09-07-2020
  Diretor Ivo Moreira  \  Periodicidade Diária
A edição deste ano do Ultra Music Festival acaba de ser cancelada devido ao vírus covid-19, segundo a imprensa internacional. O festival de música eletrónica ia decorrer entre os dias 20 e 22 de março em Miami.
 
A decisão foi tomada hoje, após uma reunião entre a organização do festival e o presidente de Miami, Francis Suarez. Até ao momento, a organização ainda não divulgou nenhum comunicado.
 
Este foi o segundo evento da família Ultra a ser cancelado devido ao novo coronavírus. Esta terça feira, a edição de Abu Dhabi, que iria começar amanhã, foi cancelada “por restrições de viagens impostas por alguns países e companhias aéreas, para indivíduos e grupos”, revelou a organização.
 
Esta é a primeira vez que o festival é cancelado desde a sua primeira edição, em 1999. O festival tem capacidade para acolher cerca de 55 mil pessoas por dia e contava, este ano, com as atuações de Major Lazer, Kygo, DJ Snake, Martin Garrix, entre muitos outros.
 
Os Estados Unidos da América já contam com 9 mortes e mais de 100 pessoas infetadas com o vírus covid-19. O coronavírus soma mais de 95,180 infetados, 3,254 mortes e 51,443 pessoas recuperadas a nível mundial.
 
Atualização (6 de março, 21h40): A organização do Ultra Music Festival emitiu logo um comunicado oficial acerca do cancelamento do festival, através da página oficial de Facebook do evento, lamentando a decisão do presidente de Miami e informou os festivaleiros que irão ser contactados através de e-mail a partir de segunda-feira, para procederem à devoluçao do dinheiro dos bilhetes.
 
O Ultra Music Festival regressa a Miami em 2021, entre os dias 26 e 28 de março.
 
Publicado em Eventos
A dupla Axwell /\ Ingrosso vai subir pela primeira vez ao palco do RFM SOMNII - O Maior Sunset de Sempre, segundo informa o site oficial da rádio que dá nome ao evento. O regresso dos ex-membros do coletivo Swedish House Mafia está marcado para 7 de jullho na Praia do Relógio, Figueira da Foz.

Os bilhetes já se encontram disponíveis nos locais habituais com preços entre os 21,50 e os 146 euros.

Recorde-se que o projeto dos dois artistas suecos esteve pela primeira vez em 2015 (18 de dezembro) na Meo Arena, no evento “Where’s The Party?” com assinatura da Carlsberg.

Confere abaixo todos os artistas confirmados até ao momento:
 
6 de julho:
Yellow Claw
Angerfist
Quintino
Curbi
Tom Staar
GTA
 
7 de julho:
Axwell /\ Ingrosso
Chocolate Puma
Gregor Salto
Moksi
Slushii
Ummet Ozan
 
8 de julho:
Steve Angello
Alan Walker
Brooks
Cesqeaux
Corey James
Garmiani
 
Publicado em Festivais
O festival Seaside Sunset Sessions, que vai decorrer entre os dias 17 e 25 de agosto na Pampilhosa da Serra, vai dar a oportunidade a um DJ de subir ao palco do evento, através de um concurso.
 
Se estás interessado em participar, tens até ao próximo dia 24 de julho para fazer um DJ set com duração de 30 minutos e um título que faça referência ao Seaside Sunset Sessions e enviá-lo para o e-mail Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar..
 
Para a tua inscrição ser validada, deves conferir o regulamento oficial e seguir todas as instruções que te serão dadas. O festival conta com Salvatore Ganacci, Nicky Romero, CØDE, Hugo Tabaco, I Love Baile Funk, Karetus, entre outros no line-up da edição deste ano.
 
Publicado em Mix
O Boom Festival, que decorre entre os dias 28 de julho e 4 de agosto do próximo ano em Idanha-a-Nova, acaba de divulgar o tema da 13ª edição do evento. A escolha recaiu sobre “Antropoceno”.
 
Antropoceno é um convite à reflexão e ação no nosso mundo e no impacto que temos no mesmo, lutando por mudanças de hábitos para tornar o planeta num lugar melhor. 
 
“Mais de duas décadas após a fundação do Boom Festival, séculos após a invenção da máquina a vapor, em plena ebulição de um planeta maravilhoso e inconstante, onde as possibilidades luminosas se entrecruzam com previsões fatalistas, chamamos o ativista em ti, o ser imaginador, apelamos à natureza construtiva do ser humano para um impacto regenerativo, para a vivência num bom Antropoceno”, revelou a organização do festival em comunicado.
 
Ao longo dos anos, o Boom Festival tem sido distinguido com os prémios “Outstanding Greener Festival Award, um importante galardão de eventos sustentáveis.
 
Publicado em Festivais
O DJ britânico é a mais recente confirmação para o NOS Primavera Sound, que vai decorrer no Parque da Cidade do Porto, entre os dias 7 e 9 de junho. Fatboy Slim tem atuação marcada para o dia 6 de junho, na Avenida dos Aliados, com entrada livre.
 
Esta vai ser a primeira vez que o festival acontece no centro da cidade invicta, na véspera de abertura de portas do evento, que este ano conta com algumas novidades como a reorganização do recinto e uma nova zona de alimentação. 
 
