17-11-2019

  Diretor Ivo Moreira | Periodicidade Diária

Sobre Nós  |  Fala Connosco     

A Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da Câmara dos Deputados do Brasil aprovou no passado mês de novembro, um projeto de lei que regulamenta a profissão de DJ. Entretanto foi alterado e volta em breve ao Parlamento brasileiro para que possa ser novamente discutido e, por sua vez, votado.
 
Para exercer a profissão de DJ no Brasil, os artistas têm de ter frequentado um curso técnico de 800 horas, em instituições reconhecidas pelo Ministério da Educação. Para realizar o curso, é obrigatório ter pelo menos 16 anos e o ensino médio completo (ou estar ainda a frequentar).
 
Esta nova regra não se aplica aos profissionais que já estejam a trabalhar na área há, pelo menos, cinco anos, nem para os DJ estrangeiros que permaneçam no Brasil até um mês.
 
A duração do trabalho de um DJ profissional também foi tida em conta e não pode superar as seis horas por dia e ir até 30 horas por semana. Essa duração é o período de apresentação ao público, incluindo também ensaios e atividades de promoção do artista. O DJ deverá ainda ter direito a um intervalo para refeição e descanso de 45 minutos, no mínimo. Em relação às horas extras, o pagamento tem uma subida de 100% sobre o valor normal. Se o artista trabalhar em condições perigosas, o projeto de lei prevê ainda que o mesmo deva receber um pagamento adicional.
 
Em Portugal, “Disc Jockey” é reconhecido como um profissional das artes do espetáculo. Isto é, desde 2010 que o Instituto Nacional de Estatística inclui o “Djing” na Classificação Portuguesa de Profissões com o número 26.59.1 e é conferido o direito de usar o C.A.E. 90010 a quem iniciar/exercer a atividade com esse número.
 
Em termos burocráticos, recorde-se que a PassMúsica (entidade legal de proteção dos direitos autor ligados à música) possui uma licença - a Licença de Reprodução para DJs - que abrange todas as pessoas que exerçam a atividade de DJ (profissional ou acessória) cujo objetivo objetivo passa por permitir aos DJs a utilização de gravações musicais em formatos diferentes daqueles em que foram adquiriram originalmente. A licença tem o valor anual de 350 euros.
Publicado em Mix
A Corrida das Cores que decorreu no passado domingo em Vitória, no Brasil, ficou marcada pela presença de uma "atleta" bastante especial, imparável ao som do set da DJ Jess Benevides que captou o momento em que Aleide Tebaldi, de 92 anos, faz furor na frontline, aquando uma colorblast - altura em que o público faz uma contagem decrescente e atira pó colorido para o ar, criando uma nuvem gigante de várias cores.

O vídeo, publicado no Instagram da DJ, já se tornou viral e conta com mais de 48 mil visualizações e outras tantas partilhas, uma vez que são raras imagens como estas.

"No meio da festa, após a chegada dos atletas, vi aquela senhora com uma bolsinha, uma blusa de oncinha, a dançar super animada e pedi ao meu namorado para fazer um vídeo. Todos estavam encantados com a animação dela. Acredito que ela estava a passar pelo local, viu a festa e acabou por participar" conta a DJ ao jornal brasileiro Gazeta, recordando um momento inesquecível, o qual podes conferir em baixo.
 
 
Publicado em Mix
Na sua primeira edição em terras de Vera Cruz, - no passado fim de semana - o festival belga Tomorrowland, deixou bem claro que o seu grande atrativo é o famoso Mainstage - amplo espaço outdoor que acolhe não só os melhores DJs da cena eletrónica, como também milhares de festivaleiros oriundos de todo o mundo. 
 
Com sucesso absoluto e ingressos completamente esgotados, a organização do Festival que nasceu na Bélgica e que agora está a ser exportado para outros países, confirmou a presença do evento no Brasil por mais cinco anos, ou seja, até 2020 e anunciou ainda as datas para o próximo ano: 21, 22 e 23 de abril.
 
