18-04-2021
  Diretor Ivo Moreira  \  Periodicidade Diária

Maior competição internacional de Breaking reúne elite em novembro

Publicado em quinta, 11 março 2021 21:55 | Escrito por
Maior competição internacional de Breaking reúne elite em novembro D.R.
A cidade polaca de Gdansk recebe nos dias 5 e 6 de novembro a final mundial do Red Bull BC One e o top 16 mundial masculino e feminino. Será a décima oitava edição da competição que já percorreu os cinco continentes, de Tóquio a Nova Iorque, passando pelo Rio de Janeiro e Paris.
 
Este regresso acontece depois dos condicionalismos ditados pela pandemia em 2020, com todas as qualificações canceladas e uma final mundial realizada em Salzburgo com atletas convidados. Para este ano estão previstas 60 qualificações em 30 países à volta do mundo que prometem revelar ou confirmar os talentos emergentes do Breaking.
 
Uma das novidades da final mundial de 2021 do Red Bull BC One é o alargamento do programa da competição para dois dias, o que permite assegurar no alinhamento do evento da Final Mundial um top 16 feminino.
 
Durante as duas últimas décadas, o Red Bull BC One tem sido o grande palco internacional de uma modalidade claramente em expansão. O Breaking, uma das várias formas de expressão das danças urbanas, movimento cultural iniciado nos anos 80 do século passado nas ruas de Nova Iorque e que rapidamente se expandiu por todo o mundo.
 
A maior e mais prestigiada competição mundial de Breaking 1v1 tem envolvido ao longo dos anos as referências da cena nacional, com os B-Boys Bruce Almighty e Lagaet e a B-Girl Vanessa a levarem bem longe as cores de Portugal. Na final mundial de 2020, o título masculino foi para o B-Boy Shigekix (Japão) - o mais novo de sempre a vencer a competição - enquanto que nas mulheres a B-Girl Kastet (Rússia) conseguiu a revalidação do título conquistado em 2019 na Índia.
 
Em jeito de celebração dos seus 20 anos com o Breaking, o Red Bull BC One lançou, em 2021, a campanha "Breaking Since 2001".
 
Este artigo foi lido 141 vezes