Os bilhetes diários já se encontram disponíveis a 60 euros, enquanto que os passes gerais estão esgotados.
 
Publicado em Festivais
Hoje é um dia decisivo para os festivais de verão em Portugal, uma vez que o governo, após o Conselho de Ministros, anunciará novas medidas tendo em conta o contexto atual de pandemia. De acordo com uma análise da CISION, o seu cancelamento representará para as marcas que patrocinam os dez festivais portugueses mais mediáticos, uma perda de retorno mediático superior a 190 milhões de euros.

O fim do estado de emergência marcou o início do desconfinamento e a reabertura gradual da economia, que procura responder agora à crise provocada pelo novo coronavírus. Na realidade, como afirmou o primeiro-ministro, na passada semana, "enquanto houver COVID, não haverá vida normal".

De acordo com a projeção da CISION, em condições normais, em 2020, os festivais mais mediáticos seriam o Rock in Rio, NOS Alive, MEO Sudoeste, Super Bock Super Rock, Vodafone Paredes de Coura, O Sol da Caparica, NOS Primavera Sound, EDP Vilar de Mouros, MEO Marés Vivas e EDP Cool Jazz.

Recorde-se que os promotores dos festivais estiveram na passada semana reunidos com António Costa, os Ministros da Cultura, Saúde e Economia. À saída do encontro e respondendo aos jornalistas, Graça Fonseca não quis adiantar se haverá ou não condições para se realizarem alguns dos festivais ainda agendados e que geralmente concentram milhares de pessoas.

Rock In Rio, Boom Festival, Tremor, Festival do Crato, Sou Quarteira e North Music Festival cancelaram as suas edições para este ano. Por seu lado, o NOS Primavera Sound, no Porto, reagendou a sua edição para o próximo mês de setembro.
Publicado em Festivais
O DJ e produtor israelita é a mais recente confirmação para o cartaz da edição deste ano do festival Dancefloor, que vai decorrer no estádio municipal Dr. Magalhães Pessoa, em Leiria nos dias 27 e 28 de julho.
 
Borgore regressa a Portugal para uma atuação única, onde não faltarão certamente o seus hits “Nympho”, “Decisions” ou “Ice Cream”. 
 
Blasterjaxx, Audioctricz, Noisecontrollers e KEVU são outros dos artistas confirmados no evento. Os bilhetes já se encontram à venda a partir de 10 euros.
 
Publicado em Festivais
O festival Sound Waves regressa este ano à praia de Esmoriz em Ovar no dia 28 de julho e conta com um cartaz de luxo com os melhores nomes da música eletrónica.
 
Alan Fitzpatrick, Luigi Madonna, Cristian Varela, Fatima Hajji, Carlos Manaça, Miss Sheila, Frank Maurel e Fauvrelle são alguns dos artistas confirmados, que prometem tornar a festa memorável, com sonoridades únicas da música house e techno.
 
Os bilhetes estão disponíveis nos locais habituais e na Ticketline. O Portal 100% DJ é Media Partner Oficial do evento.
 
Publicado em Festivais
terça, 12 fevereiro 2019 00:01

Boom Festival conquista prémio internacional

É considerado como um dos maiores festivais do mundo e acaba de receber um novo prémio. Pela sexta vez consecutiva, o Boom Festival conquistou o “Outstanding Greener Festival Award 2018”, sendo o único evento português premiado.
 
Este galardão é uma iniciativa internacional que premeia eventos exemplares para a indústria através das suas práticas de sustentabilidade e redução de impactos ambientais. 
 
Todos os candidatos passam por uma avaliação rigorosa e os resultados foram apresentados no passado dia 18 de janeiro na Eurosonic Noorderslag, na Holanda.
 
O Boom Festival tem apostado na defesa do ambiente, com regras que obrigam todos os restaurantes a usarem material biodegradável, reciclagem de comida, um programa de revitalização da economia local, redução do consumo de energia e água, entre outras.
 
 
Publicado em Festivais
O festival MEO Sudoeste, que decorreu no mês passado na Zambujeira do Mar, foi o grande evento de música mais mediático em agosto, segundo um estudo feito pela Cision.
 
O estudo “Maratona dos Festivais de Verão – Ranking Cision” analisou o desempenho mediático de vários festivais, com base no número de artigos noticiosos e o espaço e tempo ocupados pelos mesmos na comunicação social. A análise foi feira a mais de 2000 meios de televisão, rádio, imprensa e online.
 
Segundo a revista Blitz, o MEO Sudoeste foi referido em 795 notícias, seguido pelo Vodafone Paredes de Coura com 1048 e o Sol da Caparica com 462. Entre janeiro e agosto, o NOS Alive foi o mais mediático.
 
Confere abaixo a lista dos festivais mais mediáticos no mês de agosto:
 
  • 1 – MEO Sudoeste
  • 2 – Vodafone Paredes de Coura
  • 3 – Sol da Caparica
  • 4 – EDP Cool Jazz
  • 5 – NOS Alive
  • 6 – Super Bock Super Rock
  • 7 – NOS Primavera Sound
  • 8 – MEO Marés Vivas
  • 9 – Sumol Summer Fest
 
{youtube}aoHL1RR4a38{/youtube}
Publicado em Festivais
Pág. 1 de 19