Afrojack, Borgore, David Guetta, Dimitri Vegas & Like Mike, Nicky Romero, Nervo, W&W entre muitos outros artistas divididos por diversos palcos, transformaram a Arena Maeda, em Itu (São Paulo), numa gigantes discoteca que recebeu mais de 50 mil pessoas 
 
Na listagem em baixo, poderás conferir as músicas mais tocadas em pleno MainStage do Festival Tomorrowland Brasil, sendo que as últimas três, foram as mais remisturadas.
 
  • Dimitri Vegas, Martin Garrix, Like Mike - Tremor
  • Alesso - Heroes (We Could Be)
  • Armin Van Buuren - Ping Pong (Hardwell Remix)
  •  

 

  • Calvin Harris - Blame It On The Night (Feat. John Newman)
  • David Guetta, Ne-Yo, Akon - Work Hard, Play Hard
  • Darude - Sandstorm
 
  • Rhythm Of The Night - Corona
  • Oasis - Wonnderwall
  • Queen - We Will Rock You
Publicado em Tomorrowland
A primeira edição do Tomorrowland Brasil decorreu durante o passado fim de semana, com grandes nomes como NERVO, Hardwell, Armin van Buuren e Laidback Luke a atuarem para milhares de pessoas.
 
Com sucesso absoluto, a organização do festival de música eletrónica confirmou a presença do evento no Brasil por mais 5 anos, até 2020. No próximo ano, o Tomorrowland Brasil decorre entre os dias 21 e 23 de abril.
 
Esta primeira edição, completamente esgotada, teve os seus momentos de euforia mas sofreu alguns problemas que foram divulgados pela imprensa brasileira.
 
Segundo a Folha de São Paulo, foi encontrado um corpo de um homem sem vida, com a pulseira do festival, num caixote do lixo. A vítima era um funcionário que prestava o serviço de montagem do Tomorrowland, apresentava ferimentos e foi transferido para o Instituto Médico Legal de Sorocaba, para ser feita a autópsia e descobrir as causas da morte.
 
O mesmo meio de comunicação social escreveu que foram atendidas no centro médico pelo menos 500 pessoas por dia, com sintomas de uso de drogas, desidratação e ferimentos derivados de quedas.
 
O site UOL destacou a forte presença policial no recinto do Tomorrowland Brasil, que até usou cães para procurar drogas entre os visitantes. No primeiro dia do evento, foram registadas 335 ocorrências junto das autoridades devido a brigas e furtos. Duas das pessoas detidas por possuírem pequenas quantidades de estupefacientes pertenciam à organização, que acabou por demiti-las de imediato.
 
Apesar das críticas em relação ao preço dos alimentos e das bebidas, chegou a esgotar vodka em alguns bares do Tomorrowland. O protetor solar foi outro produto que esgotou no evento. 
 
Publicado em Tomorrowland
O festival Tomorrowland realiza-se este ano pela primeira vez no Brasil. Foi uma notícia dada por David Guetta no ano passado, que pôs os cariocas em delírio. Nomes como Afrojack, Alok, Armin van Buuren, Blasterjaxx, Borgore, Don Diablo, Hardwell, Oliver Heldens e Steve Angello vão pisar os vários palcos do evento, que irá decorrer nos dias 1, 2 e 3 de maio em Itu, São Paulo.
 
O evento de música eletrónica já se encontra completamente esgotado e está prevista a presença de 180 mil pessoas durante os três dias de festa, de 56 nacionalidades diferentes. O local escolhido para a edição brasileira do Tomorrowland foi o Parque Maeda, que vai receber 178 artistas, 116 deles internacionais. A organização prevê que o Tomorrowland Brasil se realize naquele local durante os próximos 10 anos.
 
O festival terá um forte impacto na economia local, uma vez que a sua realização deu emprego temporário a cerca de 2000 pessoas e num raio de 30 km, mais de 90% dos quartos estão ocupados. Para o Tomorrowland correr bem, foram contratadas cerca de 7000 pessoas para trabalharem durante os três dias. Devido à crise hídrica que está a afetar aquela área brasileira, o fornecimento de água para o evento é independente, ou seja, foram pedidos 1600 tanques com 15 mil litros de água. O espetáculo visual é um dos pormenores mais importantes, além da música, o que fez com que fossem instalados 56 geradores para garantir toda a energia necessária. A decoração é outro ponto forte do Tomorrowland, que chegou ao Brasil em 89 contentores.
 
