (Rui Maia/X Wife) (PT)
Rui Maia, membro dos X-Wife, aposta na sonoridade disco-house para colocar o público a dançar. Deu os primeiros passos enquanto DJ com apenas 16 anos e desde então a sua carreira tem vindo a crescer a grande velocidade. Atualmente é “as mãos” por detrás de Mirror People e tem tocado um pouco por toda a Europa.
 
 
Publicado em Rock in Rio
Pág. 1 de 7
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.