A transmissão em direto no Youtube ainda não foi anunciada, mas o canal MTV Brasil já confirmou a transmissão de algumas atuações ao vivo. No canal serão transmitidas duas horas do festival, enquanto que no site oficial serão seis horas. A gravação vai ser depois transmitida em todo o mundo, em dois especiais MTV World Stage de 60 minutos cada, numa parceria entre a SFX Entertainmet e a MTV. No site oficial tomorrowlandbrasil.com também será possível assistir ao vivo o festival durante os 3 dias.
 
A equipa do Portal 100% DJ reuniu algumas informações que podem ser essenciais para quem vai ao Tomorrowland Brasil, mas também são interessantes para os mais curiosos.
 
Acampamento Dreamville
 
Nas DreamLodges vão existir cacifos, mas os festivaleiros deverão levar um cadeado. A tenda inclui um cadeado, almofadas e um ponto de USB.
 
Para quem vai pernoitar nas Easys Tents, se adquirir um upgrade, terá direito a uma tomada (220v). A tenda é impermeável mas não possui lençol ou almofadas.
 
Na Dreamville haverá cabines de duche individual. Para quem for para o Regular Camping ou Easy Tent, cada banho tem o custo de 3 tokens. Quem possui o pacote DreamLodge, terá direito a um banho por dia. Os valores dos banhos não incluem produtos de higiene pessoal. A área dos banhos tem um horário de funcionamento.
Vão estar disponíveis diversas tomadas (220v) apenas nas casas de banho da Dreamville. Também irão estar à venda e para alugar diversos carregadores de telemóvel.
 
Pagamentos
 
Dentro do festival, a moeda oficial é o Token. Podem ser adquiridos dentro do recinto, em dinheiro ou cartão, tal como na loja online. 15,42 euros, por exemplo, correspondem a 9 tokens e o valor está sujeito a alterações. Os tokens que não forem usados, não serão reembolsados.
 
Objetos proibidos
 
Não é permitida a entrada a: Chuveiros portáteis, cadeiras de praia, brinquedos, cartazes, gelo (que pode ser adquirido dentro do recinto), embalagens de vidro, máquinas fotográficas profissionais (sem acreditação), desodorizante em spray (roll on é permitido)...
 
Recomendações
 
Não exagerar no tamanho das malas, apesar de não existir um tamanho máximo permitido. A bagagem com rodas não é recomendável, pois o caminho entre o estacionamento e o festival tem um terreno irregular. A mala considerada ideal pela organização é a backpack, uma mochila para acampamento.
 
Para entrar na área de acampamento com alimentos e bebidas, o festivaleiro deve possuir o voucher de autorização, que é solicitado durante o check-in na Dreamville, no ato da troca do bilhete pela pulseira. Em toda a área do festival não existem bebedouros.
 
Para quem possui o Day Pass, não pode sair e voltar a entrar no festival. A idade mínima para entrar no Tomorrowland é de 18 anos, que vai ser comprovada à entrada, com a apresentação de um documento oficial com fotografia.
 
Segurança
 
O festival conta com o apoio de várias equipas de segurança, entre elas o Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal, Polícia Militar, Polícia Civil e Polícia Rodoviária Estadual.
Os objetos pessoais não devem estar longe de alcance e visão.
 
VIP ZONE
 
Em frente ao palco principal vai existir a área VIP, com 14 mesas a partir de 4 pessoas e uma vista privilegiada e confortável. O preço é de 3638,16 euros por dia. Cada mesa terá direito a uma garrafa de vodka, 2 garrafas de champanhe, 12 bebidas energéticas, água e comida.
 
Quem possuir uma mesa, tem também direito a 4 lugares de estacionamento. Depois de deixar o carro, um transfer gratuito irá deixar os festivaleiros na entrada da área VIP.
 
Publicado em Tomorrowland
A organização do festival Tomorrowland pretende expandir-se a nível mundial, tal como sucedeu no Brasil e com o TomorrowWorld nos Estados Unidos da América. A Ásia e a América Central podem ser os novos destinos.
 
Hoje foi divulgado um vídeo na página oficial de Facebook do festival, que anuncia um livestream especial, intitulado “Unite, the mirror of Tomorrowland”, no México (Cidade do México) e na Índia (Mumbai) no próximo dia 24 de julho, diretamente de Boom, na Bélgica, onde vai acontecer mais um Tomorrowland.
 
A última vez que isto aconteceu, foi quando David Guetta, a meio da sua atuação, anunciou a ida do festival belga para o Brasil, na edição do ano passado do Tomorrowland. Será que a organização do evento vai-se expandir para o México e a Índia? Os rumores de uma edição Indiana já circulam na internet há alguns meses.
Este livestream especial vai também ser acompanhado com atuações de DJs locais, a anunciar em breve. 
 
{youtube}qY0sX7IziRA{/youtube}
Publicado em Tomorrowland
domingo, 10 janeiro 2010 18:55

Rio Music Conference em Fevereiro

Este ano, palestras e painéis foram divididos em 4 temas macro, que servem de orientação junto ao público visitante: CAPACITAÇÃO, TECNOLOGIA, MERCADO E ARTÍSTICO. Os temas, bem como os participantes, mais uma vez trazem ao domínio público o que de mais relevante vem a ser discutido, vendido e apresentado a quem vive e consome música electrónica, de forma a agregar conhecimento e informação para music lovers, executivos, djs, jornalistas, produtores e agentes.

O público assistirá, em dois dias, a uma extensa e rica programação.

Dia 10/02
Palestras - Auditório
18:00 - Economia e Mercado - pesos pesados da indústria do entretenimento discutem os caminhos e oportunidades que se abrem neste cenário pós-crise.
20:00 - Mundo Digital – as diferentes plataformas para se ganhar dinheiro em um universo de gigas e bytes.
22:00 -Questions & Answers (Q&A) – um formato inédito, onde o público participa activamente, com perguntas aos seus ídolos.
Painéis – Lounge RMC – Nos intervalos entre as palestras
19:15 - Legal Issues: Copyrights, Direitos Autorais
21:15 – Legal Issues: Leis de Incentivo


Dia 11/02
Palestras – Auditório
18:00 - Trilhas Sonoras – um debate sobre um dos mercados mais promissores para jovens produtores.
20:00 - Música Independente – como é este mercado que funciona (muito bem) à margem do mainstream.
22:00 - Momento DJ - A música electrónica, assim como a figura do dj, passa por um momento de transição no país. Como se manter em evidência num mercado tão acirrado?
Painéis – Lounge RMC – Nos intervalos das palestras
19:15 – E-Music na World Music – a música electrónica ultrapassou as fronteiras dos clubs e infiltrou-se em todas as camadas sociais.
21:15 – How to be a Rock Star? - Se você tem ou quer ter uma banda, saiba como se comunicar, como se relacionar com gravadoras, fãs e imprensa

Workshops
Para os aspirantes a djs e produtores, os workshops são um prato cheio! Em 6 actividades distintas, o público contará com a prática e a experiência de verdadeiras feras da produção musical, scratching, mixagem e masterização, performance, VJ e trilhas sonoras. Uma oportunidade imperdível de estar em contacto directo com os profissionais que são sucesso nas suas carreiras.

Feira de Negócios
Parte essencial da conferência, a feira de negócios traz um espectro desta indústria que não para de crescer! Agências, selos, clubs, moda, fabricantes de equipamentos e dj shops estarão presentes na conferência, comunicando-se com seu público alvo nesta espetacular plataforma; a fazer negócios ou simplesmente a apresentar as suas marcas.

Village
E, para que o público se sinta ainda mais à vontade no meio de tanta informação, nada melhor do que contar com o providencial suporte do 00 Cozinha Contemporânea, nesta edição homenageando a cidade a cada dia com um prato especialmente preparado. Se a sua for só uma cervejinha, sem problemas. O Bar da Skol estará lá, pronto para servir a mais gelada (e redonda) das “cervas’.
Está a faltar alguma coisa não? Claro, a música! Das 15:00 às 2:00, a radio RMC, sob o comando da lenda viva José Roberto Mahr, apresenta uma deliciosa programação musical, ao vivo, com djs a tocar o melhor do lounge, dub, deep house e tech house. Entre um set e outro, a RMC apresenta, pela primeira vez no Rio, as feras do DMC, o maior e mais tradicional torneio de scratching do mundo, um verdadeiro espetáculo das pick ups com performances de tirar o folego! Semi finais e finalíssima durante a programação.


Mais informações:
www.riomusicconference.com.br
www.twitter.com/rmc2010
Publicado em Eventos
Metallica, Iron Maiden e Bruce Springsteen são os primeiros nomes revelados para o cartaz do Rock in Rio 2013, a realizar no Rio de Janeiro em setembro do próximo ano.

A 15 de setembro de 2013, Bruce Springsteen e a The Street Band regressam ao Brasil 25 anos após o primeiro e único concerto no país. Em junho deste ano, o músico norte-americano e a sua banda fecharam com chave de ouro a mais recente edição portuguesa do Rock in Rio, em Lisboa, perante 80 mil pessoas.

Os Metallica, que também passaram pelo Rock in Rio Lisboa 2012, serão os cabeças-de-cartaz de do festival brasileiro no dia 19 de setembro. Esta será a sexta vez que a banda californiana atua no evento que nos últimos anos se tem dividido por Portugal, Brasil e Espanha.

Presentes no primeiro e no terceiro Rock in Rio, no Brasil, em 1985 e 2001, os Iron Maiden voltam ao Rio de Janeiro a 19 de setembro com o novo espetáculo, «Maiden England», que recria a digressão mundial da banda britânica em 1988.

O Rock in Rio 2013 acontecerá no Rio de Janeiro nos dias 13, 14, 15, 19, 20, 21 e 22 de setembro.
 
Publicado em Rock in Rio
Foi juntamente com o produtor brasileiro Rafa Carneiro, que Frechaut e Litos Diaz, ambos DJs e produtores portugueses, lançaram no passado dia 30 de junho, a faixa "Get Down", conseguindo esta, receber o importante destaque de "faixa oficial do festival Wonderland Brazil Anthem 2014".
 
Lançada pela editora L2K Music, a faixa que também conta com suporte do Portal 100% DJ, promete surpreender o público brasileiro do evento Wonderland, que vai realizar-se nos dias 3, 4 e 5 de outubro em Pernambuco (Recife) inspirado num conceito "Alice no País das Maravilhas".
 
Romeo Blanco, Felguk, Omnia são alguns dos artistas confirmados para pisar a cabine. O evento contará com quatro palcos: Main Stage, Vegas Stage, Mushroom Stage e o Sweet Stage.
 
 
 
 
Publicado em Música
Más notícias para os festivaleiros brasileiros. A edição do próximo ano do Tomorrowland Brasil acaba de ser cancelada, depois de vários rumores circularem pelas redes sociais.
 
O anúncio foi feito numa palestra realizada em Fortaleza, pelas palavras de Luiz Eurico Klotz, diretor da agência que produz o festival belga no Brasil. Em causa está o cenário macroeconómico brasileiro aliado ao risco de prejudicar os parceiros e todo o universo do festival. “Então não basta querer, é preciso conseguir fazer”, referiu Luiz Eurico, fundador da Plus Talent.
 
Mas a esperança ainda não morreu. O Tomorrowland pode regressar ao território brasileiro em 2018 com o tema “Elixir Of Life”, tal como outro grande festival intitulado de Electric Zoo que poderá embarcar no Brasil e breve.
 
Este é o segundo cancelamento da expansão do Tomorrowland pelo mundo, depois do TomorrowWorld que se realizava nos Estados Unidos da América também ter visto o seu fim.
 
{youtube}RS8YgfMQB-E{/youtube}
Publicado em Tomorrowland
Pág. 1 de 6
100% DJ. Projeto editorial independente cujos valores se guiam pelo profissionalismo, isenção e criatividade, tendo como base de trabalho toda a envolvente da noite nacional e internacional, 365 dias online.

Newsletter

Recebe novidades e conteúdos exclusivos no teu e-mail.

Este site utiliza cookies. Ao navegares neste site estás a consentir a sua utilização. Para mais informações consulta a nossa Política de Privacidade.